Coligação Canária

Coligação Canária
Coalición Canaria
Líder Claudina Morales
Fundação 1993
Sede Santa Cruz de Tenerife, Flag of Spain.svg Espanha
Ideologia Regionalismo
Conservadorismo
Centrismo
Nacionalismo canário
Espectro político Centro a Centro-direita
Afiliação europeia Partido Democrata Europeu
Cores Amarelo, Branco e Azul

A Coligação Canária (em espanhol: Coalición Canaria, CC) é um partido político da Espanha, mas de carácter regional, operando nas Ilhas Canárias.

A coligação foi formada em 1993 pela fusão de 5 partidos[1], e, desde então, tem governado as Ilhas Canárias[2] até o ano 2019, quando assumiu a Administração regional o PSOE.

A coligação segue uma linha conservadora[3], regionalista[4], defendendo o nacionalismo canário[5], embora não pretenda a independência das Ilhas, apenas uma maior autonomia regional[6].

A coligação, encontra-se, entre o centro[7] e o centro-direita[8] do espectro político.

Resultados eleitoraisEditar

Eleições legislativas da EspanhaEditar

Resultados apenas referentes às Ilhas CanáriasEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1993 3.º 207 077
25,6 / 100,0
4 / 14
Oposição
1996 3.º 220 418
25,1 / 100,0
 0,5
4 / 14
  Apoio parlamentar
2000 2.º 248 261
29,6 / 100,0
 4,5
4 / 14
  Oposição
2004 3.º 235 221
24,3 / 100,0
 5,3
3 / 15
 1 Oposição
2008 3.º 174 629
17,5 / 100,0
 6,8
2 / 15
 1 Oposição
2011 3.º 143 881
15,5 / 100,0
 2,0
2 / 15
  Oposição
2015 5.º 81 750
8,2 / 100,0
 7,2
1 / 15
 1 Oposição
2016 5.º 78 080
8,0 / 100,0
 0,2
1 / 15
  Oposição
2019 5.º 137 196
13,0 / 100,0
 5,0
2 / 15
 1

Eleições regionais das Ilhas CanáriasEditar

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1995 1.º 261 672
32,8 / 100,0
21 / 60
Governo
1999 1.º 306 658
36,9 / 100,0
 4,1
24 / 60
 3 Governo
2003 1.º 304 413
32,9 / 100,0
 4,0
23 / 60
 1 Governo
2007 2.º 226 122
24,4 / 100,0
 8,7
19 / 60
 4 Governo
2011 2.º 225 948
24,9 / 100,0
 0,5
21 / 60
 2 Governo
2015 3.º 166 979
18,3 / 100,0
 6,6
18 / 60
 3 Governo
2019 2.º 196 080
21,7 / 100,0
 3,4
20 / 70
 2* Oposição

* Modificação no número de deputado a eleger no novo sistema eleitoral consecuência da modificação do Estatuto de Autonomia.

Referências

  1. Rodgers, Eamonn J. (1999-01-01). Encyclopedia of Contemporary Spanish Culture. [S.l.]: Taylor & Francis. ISBN 9780415131872  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  2. Rodgers, Eamonn J. (1999-01-01). Encyclopedia of Contemporary Spanish Culture. [S.l.]: Taylor & Francis. ISBN 9780415131872  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  3. Smith, Angel (2009-01-02). Historical Dictionary of Spain. [S.l.]: Scarecrow Press. ISBN 9780810862678  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  4. Paquin, Stéphane; LaChappelle, Guy (2005-10-05). Mastering Globalization: New Sub-States' Governance and Strategies. [S.l.]: Routledge. ISBN 9781134276615  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  5. Ari-Veikko, Anttiroiko (2006-07-31). Encyclopedia of Digital Government. [S.l.]: Idea Group Inc (IGI). ISBN 9781591407904  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  6. Rodgers, Eamonn J. (1999-01-01). Encyclopedia of Contemporary Spanish Culture. [S.l.]: Taylor & Francis. ISBN 9780415131872  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  7. «Parties and Elections in Europe». www.parties-and-elections.eu. Consultado em 21 de dezembro de 2015 
  8. Solís, Fernando León (2003-01-01). Negotiating Spain and Catalonia: Competing Narratives of National Identity. [S.l.]: Intellect Books. ISBN 9781841500775  Verifique data em: |ano= (ajuda)

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Coligação Canária