Abrir menu principal

Christine Marie Evert Mill (Fort Lauderdale, Flórida, 21 de dezembro de 1954) é uma ex-tenista dos Estados Unidos da América sendo a nº 1 do planeta por cinco oportunidades. Durante a sua carreira, Evert ganhou 18 títulos de Grand Slam, incluindo um recorde de sete conquistas no Aberto da França. Ela ainda ganhou dois torneios do Grand Slam em duplas.[1]

Tenista Chris Evert
Chris Evert playing tennis at Camp David.png
País  Estados Unidos
Residência Boca Raton, Flórida, EUA
Data de nascimento 21 de dezembro de 1954 (64 anos)
Local de nasc. Fort Lauderdale, Flórida, EUA
Altura 1,68 m
Peso 57 Kg
Profissionalização 1972
Aposentadoria 1989
Mão Direita, Esquerda duas mãos
Prize money US$ 8,895,195
Inter. Tennis HOF 1995
Simples
Vitórias-Derrotas 1304–144
Títulos 157
Melhor ranking 1 (3 de novembro de 1975)
Resultados de Grand Slam
Open da Austrália V (1982, 1984)
Roland Garros V (1974, 1975, 1979, 1980, 1983, 1985, 1986)
Wimbledon V (1974, 1976, 1981)
US Open V (1975, 1976, 1977, 1978, 1980, 1982)
Torneios principais
WTA Championships V (1972, 1973, 1975, 1977)
Duplas
Vitórias-Derrotas 117–39
Títulos 32
Melhor ranking 1
Resultados de Grand Slam de Duplas
Open da Austrália F (1988)
Roland Garros V (1974, 1975)
Wimbledon V (1976)
US Open -
Última atualização em: 7 de novembro de 2010.

Evert é membro do International Tennis Hall of Fame desde 1995.

Índice

Carreira no tênisEditar

Chris Evert foi a primeira da geração moderna de tenistas femininas, com seu talento usando as duas mãos e forte jogo de fundo de quadra. Apesar disso, ela é mais lembrada por sua rivalidade com Martina Navratilova, a única tenista a conquistar mais títulos de simples do que ela (161 contra 157). Seu apelido, "A Dama de Gelo", é tanto um elogio quanto uma descrição. Um reconhecimento da feminilidade que ela trouxe enquanto Billie Jean King estava introduzindo uma dimensão feminista ao esporte, o apelido também compreendia a frieza da determinação de seu jogo. Evert tinha um poder de concentração e uma precisão que fizeram dela uma das mais consistentes tenistas, e apesar de jogar muito bem no fundo também tinha voleios bastante eficientes que a ajudaram a conquistar títulos de duplas em Wimbledon e Roland-Garros. Foi eleita "Atleta do ano" em quatro oportunidades e recebeu o prêmio "Esportista feminina do ano" da revista Sport Illustrated em 1976. Em 1995 foi eleita por unanimidade para o hall da fama do tênis internacional.

Ela, Martina Navrátilová, Margaret Osborne duPont, Steffi Graf, Rafael Nadal, Bob Bryan e Mike Bryan são os únicos tenistas a obter o chamado Década Slam do tênis. Ou seja, ganhar durante dez anos consecutivos pelo menos um dos torneio do Grand Slam por temporada. Não precisa ser o mesmo torneio do Grand Slam, mas tem que ser obrigatoriamente durante dez anos consecutivos e só em simples, duplas ou duplas mistas. No caso de Evert, ela conseguiu uma Década Slam de 1974 a 1983 em Simples.

Vida pessoalEditar

O tênis sempre esteve presente na vida particular de Chris. Seu pai, Jimmy Evert, foi um técnico profissional de tênis. Ela e sua irmã, Jeanne Evert, se profissionalizaram como tenistas e seu irmão, Jack Evert se formou na Universidade de Auburn, onde disputou torneios intercolegiais de tênis. Chris Evert envolveu-se por duas vezes com o também tenista Jimmy Connors, antes de se casar com outro tenista, o britânico John Lloyd, em 1979. Divorciou-se de Lloyd em 1987, e acabou constituindo uma família com o seu segundo marido, o esquiador estado-unidense Andy Mill, com quem se casou em 1988.

Grand Slam finalsEditar

Simples: 34 finais (18 títulos, 16 vices)Editar

Resultado Ano Campeonato Piso Oponente Placar
Vice 1973 Aberto da França Saibro   Margaret Court 6–7(5–7), 7–6(8–6), 6–4
Vice 1973 Wimbledon Grama   Billie Jean King 6–0, 7–5
Vice 1974 Australian Open Grama   Evonne Goolagong 7–6(7–5), 4–6, 6–0
Campeã 1974 Aberto da França Saibro   Olga Morozova 6–1, 6–2
Campeã 1974 Wimbledon Grama   Olga Morozova 6–0, 6–4
Campeã 1975 Aberto da França (2) Saibro   Martina Navratilova 2–6, 6–2, 6–1
Campeã 1975 US Open Saibro   Evonne Goolagong 5–7, 6–4, 6–2
Campeã 1976 Wimbledon (2) Grama   Evonne Goolagong 6–3, 4–6, 8–6
Campeã 1976 US Open (2) Saibro   Evonne Goolagong 6–3, 6–0
Campeã 1977 US Open (3) Saibro   Wendy Turnbull 7–6(7–3), 6–2
Vice 1978 Wimbledon (2) Grama   Martina Navratilova 2–6, 6–4, 7–5
Campeã 1978 US Open (4) Duro   Pam Shriver 7–5, 6–4
Campeã 1979 Aberto da França (3) Saibro   Wendy Turnbull 6–2, 6–0
Vice 1979 Wimbledon (3) Grama   Martina Navratilova 6–4, 6–4
Vice 1979 US Open Hard   Tracy Austin 6–4, 6–3
Campeã 1980 Aberto da França (4) Saibro   Virginia Ruzici 6–0, 6–3
Vice 1980 Wimbledon (4) Grama   Evonne Goolagong Cawley 6–1, 7–6(7–4)
Campeã 1980 US Open (5) Duro   Hana Mandlíková 5–7, 6–1, 6–1
Campeã 1981 Wimbledon (3) Grama   Hana Mandlíková 6–2, 6–2
Vice 1981 Australian Open (2) Grama   Martina Navratilova 6–7(4–7), 6–4, 7–5
Vice 1982 Wimbledon (5) Grama   Martina Navratilova 6–1, 3–6, 6–2
Campeã 1982 US Open (6) Duro   Hana Mandlíková 6–3, 6–1
Campeã 1982 Australian Open Grama   Martina Navratilova 6–3, 2–6, 6–3
Campeã 1983 Aberto da França (5) Saibro   Mima Jaušovec 6–1, 6–2
Vice 1983 US Open (2) Duro   Martina Navratilova 6–1, 6–3
Vice 1984 Aberto da França (2) Saibro   Martina Navratilova 6–3, 6–1
Vice 1984 Wimbledon (6) Grama   Martina Navratilova 7–6(7–5), 6–2
Vice 1984 US Open (3) Duro   Martina Navratilova 4–6, 6–4, 6–4
Campeã 1984 Australian Open (2) Grama   Helena Suková 6–7(4–7), 6–1, 6–3
Campeã 1985 Aberto da França(6) Saibro   Martina Navratilova 6–3, 6–7(4–7), 7–5
Vice 1985 Wimbledon (7) Grama   Martina Navratilova 4–6, 6–3, 6–2
Vice 1985 Australian Open (3) Grama   Martina Navratilova 6–2, 4–6, 6–2
Campeã 1986 Aberto da França (7) Saibro   Martina Navratilova 2–6, 6–3, 6–3
Vice 1988 Australian Open (4) Duro   Steffi Graf 6–1, 7–6(7–3)

Duplas: 4 finais (3 títulos, 1 vices)Editar

Resultado Ano Campeonato Piso Parceira Oponentes Placar
Campeã 1974 Aberto da França Saibro   Olga Morozova   Gail Lovera
  Katja Ebbinghaus
6–4, 2–6, 6–1
Campeã 1975 Aberto da França (2) Saibro   Martina Navratilova   Julie Anthony
  Olga Morozova
6–3, 6–2
Campeã 1976 Wimbledon Grama   Martina Navratilova   Billie Jean King
  Betty Stöve
6–1, 3–6, 7–5
Vice 1988 Australian Open Duro   Wendy Turnbull   Martina Navratilova
  Pam Shriver
6–0, 7–5

Duplas Mistas: 1 final (1 vice)Editar

Resultado Ano Campeonato Piso Parceiro Oponentes Placar
Vice 1974 US Open Grama   Jimmy Connors   Pam Teeguarden
  Geoff Masters
6–1, 7–6

WTA finalsEditar

Simples: 8 (4 títulos, 4 vices)Editar

Resultado Ano Local Piso Oponente Placar
Campeã 1972 Boca Raton Saibro   Kerry Melville Reid 7–5, 6–4
Campeã 1973 Boca Raton (2) Saibro   Nancy Richey Gunter 6–3, 6–3
Vice 1974 Los Angeles Carpete   Evonne Goolagong Cawley 6–3, 6–4
Campeã 1975 Los Angeles (3) Carpete   Martina Navrátilová 6–4, 6–2
Vice 1976 Los Angeles (2) Carpete   Evonne Goolagong Cawley 6–3, 5–7, 6–3
Campeã 1977 New York City (4) Carpete   Sue Barker 2–6, 6–1, 6–1
Vice 1983 New York City (3) Carpete   Martina Navratilova 6–2, 6–0
Vice 1984 New York City (4) Carpete   Martina Navratilova 6–3, 7–5, 6–1

Linha do tempo em Grand SlamEditar

Torneio 1971 1972 1973 1974 1975 1976 1977 1978 1979 1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989
Australian Open - - - F - - - - - - F V A V F - - F -
Roland Garros - - F V V - - - V V SF SF V F V V SF 3R -
Wimbledon - SF F V SF V SF F F F V F 3R F F SF SF SF SF
US Open SF SF SF SF V V V V F V SF V F F SF SF QF SF QF

Referências