Abrir menu principal
Cavalos de Corrida
singles de UHF
Lançamento Portugal Portugal
Outubro de 1980
Gravação Estúdios Valentim de Carvalho, Paço de Arcos
Gênero(s) Rock
Duração 5:26
Idioma(s) Português
Formato(s) Single
Editora(s) EMIVC
Produção Nuno Rodrigues
Certificação Prata
Cronologia de UHF
Jorge Morreu
(1979)
À Flor da Pele
(1981)

"Cavalos de Corrida" é o primeiro single e a segunda gravação da banda portuguesa de rock UHF depois da estreia com "Jorge Morreu". O single foi editado em outubro de 1980 e é o primeiro registo do contrato com a Valentim de Carvalho.[1]

A canção principal foi escrita por António Manuel Ribeiro e têm música do guitarrista Renato Gomes. O lado B, "Palavras", é da autoria de António M. Ribeiro.[1] O disco foi gravado no mês de junho mas a editora manteve-o guardado durante três meses.[2] Editado apenas em outubro, atingiu, nos primeiros meses de 1981, a liderança do top nacional de vendas,[3] e tornou-se o primeiro single de rock português a atingir um galardão musical, no caso, disco de prata pelos trinta mil exemplares vendidos.[4] O baterista Américo Manuel já não participou nesta edição sendo substituído por Zé Carvalho.[1]

Este single deu início ao movimento de renovação musical denominado "rock português", juntamente com o tema "Chico Fininho" de Rui Veloso. Os números de catálogo são seguidos;11C 006 40535 e 11C 006 40536, respetivamente. [5] Em 1979, os UHF tinham lançado no mercado o extended play Jorge Morreu,[6] que não obteve sucesso comercial, e "Cavalos de Corrida" já andava a ser tocado pelo país antes de chegar aos estúdios de gravação, num roteiro intenso de concertos por todas as estradas de Portugal.[7] No ano de 1980, os UHF deram 81 concertos de norte a sul de Portugal.[8] O tema não aparece no álbum de estreia da banda tal como era habitual na época.

O primeiro videoclipe desta canção foi realizado pela RTP, para o programa Vivamúsica, mas proibido de ser exibido devido a uma ação judicial interposta por uma associação ligada ao comércio de animais. O vídeo retratava a exploração do cavalo para lá do limite do seu esforço, numa sequência de imagens com alguma violência, fazendo a analogia ao quotidiano da classe operária. Não conformado com a censura a que o vídeo fora submetido, o líder da banda teceu o comentário: "A jovem democracia tem destes equívocos".[9] A canção fala da vida brutal das pessoas de todos os dias.[10]

"Cavalos de Corrida" foi regravado na coletânea Cheio em 1995.[11] Em 2012, foi editado com sonoridade acústica no álbum Ao Norte Unplugged [12] e em versão reggae na coletânea Canções Prometidas - Raridades Vol.3.[13] A canção nos vários formatos contabilizou quinhentas mil reproduções.[14][15]

Lista de faixasEditar

O single é composto por duas faixas em versão padrão. Renato Gomes partilha a composição com António Manuel Ribeiro no tema "Cavalos de Corrida", enquanto que "Palavras" é da autoria de António Manuel Ribeiro.[1]

Lado A
N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "Cavalos de Corrida"  António M. Ribeiro / Renato Gomes 3:03
Lado B
N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "Palavras"  António M. Ribeiro 2:23
Duração total:
5:26
Tema marcado pelas guitarras rasgadas. Primeiro grande sucesso do rock cantado em português. Uma "pedra no charco" na língua inglesa.[16]

Problemas para escutar este arquivo? Veja a ajuda.

Membros da bandaEditar

Referências

  1. a b c d e f g h «Cavalos de Corrida (single)». Discogs. Consultado em 12 de maio de 2014 
  2. Ribeiro, António (2014). Por Detrás do Pano. Avenida da Liberdade 166 1º andar 1250-166 Lisboa: Chiado Editora. p. 37. ISBN 978-989-51-2692-7 
  3. N.L. (26 de março de 2008). «UHF celebram 30 anos no palco da Aula Magna». RTP Notícias. Consultado em 10 de outubro de 2014 
  4. «UHF comemoram trinta anos de rock». Jornal de Notícias. 28 de março de 2008. Consultado em 21 de maio de 2014 
  5. «No início dos anos 80, aconteceu o Boom os pioneiros do rock português». Música Portuguesa Anos 80. Consultado em 21 de janeiro de 2015 
  6. «Jorge Morreu (EP)». Discogs. Consultado em 15 de março de 2016 
  7. «O Rock em Portugal 1980-1989». ANM-A Nossa Música. Consultado em 21 de janeiro de 2015 
  8. Ribeiro, António (2005). Cavalos de Corrida–A Poética dos UHF. Quinta da Graça, Bela Vista, 1950-219 Lisboa: Setecaminhos. p. 291-293. ISBN 989-602-073-6 
  9. Ribeiro, António (2014). Por Detrás do Pano. Avenida da Liberdade 166 1º andar 1250-166 Lisboa: Chiado Editora. p. 195. ISBN 978-989-51-2692-7 
  10. Ribeiro, António (2005). Cavalos de Corrida–A Poética dos UHF. Quinta da Graça, Bela Vista, 1950-219 Lisboa: Setecaminhos. p. 23. ISBN 989-602-073-6 
  11. «Cheio». Fonoteca C.M.Lisboa. 1995. Consultado em 9 de outubro de 2014 
  12. «Ao Norte Unplugged». Discogs. Consultado em 15 de março de 2016 
  13. «Canções Prometidas-Raridades Vol.3». Discogs. Consultado em 9 de outubro de 2014 
  14. Filipa Estrela (20 de março de 2009). «UHF lançam primeiro DVD». Jornal Destak. Consultado em 23 de março de 2015 
  15. Ribeiro, António (2014). Por Detrás do Pano. Avenida da Liberdade 166 1º andar 1250-166 Lisboa: Chiado Editora. p. 272. ISBN 978-989-51-2692-7 
  16. João Santareno (3 de fevereiro de 2014). «Vinil: UHF-Cavalos de Corrida». UALMédia-Universidade Autónoma Lisboa. Consultado em 9 de outubro de 2014 

Ligações externasEditar

Ver tambémEditar