Colônias da Nova Inglaterra

   |- style="font-size: 85%;"
       |Erro::  valor não especificado para "nome_comum"
   


Colônias da Nova Inglaterra

Parte da América Britânica (1607–1776)
como
Colônias da Inglaterra (1607–1707)
Colônias da Grã-Bretanha (1707–1776)

1630 – 1776

Bandeira de {{{nome_comum}}}

Bandeira

Continente América do Norte
Capital Administradas a partir de Londres
Governo Monarquia Constitucional Colonial
História
 • 1630 Novos Países Baixos
 • 1776 Independência Declarada
Atualmente parte de  Estados Unidos

As Colônias da Nova Inglaterra da América Britânica, incluíam as colônias de Connecticut, de Rhode Island e Providence Plantations, além da Colônia da Baía de Massachusetts e a Província de New Hampshire, além de algumas colônias de vida curta. Elas faziam parte das Treze Colônias e eventualmente se tornaram cinco dos seis estados da Nova Inglaterra.[1] A obra de 1616 do Capitão John Smith, "A Description of New England", aplicou pela primeira vez o termo "Nova Inglaterra"[2] às terras costeiras do estuário de Long Island até a Terra Nova.[3]

Ver tambémEditar

ReferênciasEditar

  1. Gipson, Lawrence (1939). The British Empire Before the American Revolution (15 volumes) (1936-1970) (em inglês). [S.l.]: Lehigh University 
  2. Michael Bisceglia (12 de fevereiro de 2008). «John Smith: The man who named New England» (em inglês). seacoastonline.com. Consultado em 16 de outubro de 2019 
  3. Smith, John, Captain & Admiral (1616). A Description of New England (1616): An Online Electronic Text Edition (em inglês). [S.l.]: Electronic Texts in American Studies. Consultado em 16 de outubro de 2019 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre História dos Estados Unidos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.