Cidade Dormitório

Cidade Dormitório
 Brasil
2018 •  cor •  136 min 
Direção Evandro Berlesi
Produção Otavio Perguer
Produção executiva Werner Pfluck
Roteiro Evandro Berlesi
Elenco Sirmar Antunes
Martina Pilau
Lucas Sampaio
Bruno Krieger
Nunes Miguelangelo
Marcelo Maresia
Anita Dal Moro
Música Superphones
Felipe Chagas
Direção de fotografia Leandro Sagguy, colaboração Ivo Schergl Jr.
Diretor de iluminação Daniel Zerdax
Edição Evandro Berlesi
Companhia(s) produtora(s) Alvoroço Filmes
Lançamento 10 de Agosto de 2018
Idioma português

Cidade Dormitório é um filme brasileiro de 2018 escrito e dirigido por Evandro Berlesi.

O filme foi produzido através do projeto de cinema independente Alvoroço realizado na cidade de Alvorada, no Rio Grande do Sul, que consiste em produzir filmes de baixo orçamento com a população alvoradense, com equipe, elenco e trilha sonora local. O projeto também é rodado em outras cidades, no caso deste 5º longa, ocorreram gravações em Gravataí, Cidreira e Porto Alegre, contando também com participações de atores de outras cidades, como é o caso do consagrado Sirmar Antunes.[1][2]


EnredoEditar

Em 1988, os irmãos Flávio e Patrícia traçam um plano para levar pra cama Cassandra, a garota mais popular da escola. Trinta anos depois, afastados pelo tempo, eles ainda residem na pequena cidade de Alvorada/RS, onde suas vidas são interligadas por habitantes de diversas classes sociais e personalidades obscuras: Cassandra tornou-se dona de casa, é casada com Glauco da Pet, suposto vereador da causa animal. Flávio, viúvo, tornou-se um músico fracassado e um péssimo pai. Patrícia, ainda bela e solteira, é proprietária de uma escolinha infantil, foco de uma tragédia eminente.

ElencoEditar

FestivalEditar

9º Festival MoziMotion - iPhone Film Festival, em Hilversum, Holanda (2019).[3]

First-Time Filmmaker Sessions - 2019

ProduçãoEditar

O filme foi realizado sem orçamento. Ninguém recebeu cachê. Calcula-se que os pequenos gastos não ultrapassaram o valor de 2 mil reais. Cidade Dormitório foi o quinto longa-metragem gravado pelo projeto Alvoroço em Alvorada. O primeiro foi Dá um tempo! (2008), o segundo foi Eu odeio o Orkut (2011), o terceiro foi Eu odeio o Big Bróder (2013) e o quarto foi O maníaco do Facebook (2016). O filme entrará para a programação do canal Cine Brasil TV em outubro de 2018. A produção só foi possível devido a um apoio da empresa Naymar Infraestrutura Audiovisual que disponibilizou equipamentos de iluminação para o projeto. E a finalização da obra também contou com uma campanha bem sucedida de crowdfunding.

Referências

  1. «Sirmar Antunes Grava em Alvorada». A Semana. 16 de dezembro de 2016 
  2. «Lançamento do filme Cidade Dormitório». A Semana. 17 de agosto de 2018 
  3. «Cidade Dormitório participa de festival internacional». A Semana. 27 de setembro de 2019