Abrir menu principal

Companhia Ferro-Carril da Vila Isabel

A Companhia Ferro-Carril da Vila Isabel foi uma empresa de transporte público na cidade do Rio de Janeiro, no Brasil.

HistóriaEditar

Foi organizada em 1872 pelo Barão de Drummond com mais dois sócios, os Drs. Joaquim Rodrigues de Oliveira e Carlos Frederico Taylor. [1] No ano seguinte (1873) entrou em funcionamento a sua primeira linha, da atual Praça Tiradentes ao portão da antiga Fazenda dos Macacos, de cujo loteamento se originou o bairro de Vila Isabel. [2]

Em 1884 três linhas da companhia ligavam três bairros: Vila Isabel, Andaraí e Engenho Novo. Para identificar a linha eram usadas tabuletas iluminadas com cores específicas:

  • a linha de Vila Isabel, de cor verde;
  • a linha do Andaraí, de cor azul; e
  • a linha do Engenho Novo, de cor vermelha;

Esse sistema de lanternas de diferentes cores facilitava a vida dos usuários, em sua maior parte trabalhadores sem escolaridade, e também evitava acidentes noturnos.

Os bondes tinham várias paradas. Uma das mais importantes era o chamado "Ponto de 100 Réis" na altura da atual Praça Maracanã. Esse nome devia-se ao fato de que, quando o bonde chegava a este ponto, o seu cobrador gritava - "Ponto de passagens de 100 réis!", após o que os usuários deveriam adquirir uma nova passagem caso desejassem seguir viagem.

Em 1889 a Companhia foi adquirida pelo Banco da República, em razão de problemas financeiros.

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

Notas

Referências