Conclave de 1591

O Conclave de 1591 (27 a 29 de outubro) foi realizado após a morte do Papa Gregório XIV, em 16 de outubro daquele ano, depois de menos de um ano como papa. Isso deixou a Santa Sé vaga pela terceira vez em catorze meses. O conclave durou apenas três dias e elegeu o Papa Inocêncio IX.[1]

Conclave de 1591
O Papa Inocêncio IX
Data e localização
Pessoas-chave
Decano Alfonso Gesualdo
Vice-Decano Innico d'Avalos d'Aragona
Camerlengo Enrico Caetani
Protopresbítero Mark Sittich von Hohenems
Protodiácono Andrea d'Austria
Eleição
Eleito Papa Inocêncio IX
(Giovanni Antonio Facchinetti)
Participantes 56
Ausentes 9
Escrutínios 3
Cronologia
Conclave de out-dez de 1590
Conclave de 1592
dados em catholic-hierarchy.org
Brasão papal de Sua Santidade o papa Inocêncio IX

Mesmo antes da morte do papa Gregório XIV, facções espanholas e anti-espanholas estavam buscando eleições para o próximo papa. A interferência de Felipe II de Espanha (r. 1556–1598) no conclave anterior não foi esquecida: ele havia barrado todos, exceto sete cardeais. Dessa vez, o partido espanhol no Colégio dos Cardeais não foi tão longe, mas ainda controlava a maioria e, após um rápido conclave, levaram Facchinetti à cadeira papal como Papa Inocêncio IX. Foram necessárias três cédulas para elegê-lo como papa. Facchinetti recebeu 24 votos no dia 28 de outubro, mas não obteve êxito na votação para ser eleito papa. Ele recebeu 28 votos em 29 de outubro na segunda votação, enquanto o terceiro o viu prevalecer.[2]

Cardeais votantesEditar

Criado por Cardeais Por Cento
Papa Júlio III (JIII) 01 1,64 %
Papa Pio IV (PIV) 07 11,48 %
Papa Pio V (PV) 04 6,56 %
Papa Gregório XIII (GXIII) 019 31,15 %
Papa Sisto V (SV) 025 40,98 %
Papa Gregório XIV (GXIV) 05 8,20 %
Total 61 100 %
  1. Alfonso Gesualdo, Deão do Sacro Colégio (PIV)
  2. Innico d'Avalos d'Aragona, O.S.Iacobis. (PIV)
  3. Marco Antônio Colonna (PIV)
  4. Tolomeo Gallio (PIV)
  5. Gabriele Paleotti (PIV)
  6. Michele Bonelli, O.P. (PV)
  7. Girolamo Simoncelli (JIII)
  8. Markus Sitticus von Hohenems (PIV)
  9. Ludovico Madruzzo (PIV)
  10. Giulio Antonio Santori (PV)
  11. Girolamo Rusticucci (PV)
  12. Nicolas de Pellevé (PV)
  13. Andreas von Österreich (GXIII)
  14. Pedro de Deza (GXIII)
  15. Giovanni Vincenzo Gonzaga, O.S.Io.Hieros. (GXIII)
  16. Giovanni Antonio Facchinetti (eleito como Inocêncio IX) (GXIII)
  17. Alexandre Otaviano de Médici (futuro Papa Leão XI) (GXIII)
  18. François de Joyeuse (GXIII)
  19. Giulio Canani (GXIII)
  20. Anton Maria Salviati (GXIII)
  21. Agostino Valeri (GXIII)
  22. Vincenzo Lauro (GXIII)
  23. Filippo Spinola (GXIII)
  24. Jerzy Radziwiłł (GXIII)
  25. Simeone Tagliavia d'Aragona (GXIII)
  26. Scipione Lancelotti (GXIII)
  27. Francesco Sforza di Santa Fiora (GXIII)
  28. Alessandro Peretti Montalto Damasceni (SV)
  29. Enrico Caetani (SV)
  30. Giovanni Battista Castrucci (SV)
  31. Domenico Pinelli (SV)
  32. Ippolito Aldobrandini, sênior (futuro Papa Clemente VIII) (SV)
  33. Girolamo della Rovere (SV)
  34. Girolamo Bernerio, O.P. (SV)
  35. Antonio Maria Galli (SV)
  36. Costanzo Buttafoco da Sarnano, O.F.M.Conv. (SV)
  37. Girolamo Matei (SV)
  38. Benedetto Giustiniani (SV)
  39. Ascânio Colonna (SV)
  40. William Allen (SV)
  41. Scipione Gonzaga (SV)
  42. Antonio Maria Sauli (SV)
  43. Giovanni Evangelista Pallotta (SV)
  44. Juan Hurtado de Mendoza (SV)
  45. Frederico Borromeu (SV)
  46. Giovanni Francesco Morosini (SV)
  47. Francesco Maria Del Monte (SV)
  48. Agostino Cusani (SV)
  49. Mariano Pierbenedetti (SV)
  50. Gregorio Petrocchini, O.E.S.A. (SV)
  51. Guido Pepoli (SV)
  52. Paolo Emilio Sfondrati (GXIV)
  53. Ottavio Paravicini (GXIV)
  54. Ottavio d'Aquaviva (GXIV)
  55. Odoardo Farnese (GXIV)
  56. Flaminio Piatti (GXIV)

AusentesEditar

Ligações externasEditar

Referências