Circuito de Montjuïc

O circuito de Montjuïc é um circuito de rua antigo situado na montanha de Montjuïc, em Barcelona, na Catalunha. É considerado entre os melhores circuitos da Fórmula 1 de todos os tempos, com a Autosport avaliando-o entre os seus dez melhores no 50º aniversário da categoria em questão.

Circuito de Montjuïc
Mapa do circuito.
Informação geral
Localização Montjuïc, Barcelona, Catalunha, Espanha
Fuso horário UTC+1 (DST: UTC+2)
Coordenadas 41° 21' 59" N 2° 09' 06" E
Eventos principais Fórmula 1
GP da Espanha
(1969, 1971, 1973, 1975)

Campeonato Mundial de Motovelocidade
GP da Espanha
(1950–1955, 1961–1968, 1970, 1972, 1974, 1976)

GP de Penya Rhin
(1921–1923, 1933–1936, 1946, 1948, 1950, 1956)

Circuito de rua temporário (1933–1975)[1]
Comprimento do circuito 3,79 km (2,35 mi)
Curvas 11
Volta mais rápida 1:23.8 (Ronnie Peterson, Lotus-Ford, 1973, Fórmula 1)

HistóriaEditar

Em 1908 o esporte a motor internacional chegou ao Circuito de Baix Penedès, com a Copa da Catalunha. Em 1923, aconteceu no circuito permanente de Sitges Terramar, perto de Barcelona, o primeiro Grande Prêmio da Espanha de automóveis. Em 1932, a corrida foi realizada em um circuito de rua, com o início no Parque de Montjuïc, um parque arborizado sobre uma colina acima do porto da cidade. Na corrida de 1933, foi utilizado o traçado leste do circuito, que se tornou o circuito de Montjuïc propriamente dito, realizando ali as Penya Rhin Grand Prix.

Em 1968, Montjuïc foi selecionado como sede alternativa para o GP da Espanha, que já havia ocorrido no circuito de Jarama, em Madrid. A edição inaugural do Grande Prêmio lá foi realizada lá em 4 de maio de 1969. O caráter variável do traçado anti-horário (com metade da pista muito lenta e a outra metade muito rápida) fez do ajuste perfeito dos carros um desafio.

A pista sediou o Grande Prêmio da Espanha de Fórmula 1 em: 1969, 1971, 1973 e 1975, sendo que, nesta última, um grave acidente com o alemão Rolf Stommelen fez com que a corrida fosse encerrada pela metade e metade dos pontos foram concedidos, com Jochen Mass registrado como o vencedor. Lella Lombardi se tornou a primeira pilota a marcar pontos no campeonato mundial, tendo 0,5 ponto atribuído a seu 6º lugar. A Lola de Stommelen, que perdera um aerofólio, decolou sobre o guard-rail e matou cinco espectadores. Depois da tragédia, Montjuïc nunca mais seria usado para provas da categoria. Montjuïc não sediou em: 1970, 1972 e 1974 que foi realizado em Jarama.

O Grande Prêmio da Espanha 1975 foi marcado pela tragédia. Muitos pilotos sentiram o circuito era perigoso, e o duas vezes campeão mundial Emerson Fittipaldi se retirou em protesto antes do início da corrida. Na volta 26, o veículo de Rolf Stommelen saiu da pista e matou cinco pessoas. A Fórmula 1 nunca mais voltou ao circuito após o acidente.

O circuito de Montjuic foi também o palco da 24 horas de Montjuic, uma corrida de resistência da motocicleta.

Desde 1991, o Grande Prêmio da Espanha foi realizada no Circuito da Catalunha, nos arredores de Barcelona.

Em 2004, o conselho da cidade de Barcelona decidiu marcar o layout do circuito antigo.

Em 13-14 outubro de 2007, o circuito foi utilizado para a Martini Legends, para honrar o 75 º aniversário do circuito. Sinalizando o retorno dos carros de Fórmula 1 a Montjuïc, Emerson Fittipaldi (re-)apareceu em seu Lotus 72, e Marc Gené guiou uma Ferrari

Vencedores de GPs de Fórmula 1 em Montjuïc[2]Editar

Ano Vencedor Construtor Resumo
1975   Jochen Mass McLaren-Ford Detalhes
Não houve em 1974
1973   Emerson Fittipaldi Lotus-Ford Detalhes
Não houve em 1972
1971   Jackie Stewart Tyrrell-Ford Detalhes
Não houve em 1970
1969   Jackie Stewart Matra-Ford Detalhes

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Montjuich Park | Motor Sport Magazine database». Motor Sport Magazine. Consultado em 22 de setembro de 2018 
  2. Montjuïc Chicanef1.com