Abrir menu principal
Colônia de Fiji

Colônia
(Reino Unido)

Flag of the Kingdom of Fiji (1871-1874).svg
1874 – 1970 Flag of Fiji.svg
Flag Brasão
Bandeira (a partir de 1908) Brasão
Lema nacional
Rerevaka na Kalou ka Doka na Tui
Fear God and honour the Queen
Localização de Colônia de Fiji
Continente Oceania
Região Melanésia
País Fiji
Capital Levuka
(1874–1877)
Suva
(1877–1970)
Governo Monarquia constitucional
Monarca
 • 1874–1901 Rainha Vitoria
 • 1901–1910 Edward VII
 • 1910–1936 George V
 • 20 de janeiro - 11 de dezembro de 1936 (abdicou) Edward VIII
 • 1936–1952 George VI
 • 1952–1970 Elizabeth II
Governador
 • 1967–1970 Kamisese Mara
Primeiro-ministro
 • 1874–1875 Hercules Robinson
 • 1968–1970 Robert Sidney Foster
História
 • 10 de outubro de 1874 Fundação
 • 10 de outubro de 1970 Independência

Colônia de Fiji foi uma colônia britânica que existiu entre 1874 a 1970. O Reino Unido recusou a sua primeira oportunidade de anexar Fiji em 1852. Ratu Seru Epenisa Cakobau havia oferecido ceder as ilhas, sujeito a de ser autorizado a conservar o seu título Tui Viti (Rei de Fiji), uma condição inaceitável tanto para os britânicos como para muitos de seus chefes conterrâneos, que o consideravam apenas como primus inter pares, se tanto. Dívidas acumuladas e ameaças da Marinha dos Estados Unidos levaram Cakobau a estabelecer uma monarquia constitucional com um governo dominado pelos colonos europeus em 1871, na sequência de um acordo com a Australian Polynesia Company para pagar suas dívidas. O colapso do novo regime levou-o a fazer uma outra oferta de cessão em 1872, que os britânicos aceitaram. Em 10 de outubro de 1874 começariam os 96 anos de domínio britânico em Fiji.

O país permaneceu como colônia britânica até 1970. Nesse ano, o Domínio de Fiji tornaria-se um país independente com a rainha britânica como chefe de Estado. Depois de um golpe de Estado em 1987, foi proclamada a República.[1]

Referências

  1. Fiji : History - The Commonwealth