Claretianos


Congregação dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de Maria
 
Congregatio Missionariorum Filiorum Immaculati Cordis Beatae Mariae Virginis / Cordis Mariae Filii
Brasão Congregação dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de Maria
Para iluminar o mundo inteiro em fogo com o amor de Deus
sigla
C.M.F.
Tipo: Congregação Religiosa
Fundador (a): Santo Antônio Maria Claret
Local e data da fundação: Vic, 16 de julho de 1849
Aprovação: 21 de novembro de 1860, por Papa Pio IX
Superior geral: Padre Mathew Vattamattan
Presença: Está presente em 66 países, nos 5 continentes
Atividades: colégios, faculdades (a que mais se destaca é o CEUCLAR), centro de espiritualidade, seminários, centros de formação para juventude, missões ad gente, rádios, TV Claret, inúmeras paróquias, etc.
Sede: Via del Sacro Cuore di Maria, 5, 00197 Roma, Itália
Site oficial: www.claret.org
Portal Catolicismo · uso desta caixa

Os Missionários Claretianos (ou formalmente Congregação dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de Maria) são uma congregação religiosa católica fundada por Santo Antônio Maria Claret no dia 16 de julho de 1849.

Desenvolve um extenso trabalho social no Brasil: colégios, faculdades (a que mais se destaca é o Centro Universitário Claretiano), centro de espiritualidade, seminários, centros de formação para juventude, missões ad gente, rádios, emissões da TV Claret, inúmeras paróquias, etc.

Em Portugal dirigem o Colégio Universitário Pio XII, em Lisboa, o Colégio Interno dos Carvalhos, em Vila Nova de Gaia, e dispõem do Seminário do Coração de Maria e de uma ampla Casa de Acolhimento e Espiritualidade na Cova da Iria, em Fátima, perto do Santuário de Nossa Senhora do Rosário de Fátima.

No mundo esta congregação religiosa conta com uma média de 3500 membros, figurando entre uma das 10 maiores ordens e congregações da Igreja. Está presente em 66 países, nos 5 continentes. Seu carisma é a evangelização por todos os meio possíveis e eficazes. Ultimamente, esta congregação tem se destacado pelo pioneirismo no Brasil do ensino à distância.

Superior GeralEditar

  1. Antônio Maria Claret (1849-1850) [1]
  2. Esteban Sala y Masnou (1850-1858) [2]
  3. José Xifré (1858-1899) [3]
  4. Clemente Serrat (1899-1906)
  5. Martin Alsina Sevarroja (1906-1922)
  6. Nicolás García Cuesta (1922-1934)
  7. Felipe Maroto (1934-1937)
  8. Nicolás García Cuesta (1937-1949)
  9. Peter Schweiger (1949-1967)
  10. Antonio Leghisa (1967-1979)
  11. Gustavo Alonso (1979-1991)
  12. Aquilino Bocos Merino (1991-2003)
  13. Josep Maria Abella Batlle (2003-2015)
  14. Mathew Vattamattam (desde 2015) [4]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Biografie des heiligen Antonius Maria Claret y Clará». Consultado em 20 de fevereiro de 2014. Cópia arquivada em 13 de janeiro de 2014 
  2. «Biografie des Generaloberen P. Esteban Sala y Masnou». Consultado em 20 de fevereiro de 2014. Cópia arquivada em 26 de fevereiro de 2014 
  3. «Biografie des Generaloberen P. José Xifré». Consultado em 20 de fevereiro de 2014. Cópia arquivada em 26 de fevereiro de 2014 
  4. [S.l.: s.n.]  Parâmetro desconhecido |Band= ignorado (|volume=) sugerido (ajuda); Parâmetro desconhecido |Titel= ignorado (|titulo=) sugerido (ajuda); Parâmetro desconhecido |TitelErg= ignorado (|contribution=) sugerido (ajuda); Parâmetro desconhecido |Hrsg= ignorado (ajuda); Parâmetro desconhecido |Datum= ignorado (ajuda); Parâmetro desconhecido |Seiten= ignorado (|pages=) sugerido (ajuda); Em falta ou vazio |título= (ajuda)

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.