Abrir menu principal
Charles Nicolle Medalha Nobel
Tifo epidémico
Nascimento 21 de setembro de 1866
Rouen
Morte 28 de fevereiro de 1936 (69 anos)
Túnis
Nacionalidade Francês
Cidadania França
Irmão(s) Maurice Nicolle, Marcel Nicolle
Alma mater Instituto Pasteur, Lycée Pierre-Corneille
Ocupação biólogo, médico, professor, bacteriologista, microbiologista
Prêmios Nobel prize medal.svg Nobel de Fisiologia ou Medicina (1928)
Empregador Collège de France, Instituto Pasteur

Charles Jules Henri Nicolle (Rouen, 21 de setembro de 1866Túnis, 28 de fevereiro de 1936) foi um biólogo bacteriologista e médico francês.

Em 1909 Nicolle descreveu pela primeira vez, junto com Louis Manceaux, a espécie Toxoplasma gondii, um parasita unicelular que provoca a doença conhecida como toxoplasmose.[1]

Foi agraciado com o Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1928, por investigar uma doença transmitida por piolhos, o tifo exantemático.

Referências

  1. James W. Ajioka e Naomi S. Morrissette. «A century of Toxoplasma research» (em inglês). Int J Parasitol. 2009 July; 39(8): 859–860. 

Ligações externasEditar


Precedido por
Julius Wagner von Jauregg
Nobel de Fisiologia ou Medicina
1928
Sucedido por
Christiaan Eijkman e Frederick Hopkins


 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Charles Nicolle
  Este artigo sobre um médico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.