Abrir menu principal
Saxe-Weimar-Eisenach
Saxe-Weimar
Brasão da Casa de Saxe-Weimar-Eisenach
Estado Grão-Ducado de Saxe-Weimar-Eisenach
Título
Origem
Fundador João Guilherme, Duque de Saxe-Weimar
Fundação Novembro de 1566
Casa originária Dinastia Wettin
Atual soberano
Miguel de Saxe-Weimar-Eisenach
Último soberano Guilherme Ernesto, Grão-Duque de Saxe-Weimar-Eisenach
Dissolução 1918
Linhagem secundária

A Casa de Saxe-Weimar (a partir de 1741 Saxe-Weimar-Eisenach) é uma casa real alemã que governou os ducados de Saxe-Weimar e Saxe-Weimar-Eisenach. Foi o ramo mais antigo da Linha Ernestina, que por sua vez, é o ramo mais antigo da Casa de Wettin.[1]

O Primeiro Duque da Casa de Saxe-Weimar foi João Guilherme, o segundo filho de João Frederico I, o Magnânimo, que até 1547 era eleitor da Saxônia, mas depois de sua derrota na Guerra de Schmalkalden ele perdeu a dignidade eleitoral para seus parentes albertinos. João Guilherme teve de concordar com a divisão do estado (Erfurter Teilung) limitando a posse de sua família ao Ducado de Saxe-Weimar. A família governou Saxe-Weimar, e desde 1741 governaram como Duques de Saxe-Weimar-Eisenach e, a partir de 1815, como Grão-Duques até que perderam seu trono na Revolução de Novembro em 1918, assim como todas as dinastias alemãs.[2]

Hoje, a família ainda existe e o atual chefe da casa é Michael de Saxe-Weimar-Eisenach, um neto do último Grão-Duque reinante.

Todos os membros da casa são descendentes direto do Duque João Guilherme.

Referências

  1. «Catholic Encyclopedia: Saxe-Weimar-Eisenach». www.newadvent.org. Consultado em 18 de fevereiro de 2018 
  2. «European Heraldry :: Saxe-Weimar». www.europeanheraldry.org (em inglês). Consultado em 18 de fevereiro de 2018 

BibliografiaEditar

  • Dietrich Herfurth, Jochen Klauss, Jürgen Klee (2012). Im Zeichen des Weissen Falken - Sachsen Weimar Eisenach im Zeichen seiner Orden und Ehrenzeichen. Berlin: Biloba Verlag. p. 352. ISBN 978-3-00-039112-5 

Ligações externasEditar