Abrir menu principal

Casa de Cultura Zé Mira

A Casa de Cultura Zé Mira espaço destinado à divulgação da música caipira raiz, na Avenida Olivo Gomes, na cidade de São José dos Campos. [1]

Idealizada pelo próprio Zé Mira, a Casa foi inaugurada em 15 de março de 2004, é a primeira casa de cultura do Brasil a divulgar a música caipira de raiz. Zé Mira foi tropeiro, agricultor, lavrador, pedreiro, compositor, Mestre das Folias de Reis, do Divino e do Moçambique e, principalmente, violeiro. Possui uma legítima casa de pau-a-pique, com paredes barreadas, fogão à lenha e teto protegido por legítimas telhas de coxa.[1] Com um amplo rancho, palco e moderno aparelhamento de som, os violeiros do Vale do Paraíba, Sul de Minas Gerais, dentre outras cidades e Estados, se apresentam Rodas de Viola, apresentando o melhor da música caipira raíz.[2][3]

Localizado em frente ao Parque Burle Marx (Parque da Cidade), na região norte da cidade, o prédio, cedido pela EDP (Bandeirante Energia), tem de 2.677 m².

Sua vida foi contada no livro Nas Trilhas de Zé Mira, um caipira mira o Vale do Paraíba, pela jornalista Lídia Bernardes. Zé Mira faleceu em agosto de 2008, e deixou este legado para a Cultura Caipira.

GaleriaEditar


Referências

  1. a b «Zé Mira e Bandeirante inauguram Casa de Cultura Caipira em SJC». EDP. Consultado em 15 de fevereiro de 2016 
  2. «Zé Mira e Bandeirante inauguram Casa de Cultura Caipira em SJC». SJCCVB. Consultado em 15 de fevereiro de 2016 
  3. «Eventos». SJCCVB. Consultado em 15 de fevereiro de 2016 
  Este artigo sobre Cultura é um esboço relacionado ao Projeto Cultura. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.