Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2016). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde janeiro de 2016). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.

O Clube Nacional Borbense (ou Associação Recreativa Clube Nacional Borbense) é uma agremiação esportiva da cidade de Borba, no Amazonas.Destaca-se principalmente no futebol e no futsal.

Nacional
Arcnacionalborbense.png
Nome Clube Nacional Borbense
Alcunhas Naça de Borba
Camaleão Borbense
Torcedor/Adepto Nacionalino
Mascote Camaleão
Fundação 1 de janeiro de 1989 (30 anos)
Estádio Jabotão
Capacidade 4.000
Localização Borba.png Borba, Amazonas AM,  Brasil
Presidente Brasil José Rodenilson da Fonseca Sá
Treinador Brasil Robson Sá
Patrocinador Borba.png Prefeitura de Borba
Competição Amazonas Campeonato Amazonense
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

HistóriaEditar

O Nacional nasceu do projeto do ex-jogador Robsoney Fonseca com seus irmãos Roberto Jaime e José Rodenilson. Torcedor do Nacional de Manaus, Robsoney usou este como inspiração para o nome e o escudo do novo clube, que ficou conhecido como Naça de Borba.

Foi inicialmente fundado apenas para a prática do futsal, dando inicio às atividades no futebol de campo apenas em 13 de Abril de 2004. Representando a cidade de Borba, disputou campeonatos amadores até 2013, quando afiliou-se a FAF e disputou sua primeira competição profissional.

AmadorEditar

Fundado em 1989, iniciou a sua história no futsal, disputando torneios importantes como a Copa TV Amazonas de Futsal[1]. A partir de 2004 o Nacional de Borba, que já tinha uma notoriedade municipal e uma grande torcida, iniciou sua trajetória nos campos. Inicialmente disputou torneios amadores, como a Copa dos Rios, representando a cidade de Borba e, em 2013, contatou a FAF com o objetivo de profissionalizar-se e, neste mesmo ano, disputou sua primeira competição profissional, a Série B do Amazonense daquele ano.

ProfissionalizaçãoEditar

O clube borbense, depois de obter sucesso no amadorismo, resolveu focar objetivos maiores, como a disputa do Campeonato Amazonense de Futebol. Depois de convites da FAF, a profissionalização veio em 2013 para disputar a Série B do Amazonense.[2][3] É oficialmente o segundo clube profissional a representar a calha do Rio Madeira, o primeiro foi o CDC Manicoré.

Com duas vitórias e 6 pontos nos dois turnos, o Camaleão foi 2º colocado e, consequentemente, conquistou o acessoa à primeira divisão no ano seguinte.

Estreia Série A

Em 2014, o Nacional Borbense foi a revelação do Campeonato Amazonense. Vice-campeão da Série B no ano anterior, a equipe chegou na elite cotada como uma das agremiações que lutariam contra o rebaixamento, mas mostrou o contrário assim que o Estadual teve início. No primeiro turno, o time de Borba se classificou para as semifinais, venceu o jogo de ida, porem acabou derrotado no de volta pelo Princesa do Solimões.

Já no returno, na fase de grupos, a equipe ficou a um ponto de, mais uma vez, figurar entre os quatro melhores times do Estado. Na somatória de pontos, o Borbense ficou na quarta posição geral com 18 pontos conquistados ( foram cinco vitórias, três empates e três derrotas) - atrás apenas de Nacional, Princesa do Solimões e Fast.

SímbolosEditar

Escudo

O escudo do Nacional Borbense é similar ao do Nacional de Manaus, porém, utilizando a cor amarela no círculo central e as letras ARCNB.

Mascote

O mascote oficial do clube é o Camaleão[4].

Uniforme

O uniforme principal é completamente azul[5], o numero dois é todo branco[6].

Diretoria atualEditar

  • Presidente: José Rodenilson da Fonseca Sá
  • Vice-Presidente: Francisco Robsoney Fonseca de Sá
  • Tesoureiro: Roberto Jaime da Fonseca Sá

TorcidasEditar

  • Torcida Camaleão Borbense (ativa)

TítulosEditar

FutebolEditar

  • Campeonato Borbense de Futebol: 04 (em seis disputas). (amador)
  • Copa dos Campeões do Rio Madeira: 01 (amador)

FutsalEditar

  • Copa TV Amazonas de Futsal (Fase Interior): 01 (amador)
  • Campeonato Borbense de Futsal: 08 (amador)
  • Copa Borba: 03 (amador)
  • Copa dos Rios de Futsal (Calha do Rio Madeira): 02 (amador)


Referências