Abrir menu principal
Cemitério Vvedenskoye
Vvedenskoe - Building 04.jpg
País
Endereço
Estatuto patrimonial
Cultural heritage site in Russia (d)Visualizar e editar dados no Wikidata
Find a Grave
Coordenadas

Cemitério Vvedenskoye ou cemitério alemão (em russo: Введенское (Немецкое) кладбище ) é um cemitério histório no distrito de Lefortovo, Moscou, Rússia. Até 1918 foi o local principal de sepultamento das comunidades católicas e protestantes de Moscou, principalmente os russos de ascendência alemã. Após 1918 o cemitério foi secularizado, aceitando sepultamentos de todas as confissões religiosas, incluindo os clérigos ortodoxos. Ao longo de sua história foi também usado muitas vezes como um cemitério militar.

Índice

OrigensEditar

Entre o fim de 1771 e 1772 Catarina II da Rússia, impertriz da Rússia, lançou um édito decretando que qualquer pessoa não tinha mais o direito de ser sepultada em criptas ou adros adjacentes a igrejas. Novos cemitérios tiveram de ser construídos em todo o Império Russo e serem todos localizados fora dos limites das cidades.

Uma das principais motivações por trás destas medidas foi a superlotação em criptas e adros de igrejas. No entanto, o verdadeiro fator decisivo que levou às novas leis a ser aplicadas em uma escala tão grande em todo o império russo foi para evitar mais surtos de doenças altamente contagiosas, especialmente a peste negra que tinha levado ao tumulto da praga em Moscou em 1771.

Quando o cemitério Vvedenskoye foi estabelecido no início da década de 1770, um cemitério alemão do século XVI foi a ele incorporado.

Personalidades sepultadas antes da revolução de 1917Editar

 
Sepulturas dos soldados da Normandie-Niemen adjacente ao obelisco French of 1812

Personalidades sepultadas no período soviéticoEditar

Existe também um cenotáfio a Iona Yakir (1896–1937).

Ver tambémEditar

ReferênciasEditar

  • Russian: Official register of memorial buildings in Moscow (Moskomnasledie) [1]

Ligações externasEditar