Castlevania II: Belmont's Revenge

vídeojogo de 1991
Disambig grey.svg Nota: Para a versão de NES de Castlevania II, veja Castlevania II: Simon's Quest.

Castlevania II: Belmont's Revenge[a] é um jogo de plataforma desenvolvido pela Konami e lançado no Japão e EUA em 12 de agosto de 1991. É a sequência de Castlevania: The Adventure e o segundo jogo da série Castlevania a ser lançado para o sistema Game Boy.

Castlevania II: Belmont's Revenge
Capa da versão norte-americana.
Desenvolvedora(s) Konami
Série Castlevania
Plataforma(s) Game Boy
Conversões Game Boy Color
Lançamento Game Boy:

Game Boy Color:
Gênero(s) plataforma,
fantasia,
metroidvania,
ação/aventura
Modos de jogo um jogador
Castlevania III: Dracula's Curse
Super Castlevania IV

Uma versão a cores do jogo fez parte da Konami GB Collection Volume 4, lançada exclusivamente na Europa para Game Boy Color. O remake traz algumas novidades, como um suave aumento na velocidade do personagem e melhoras no som e cores, mas em grande parte é uma cópia do jogo original.[1]

JogabilidadeEditar

Ao contrário de seu antecessor, armas secundárias (como água benta e machados) estão disponíveis durante o jogo e, como na maioria dos outros títulos de Castlevania, os Corações são usados para usar e adquirir armas e itens.[2] O jogo inclui quatro níveis, cada um acontecendo em áreas distintas e separadas do castelo com um tema único, como ar, planta, terra e cristal, e podem ser concluídos em qualquer ordem.[2][3] Existem também grandes salas armadilha nos níveis.[2] O jogo utiliza um sistema de senhas.[4]

HistóriaEditar

Após o Dracula ter sido derrotado por Christopher Belmont em 1576 no jogo Castlevania: The Adventure, Dracula joga uma maldição na família Belmont e 15 anos mais tarde ele sai de seu esconderijo, sequestra o filho do Belmont, Soleiyu, e o transforma num demônio. Com os poderes místicos do garoto, Dracula consegue restaurar sua forma humana e reconstrói o castelo, forçando a Christopher a enfrentá-lo novamente para salvar seu filho e Transilvânia.[2][4] Após ser forçado a enfrentar e derrotar seu próprio filho, Christopher segue em fúria rumo ao Conde e o derrota.[5]

DesenvolvimentoEditar

A versão americana do jogo modifica uma das armas secundárias, que troca o crucifixo da versão japonesa por um crucifixo.[3]

RecepçãoEditar

 Recepção
Resenha crítica
Publicação Nota
Pontuação global
Agregador Nota média
Game Rankings 84%[6]

A IGN disse que o jogo utilizou o hardware do Game Boy melhor do que Castlevania: The Adventure, elogiou a inclusão de itens e armas tradicionais da série, assim como a estética mais visualmente limpa. Contudo, afirmou que também teve seus pontos negativos, sendo a falta de velocidade do personagem e curto tempo de jogo alguns destes pontos principais.[3] A GameSpy o considerou um dos melhores jogos de ação do Game Boy.[7] Tim Turi, da Game Informer, também o considerou o melhor Castlevania do Game Boy, citando os gráficos melhorados e o uso de sub-armas.[8]

Notas

  1. Conhecido no Japão como Dracula Densetsu II (ドラキュラ伝説II Dorakyura Densetsu Tsū?, lit. "Lenda do Dracula II")

Referências

  1. Konami. «Konami GB Collection 4» (em inglês) 
  2. a b c d Mark Bozon (18 de janeiro de 2007). «Castlevania: The Retrospective». [IGN]]. Consultado em 12 de julho de 2008 
  3. a b c «Castlevania 2: Belmont's Revenge (1991)». GameSpy. 1 de janeiro de 1999. Consultado em 13 de julho de 2008 
  4. a b Konami staff, ed. (1991). Castlevania II: Belmont's Revenge instruction manual (em inglês). [S.l.]: Konami. p. 11. ???-CW-USA 
  5. «Castlevania II: Belmont's Revenge na TheCastlevaniaDungeon». TheCastlevaniaDungeon (em inglês) 
  6. «Castlevania II: Belmont's Revenge for Game Boy». GameRankings (em inglês). CBS Interactive. Consultado em 1 de novembro de 2018. Cópia arquivada em 4 de abril de 2019 
  7. «Castlevania 2: Belmont's Revenge (1991)» (em inglês). GameSpy. 1 de janeiro de 1999. Consultado em 13 de julho de 2008. Cópia arquivada em 18 de julho de 2009 
  8. Turi, Tim (4 de abril de 2012). «Ranking The Castlevania Bloodline». Game Informer (em inglês). Consultado em 5 de dezembro de 2013. Cópia arquivada em 7 de maio de 2013 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.