Ciwute, ciutee ou citewe é uma das língua bantu de Moçambique faz parte da família Níger-Congo, esta é falada na província de Manica, em particular nos Distritos de Chimoio, Gondola, Sussundenga e uma parte do distrito de Manica, concretamente no posto administrativo de Vanduzi.[1]

Tem um número de falante estimado em 250,000 de acordo com os dados do Censo de 1997. (S.13b) faz parte do grupo Shona (S.10), na classificação M.Guthrie (1997/71), citado por Sitoe & Ngunga. (2000). O idioma é linguisticamente inteligível com a língua manica falada na parte oeste de Moçambique na fronteira com Zimbabwe e com a língua ndau falada em algumas regiões oeste da província de Sofala.

É uma população maioritariamente agrícola, com terra arável propícia para agricultura de subsistência familiar, com tendências à agricultura comercial principalmente nas hortícolas, cereais, citrinos (laranja, abacate, toranja, limão, tangerina) e a pecuária familiar.

Referência BibliográficaEditar

  • Alfândega. Pita.S.A. (2003). Sena 100 Anos Depois (Tese de Licenciatura) U.E.M. Maputo
  • Sitoe, B. Ngunga, A.(2000) Relatório sobre a Padronização da Ortografia de Línguas Moçambicanas. Maputo
  • Martins, Manuel (1991) Gramática e Dicionário de Elementos Língua Nyungwe. Português – Roma.
  • Kantedza João de Deus. (1964). Elementos da Gramática Cinyanja 1ª edição. S.J.Imprensa Portuguesa. Porto.
  • Ngunga. A.(2004). introdução à Linguística Bantu. 1ª edição. Imprensa Universitária. Maputo.
  • Ngunga. A.(2002) Elementos de Gramática da Língua Yao. Imprensa Universitária, UEM, Maputo.
  • Artur, D. Rosário. Cidade de Chimoio:Ensaio Hitórico-Sociolinguistico - 1ª Coleção Embondeiro.14. Maputo.