Abrir menu principal

Circunlóquio é uma figura de linguagem que consiste em um discurso pouco direto, no qual o escritor foge do ponto principal pelo abuso de expressões, que estende demasiadamente algo que pode ser dito em poucas palavras.[1][2]

Exemplos:

  • “Manter um alto grau de atividade…” (Em vez de “trabalhar bastante”)
  • “Grupos de idêntica natureza…” (Em vez de “grupos iguais”)
  • “Estamos trabalhando para que haja consenso entre os estudantes” (Em vez de “Queremos um consenso”)
  • “Estudamos demasiadamente para obtermos êxito na prova de seleção da universidade” (Em vez de “Estudamos muito para passar no vestibular”).
  • “Sua frase está ortograficamente equivocada” (Em vez de “Sua frase está errada”)

Referências

  1. «Circunlóquios». Dicionário inFormal. 10 de junho de 2014. Consultado em 8 de abril de 2019 
  2. Matos, João (4 de dezembro de 2018). «Perífrase ou Circunlóquio». Redaçãomania. Consultado em 8 de abril de 2019 
  Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.