Abrir menu principal
Chinto
Grafia
Tradução Guerreiro oriental
Outros nomes Gankaku
Kanji 镇东
Hiragana ちんとう
Informações gerais
Classe Kata
Criador(es) Sokon Matsumura
Local(is) de origem Oquinaua
Estilo(s) original(is) Tomari-te
Estilo(s) praticante(s) Shito-ryu
Shotokan-ryu
Wado-ryu
Shorin-ryu
Conteúdo
Técnica base Técnicas ensinadas pelo mestre de wushu Annan
Variação(ões)
  • Chinto (Dai, sho)
  • Kyan no chinto
Técnica(s) correspondente(s) Tang Soo Do: Jintae
Karate icon.svg

Chinto (镇东, Chintō?, combatente do oriente) é um kata praticado em vários estilos de caratê. Sua origem remonta a Oquinaua e aos estilos Tomari-te e Shuri-te, e tem como característica precípua a ligeireza. É praticado por vários estilos e escolas.[1]

Índice

HistóriaEditar

Quando Sokon Matsumura era o encarregado pela guarda real, aconteceu de naufragar nas costas de Oquinaua um chinês mestre de chuan fa, de nome Annan[a]. O referido começou a causar problemas, furtando bens dos moradores locais. Matsumura, por causa de suas habilidades, foi enviado para resolver o problema e, eventualmente, enfretou o chinês, mas a luta não pendia para nenhum dos lados.[2]

Com o impasse, Matsumura resolveu contemporizar e pediu que Annan lhe ensinasse suas técnicas e, em troca, Matsumura o ajudaria a volver para a China. Matsumura passou seis anos estudando com Annan e, findo este período, ele retorna para sua terra natal. Depois disso, o mestre de Oquinaua, no fito de preservar todos os conhecimentos recebidos pelo mestre chinês, compila um kata cognominado de Chinto, ou lutador do leste, combatente do oriente, até como forma de o homenagear.[3][4]

Esta versão, contudo, não está isenta de questionamentos, haja vista que o exercício Chentou ou Chuto seria uma técnica de chuan fa.[5]

GenealogiaEditar

Tomari-te

Shuri-te

Shorin-ryu

Shotokan

Shito-ryu

Chito-ryu

Isshin-ryu

Shindo jinen ryu

Gensei-ryu

Wado-ryu

CaracterísticasEditar

O kata é composto por técnicas avançadas, apenas, muitos dos movimentos são sequências longas e intrincadas[6]. É muito dinâmico e emprega uma grande quantidade de posições que exigem muita velocidade, equilíbrio e coordenação, tendo ainda muitos movimentos circulares. Suas aplicações práticas são inúmeras a se configurar um kata bastante adaptável[5].

VariaçõesEditar

Há três versões principais do kata Chinto, cuja diferença mor entre uma e outra é o embusen: uma da linhagem dos mestres Sokon Matsumura e Anko Itosu — deslocamento linear único —, uma de Kosaku Matsumora — deslocamento linear reto e lateral — e outra de Chotoku Kyan — deslocamento oblíquo.

GankakuEditar

Quando Gichin Funakoshi formou o estilo Shotokan, alterou o nome para Gankaku (岩鶴, garça sobre uma rocha?), pois o kata possui moimentos na base da garça, ou tsuruashi dashi, porém as mudanças não se limitaram ao nome e foram bem mais profundas, com contribuições de Yoshitaka Funakoshi.[5] Esta variante foi compilada a partir da do mestre Kosaku Matsumora, do estilo Tomari-te. Porém, como seu embusen se desenrola próximo a uma linha reta, vê-se aí a influência do estilo Shuri-te. Por outro lado, as transições nas base tsuruashi dashi exigem mais do equilíbrio, resgatando os atributos acrobáticos e de fluidez.

Gankaku shoEditar

No começo do século XXI, o mestre Hirokazu Kanazawa fez uma variante mais tradicional e passou a desenvolver a forma nomeada de Gankaku sho (岩鶴小?), baseada na vetusta Tomari no chinto (泊の镇东?)e introduzida na entindade chefiada por ele (SKIF).[7]

Ainda segundo Kanazawa, a forma achega-se bastante àquela tradicional do estilo Tomari-te e aquela introduzida por Funakoshi é uma adaptação do original Gankaku sho. Continua, dizendo ser a principal razão para tal medida existirem muitas bases não corriqueiras nos outros kata do estilo, como iaigoshi dashi, shiko dashi e hachiji dashi, muitas mudanças de base a proporcionar a movimentação do tanden e técnicas de kaisho waza.

Notas

[a] ^ Annan: algumas fontes sugerem que o nome seria Chinto, Chin Ji ou Chin Tao.[5]

Referências

  1. «Karate-Info» (em alemão). Consultado em 26.dez.2010. Arquivado do original em 5 de janeiro de 2007  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «Shukokai Kata History» (em inglês). Consultado em 26.dez.2010  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. «Wado-ryu» (em inglês). Consultado em 26.dez.2010  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  4. «Significado de los Katas» (em espanhol). Consultado em 26.dez.2010  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  5. a b c d «The Gankaku Kata» (em inglês). Consultado em 08.fev.2011. Arquivado do original em 6 de julho de 2010  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  6. «Isshinryu Karate» (em inglês). Consultado em 26.dez.2010. Arquivado do original em 22 de dezembro de 2010  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  7. «Classificação dos katas Shotokan». Consultado em 08.fev.2011  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  Este artigo sobre caratê é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.