Como É Boa Nossa Empregada

Como É Boa Nossa Empregada é um filme brasileiro de 1973, do gênero comédia pornochanchada, dividido em três episódios, dirigidos por Ismar Porto (episódio 1) e Victor di Mello (episódios 2 e 3). Foi o 9º lugar na lista das 10 maiores rendas do filme nacional entre julho de 1970 e dezembro de 1975.[1]

Como É Boa Nossa Empregada
 Brasil
1973 •  cor •  98 min 
Direção Ismar Porto
Victor di Mello
Roteiro Xisto Bahia e Ismar Porto (1º episódio)
Alexandre Pires e Reinaldo Moraes (2º episódio)
Zevi Ghivelder e Fernando Amaral (3º episódio)
Elenco Pedro Paulo Rangel
Vilma Chagas
Edson Silva
Stepan Nercessian
José Lewgoy
Maria Pompeu
Meire Silva
Jorge Dória
Carlo Mossy
Aizita Nascimento
Neuza Amaral
Género comédia
Idioma português

Primeiro episódio: "Lula e a copeira"Editar

SinopseEditar

Lula, um adolescente rico sem nenhuma experiência sexual paquera a nova copeira de sua casa, causando rebuliço em sua família.

ElencoEditar

Ator Personagem
Pedro Paulo Rangel Lula
Vilma Chagas Clarinha, a Copeira
Edson Silva Dr. Ricardo
Urbano Lóes Otávio
Lídia Mattos Alice
Márcia Couto Márcia
Cléa Simões Gertrudes

Segundo episódio: "O terror das empregadas"Editar

  • Música: José-Itamar de Freitas
  • História, Roteiro e Diálogos: Alexandre Pires, Reinaldo de Moraes
  • Direção: Victor di Mello

SinopseEditar

Bebeto, um jovem estudante, inexperiente em sexo e obcecado por empregadas domésticas, paquera todas que conhece, preocupando a mãe que contrata um psicólogo.

ElencoEditar

Ator Personagem
Stepan Nercessian Bebeto
José Lewgoy Dr. Leonel
Maria Pompeu Ada
Meire Vieira Leila Sandra
Zezé Macedo Empregadas
Iara Jati
Virgínia do Carmo
Lúcia Apache
Odete Matos

Terceiro episódio: "O melhor da festa"Editar

  • Músicas: Clabarra
  • História, Roteiro e Diálogos: Zevs Ghivelder e Fernando Amaral
  • Direção: Victor di Mello

SinopseEditar

Naná é corretor de ações e um marido com discurso moralista, casado com uma esposa paciente. Numa festa da sociedade, ele se encanta com a empregada mulata e marca um encontro clandestino com ela. Mas a esposa aparece no local e para evitar ser surpreendido, Naná pede ajuda a um funcionário de um amigo, que acaba confundindo a empregada com a esposa.

ElencoEditar

Ator Personagem
Jorge Dória Dr. Renato (Naná)
Carlo Mossy Honorinho (Loirinho)
Aizita Nascimento Empregada
Neuza Amaral Leda
Paulo Ramos Renatinho
Beth Barcellos Betinha
Ricardo Ferrari Bernardo

Referências

  A Wikipédia tem o