Abrir menu principal
Bandeirantes
Novo logotipo do Colégio Bandeirantes, lançado em Fevereiro de 2018

Novo logo do Colégio Bandeirantes
Informação
Localização São Paulo
Endereço Rua Estela, nº 268
Tipo de instituição Particular
Abertura 1944
Diretor(a) Mauro de Salles Aguiar
Página oficial colband.net.br/

O Colégio Bandeirantes é uma instituição de ensino particular da cidade de São Paulo que atende alunos a partir do 6.o ano do ensino fundamental até o fim do ensino médio. O diretor presidente atual, Mauro de Salles Aguiar, participa também do conselho consultivo do escritório de Harvard em São Paulo.

O "Band" foi o primeiro Colégio do Brasil a promover debates[1] com os candidatos à Presidência da Republica de 1989. Eles foram mediados por importantes jornalistas da época como André Singer[2], editor do painel do jornal Folha de S.Paulo

Na eleição para Prefeito de São Paulo em 2016, o Colégio realizou debates com todos principais candidatos[3]. Eles foram transmitidos via redes sociais do Colégio ao vivo. 

Índice

HistóriaEditar

O Bandeirantes foi inaugurado no dia 1 de março de 1934 como Ginásio Bandeirantes. Sua sede esta situada à Estela, 268. Em 1944 o educador e engenheiro Antônio de Carvalho de Aguiar adquire a instituição e muda seu nome para Colégio Bandeirantes. Nessa época, o Engenheiro Antônio de Carvalho Aguiar era Diretor Presidente do Colégio Liceu Panamericano; conhecida instituição de ensino preparatório para a Escola Paulista de Medicina. Atualmente, o nome do Engenheiro está estampado no viaduto da Rua Cubatão sobre a Avenida Vinte e Três de Maio, nas suas cercanias. Ao longo de sua existência, cerca de 50 mil jovens já passaram por seus bancos escolares.

CertificaçõesEditar

O Colégio Bandeirantes é centro aplicador das provas SAT e ACT – exames que servem de vestibular para universidades estadunidenses.[4]

Band recebeu em junho de 2016 o credenciamento oficial para integrar o Apple Distinguished Program, destinado a escolas do mundo todo que integram tecnologia Apple em sala de aula. O reconhecimento veio para o Colégio pelo uso de Ipads como material didático no Fundamental desde 2014[5]

Ex-alunos famososEditar

Referências

  1. Canuto, Tibério (2016). O carvalho da rua estela. São Paulo: Jatobá 
  2. «André Singer». Wikipédia, a enciclopédia livre. 28 de janeiro de 2017 
  3. «Fernando Haddad participa do BandDebate». "Colégio Bandeirantes. 21 de setembro de 2016. Arquivado do original em 8 de dezembro de 2016 
  4. WEBER, DEMÉTRIO (7 de junho de 2012). «Escolas brasileiras aplicam o Enem americano». "Jornal O Globo" 
  5. «Band integra oficialmente o Apple Distinguished Program». "Colégio Bandeirantes". 26 de junho de 2016 
  6. a b c d e Bandeirantes estimula a hiperconcorrência entre alunos
  7. Biografia de Aracy Balabanian
  8. Escrito por Daniel Piza em seu blog - Recanto Japonês[ligação inativa]
  9. «Ministro Fernando Haddad é patrono dos formandos de 2007». Consultado em 12 de dezembro de 2008. Arquivado do original em 18 de junho de 2008 
  10. Discurso de Posse de Ives Gandra Martins
  11. "Ele garantiu a democracia no Brasil"
  12. «Entrevista com Lígia Cortez». Consultado em 12 de dezembro de 2008. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  13. «Aniversário de quarenta anos do deputado William Woo». Consultado em 12 de dezembro de 2008. Arquivado do original em 21 de dezembro de 2008 

Ligações externasEditar