Abrir menu principal
Combate de Paso Ipohy
Guerra do Paraguai
Data 25 de dezembro de 1867
Local Próximo a Humaitá, perto do rio Tebicuary
Desfecho Vitória paraguaia
Beligerantes
Império do Brasil Paraguai Paraguai
Comandantes
José Joaquim de Andrade Neves Valois Rivarola
Eduardo Vera
Forças
1 000 a 1 500 150 a 300
Baixas
400 a 800 mortos e feridos Não mais que 20 mortos e feridos

O combate de Paso Iphoy ou Paso Po'i foi uma ação planejada pelos paraguaios que consistiu em um ataque surpresa a um acampamento brasileiro próximo a Humaitá, perto do rio Tebicuary no Paraguai, em 25 de dezembro de 1867. O ataque resultou em vitória dos paraguaios mesmo com um número inferior de soldados.

Resumo da BatalhaEditar

Havia um acampamento brasileiro de Voluntários da Pátria que estava destacado perto do rio Tebicuary no Paso Ipohy em território paraguaio. López percebeu que poderia dar um duro golpe as tropas brasileiras lá, pois a região em volta consistia de pântanos e poças d'água que poderia facilitar uma ação surpresa. Valois Rivarola, escolhido pelo Mariscal para planejar o ataque, selecionou o capitão Eduardo Vera e 150 de seus melhores homens para a tarefa. Munidos apenas de sabres e facões, as tropas de Vera silenciosamente se aproximaram das tendas brasileiras e iniciaram o ataque pegando-os completamente de surpresa, desferindo-lhes cerca de 400 baixas sem perder um único homem. Logo os brasileiros se recuperaram deste ataque e iniciaram uma perseguição aos paraguaios através das lagoas e pântanos. Melhores munidos alcançaram alguns paraguaios que foram abatidos pelos rifles, porém foram repelidos pela artilharia paraguaia que estava escondida, pois se afastaram demais de sua base.[1]

Todos que participaram do ataque foram recompensados por López que presenteou com 20 pesos para os soldados e 40 para os oficiais. Eduardo Vera foi promovido a Major e Rivarola foi congratulado pelo plano.[1]

Referências

  1. a b Borga 2015, p. 188.

BibliografiaEditar

  • Whigham, Thomas (2013). La Guerra de la Triple Alianza, Danza de Muerte y Destrucción. Assuncíon: Taurus. ISBN 9789996732003 
  • Castagnino, Leonardo (2012). Guerra del Paraguay, La Triple Alianza Contra los Países del Plata. Buenos Aires: Fabro. ASIN B0085OFHOW 
  • Borga, Ricardo Nunes (2015). QuestÕes Do Prata - Guerra da Tríplice Aliança, O conflito que mudou a América do Sul 2 ed. Rio de Janeiro: Clube de Autores 
  Este artigo sobre um conflito armado é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.