Carlos, Infante de Portugal

D. Carlos de Portugal (Évora, 18 de fevereiro de 1520 - Lisboa, 15 de abril de 1521), foi um Infante de Portugal, primeiro filho do casamento do rei Manuel I de Portugal e de Leonor de Áustria.[1]

Carlos
Infante de Portugal
Nascimento 18 de fevereiro de 1520
  Paço de São Francisco, Évora, Portugal
Morte 15 de abril de 1521 (1 ano, 1 mês e 28 dias)
  Paço da Ribeira, Lisboa, Portugal
Sepultado em Mosteiro dos Jerónimos, Lisboa, Portugal
Casa Avis
Pai Manuel I de Portugal
Mãe Leonor de Áustria
Religião Catolicismo Romano

BiografiaEditar

Nasceu no Paço de São Francisco, em Évora, onde então se encontrava a Corte devido a um surto de peste que assolara a capital, a 18 de fevereiro de 1520.[1][2]

A 21 de janeiro de 1521 a rainha sua mãe entrou na cidade de Lisboa com pompa e aparato, trazendo já o infante nos braços. Faleceu no Paço da Ribeira, em Lisboa, a 15 de abril do mesmo ano, com apenas 1 ano de vida, oito meses antes da morte do seu pai.[1][2]

Foi sepultado no Mosteiro dos Jerónimos. Jaz no mesmo túmulo onde repousa o seu meio-irmão, o infante Luís, Duque de Beja.[1][2]

Referências

  1. a b c d Sousa, António Caetano de (1735–1749). Historia genealogica da Casa Real Portugueza (PDF). III. Lisboa: [s.n.] p. 243 
  2. a b c Barbosa, José (1727). Catalogo chronologico, historico, genealogico, e critico, das rainhas de Portugal, e seus filhos,. Lisboa: Officina de Joseph Antonio da Sylva, impressor da Academia Real. p. 396