Caturaí

Caturaí
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Caturaí
Bandeira
Brasão de armas de Caturaí
Brasão de armas
Hino
Gentílico caturaiense
Localização
Localização de Caturaí em Goiás
Localização de Caturaí em Goiás
Mapa de Caturaí
Coordenadas 16° 26' 48" S 49° 29' 21" O
País Brasil
Unidade federativa Goiás
Região metropolitana Região Metropolitana de Goiânia
Municípios limítrofes Inhumas, Araçu, Goianira, Trindade e Avelinópolis.
Distância até a capital 33 km
História
Aniversário 14 de novembro de 1958
Administração
Prefeito(a) Divina Aparecida Zago (PDT, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 207,154 km²
População total (est. IBGE/2018[2]) 5 038 hab.
Densidade 24,3 hab./km²
Clima Não disponível
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2010 [3]) 0,664 médio
PIB (IBGE/2008[4]) R$ 34 556,957 mil
PIB per capita (IBGE/2014[4]) R$ 10 709,57
Website caturai.go.gov.br (Prefeitura)

Caturaí é um município brasileiro do estado de Goiás. Possui uma área 205,075 Km², e sua população estimada em 2017 é de 5 038 habitantes.[2]

Até no ano de 2015 ocorria na praça central, a Festa do Arroz, que era uma dedicação à lavoura comunitária. Atualmente, ocorre o Encontro de Carreiros, que teve sua primeira edição no ano de 2017, o evento mantém a tradição e a cultura goiana. No mês de junho, por volta do dia 13, ocorre a tradicional festa a Santo Antônio de Pádua, padroeiro da cidade.

HistóriaEditar

O município de Caturaí, teve início na década de 30, com a mudança de Antônio Moreira de Melo, paulista que veio se estabelecer em Goiás.

Antônio com sua família, Carolina da Luz (esposa), e Virgílio Moreira de Melo (filho), compraram uma fazenda chamada Rio do Peixe.

A família de Antônio doou uma parcela de quatro alqueires para famílias carentes da região, onde começaram as primeiras construções. O povoado em sua fundação era freguesia de Inhumas.

Em seguida, um senatório e um centro espírita foram inaugurados no dia 8 de janeiro de 1938[5].

Com a aglomeração de pessoas foi fundado o povoado, cujo nome original era Santo Antônio de Pádua, que permaneceu como seu padroeiro.

O plano da cidade foi elaborado por João Miguel de Lima, genro de Virgílio de Melo, com o auxílio de um topógrafo ou técnico agrimensor (conforme imagem da Planta Original da Cidade de Caturaí[6]). A planta apresenta pequenas alterações se comparada com imagens recentes de satélite. No verso do mapa consta o nome de Manoel Lopes da Silva, porém, não está claro qual a sua participação no processo.

SaneamentoEditar

36,4% das residências possui esgotamento sanitário básico adequado. (IBGE 2010)

ReligiãoEditar

Predominantemente católica: 62%, seguido por evangélica 18% e espirita 7% (dados IBGE 2010)

 
Plano Urbanístico Original do Povoado de Santo Antônio de Pádua, atual Cidade de Caturaí, Goiás. Realizado por João Miguel de Lima, cerca de 1940-44.

HidrografiaEditar

Ribeirão Rio do Peixe.

Córrego Pateiro

Córrego Serra abaixo

EconomiaEditar

Basicamente agropecuária.

Referências

  1. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. a b «Estimativas 2018». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 4 de janeiro de 2019 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil» (PDF). Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 31 de julho de 2013 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. Prefeitura de Caturaí (s.d.). «Historia Caturaí». Prefeitura de Caturaí. Consultado em 6 de outubro de 2014 
  6. Arquivo pessoal do arquiteto Alan Miguel de Lima

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre municípios do estado de Goiás é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.