Cemitério de Colônia

o primeiro cemitério protestante no Brasil, em São Paulo

Cemitério de Colônia também conhecido como Cemitério Colônia é o primeiro cemitério protestante no Brasil.

ConstruçãoEditar

Foi construído em 1840 pelos imigrantes alemães não católicos. Provavelmente os colonos já o utilizavam não-oficialmente como um cemitério, talvez pelo motivo de estar localizado centralmente entre os terrenos destinados aos colonos em 1829. Está localizado no bairro Colônia no distrito rural de Parelheiros em São Paulo e mede aproximadamente 60x53m. Foi tombado pelo patrimônio histórico do município preservando a história dos pioneiros colonos inscritas nas lápides originais. As lápides foram construídas em alvenaria de tijolos, há mais de 180 anos e a maioria está preservada. A partir de 1845, o cemitério passou a ter uma parte reservada para também receber católicos. O cemitério era cercado nos primeiros anos por uma cerca de bambu, depois por uma de madeira e mais tarde por um muro de taipa. Atualmente é delimitado por um muro de tijolos. Ao cemitério pertenciam também uma capela e uma funerária, e era o único que estava protegido por um muro e um portão, que foram instalados aproximadamente em 1856. Através de um levantamento feito em 2011 foram catalogados 124 túmulos.[1]

Referências

  1. http://cemiteriocolonia.hospedagemdesites.ws/blog/, Cemitério Colônia, 10 de abril de 2017

Ligações externasEditar