Abrir menu principal
Conclave de outubro de 1978
Papa João Paulo II
Data e localização
Pessoas-chave
Decano Carlo Confalonieri
Vice-Decano Paolo Marella
Camerlengo Jean-Marie Villot
Protopresbítero Carlos Carmelo de Vasconcelos Motta
Protodiácono Pericle Felici
Secretário Ernesto Civardi
Eleição
Eleito Papa João Paulo II (Karol Józef Wojtyła)
Participantes 111
Ausentes 2
Escrutínios 8
Cronologia
Conclave de agosto de 1978
Conclave de 2005
dados em catholic-hierarchy.org

O conclave de outubro de 1978 foi convocado após a morte do Papa João Paulo I (o papa sorriso), ocorrida após tão somente 33 dias de sua surpreendente eleição. Pouco mais de dois meses após reunir-se para definir o sucessor de Paulo VI, todos os cardeais com menos de 80 anos de idade tiveram de se encerrar na Capela Sistina e de lá não sair até que um novo pontífice fosse escolhido.

As tendências demonstradas neste conclave – até mesmo pelo curto espaço de tempo – não divergiram muito daquelas apontadas do conclave anterior. Entre os papabile, outra vez destacava-se a figura do cardeal ultraconservador Giuseppe Siri, o candidato preferido da Cúria Romana, o corpo burocrático do Vaticano.

A disputa de Siri com o liberal Giovanni Benelli, arcebispo de Florença, não tardou a evidenciar-se para os demais cardeais, em especial os europeus não-italianos e os norte-americanos, que acabariam elegendo o polonês Karol Wojtyła – então arcebispo de Cracóvia –, que tomaria o nome de João Paulo II, embora durante uma das primeiras votações, Benelli tenha ficado a apenas oito votos do pontificado. Em 16 de outubro de 1978, o cardeal Pericle Felici foi encarregado do anúncio tradicional, seguido da aparição pessoal do eleito:

Annuntio vobis gaudium magnum: (Anuncio-vos com grande alegria)
Habemus Papam! (Já temos o papa!)
Eminentissimum ac Reverendissimum Dominum (O Eminentíssimo e Reverendíssimo Senhor)
Dominum Carolum (Dom Carlos (Karol)
Sanctæ Romanæ Ecclesiæ Cardinalem Wojtyla (Cardeal da Santa Igreja Romana, Wojtyla)
Qui sibi nomen imposuit (Que adotou o nome)
Ioannis Pauli (de João Paulo II)

Índice

Eleição para o papadoEditar

 
O recém-eleito Papa João Paulo II na varanda.

Em agosto de 1978, após a morte de papa Paulo VI, o Cardeal Wojtyła votou no conclave papal que elegeu papa João Paulo I. João Paulo I morreu após somente 33 dias como Papa, precipitando assim um outro conclave.[1][2][3]

O segundo conclave de 1978 começou em 14 de outubro, dez dias após o funeral do papa João Paulo I. Foi dividido entre dois fortes candidatos ao papado: Cardeal Giuseppe Siri, o conservador Arcebispo de Gênova, e o liberal Arcebispo de Florença, Cardeal Giovanni Benelli, um colaborador próximo de João Paulo I.[3]

Os defensores da Benelli estavam confiantes de que ele seria eleito, e no início da votação, Benelli estava com nove votos.[3] Entretanto, a magnitude da oposição a ambos significava que possivelmente nenhum deles receberia os votos necessários para ser eleito, e o Cardeal Franz König, Arcebispo de Viena, individualmente sugeriu a seus colegas eleitores um candidato de compromisso: o Cardeal polonês, Karol Józef Wojtyła, que aos 58 anos foi considerado jovem pelos padrões papais.[3] finalmente ganhou a eleição na oitava votação no segundo dia, de acordo com a imprensa italiana, com 99 votos dos 111 eleitores participantes. Em seguida, ele escolheu o nome de João Paulo II[2][3] em homenagem ao seu antecessor, e a tradicional fumaça branca informou a multidão reunida na Praça de São Pedro, que um papa havia sido escolhido.[4] Ele aceitou sua eleição com essas palavras: ‘Com obediência na fé em Cristo, meu Senhor, e com confiança na Mãe de Cristo e da Igreja, apesar das grandes dificuldades, eu aceito.’[5][6] Quando o novo pontífice apareceu na varanda, ele quebrou a tradição, dizendo a multidão reunida:[5]

Wojtyła tornou-se o 264 º papa de acordo com a ordem cronológica lista dos Papas e o primeiro papa não-italiano em 455 anos.[8] Com apenas 58 anos de idade, ele foi o mais jovem papa eleito desde Pio IX em 1846, que tinha 54 anos.[2] Assim como seu antecessor imediato, João Paulo II dispensou a tradicional coroação papal e, em vez disso, recebeu a investidura eclesiástica que simplificou a cerimônia de posse papal, em 23 de outubro de 1978. Durante a sua posse, quando os cardeais estavam a ajoelhar-se diante dele para tomar seus votos e beijar o Anel do Pescador, ele levantou-se quando o prelado polonês, Cardeal Stefan Wyszyński, ajoelhou-se, interrompeu-o e simplesmente deu-lhe um abraço.[9]

Presente no conclaveEditar

  1. Jean-Marie Villot
  2. Antonio Samorè
  3. Sebastiano Baggio
  4. Francesco Carpino
  5. Stephanos I Sidarouss
  6. Giuseppe Siri
  7. Stefan Wyszyński
  8. Paul-Émile Léger, P.S.S.
  9. José María Bueno y Monreal
  10. Franz König
  11. Bernardus Johannes Alfrink
  12. Laurean Rugambwa
  13. José Humberto Quintero Parra
  14. Juan Landázuri Ricketts, O.F.M.
  15. Raúl Silva Henríquez, S.D.B.
  16. Leo-Jozef Suenens
  17. Thomas Benjamin Cooray, O.M.I.
  18. Maurice Roy
  19. Owen McCann
  20. Léon-Etienne Duval
  21. Ermenegildo Florit
  22. Franjo Šeper
  23. Paul Zoungrana
  24. Agnelo Rossi
  25. Giovanni Colombo
  26. Gabriel-Marie Garrone
  27. Egidio Vagnozzi
  28. Maximilien de Fürstenberg
  29. José Clemente Maurer, C.Ss.R.
  30. John Joseph Krol
  31. John Patrick Cody
  32. Corrado Ursi
  33. Alfred Bengsch
  34. Justinus Darmojuwono
  35. Karol Wojtyła (Eleito com o nome de João Paulo II)
  36. Michele Pellegrino
  37. Alexandre-Charles-Albert-Joseph Renard
  38. Alfredo Vicente Scherer
  39. Julio Rosales y Ras
  40. Gordon Joseph Gray
  41. Paolo Bertoli
  42. Joseph Parecattil
  43. John Francis Dearden
  44. François Marty
  45. George Bernard Flahiff, C.S.B.
  46. Paul Joseph Marie Gouyon
  47. Mario Casariego y Acevedo, C.R.S.
  48. Vicente Enrique y Tarancón
  49. Joseph-Albert Malula
  50. Pablo Muñoz Vega, S.J.
  51. Antonio Poma
  52. John Joseph Carberry
  53. Terence James Cooke
  54. Stephen Kim Sou-hwan
  55. Eugênio de Araújo Sales
  56. Joseph Höffner
  57. Johannes Willebrands
  58. António Ribeiro
  59. James Robert Knox
  60. Avelar Brandão Vilela
  61. Joseph Marie Anthony Cordeiro
  62. Aníbal Muñoz Duque
  63. Luis Aponte Martínez
  64. Raúl Francisco Primatesta
  65. Salvatore Pappalardo
  66. Marcelo González Martín
  67. Louis-Jean-Frédéric Guyot
  68. Ugo Poletti
  69. Timothy Manning
  70. Maurice Otunga
  71. José Salazar López
  72. Humberto Sousa Medeiros
  73. Paulo Evaristo Arns, O.F.M.
  74. James Freeman
  75. Narciso Jubany Arnau
  76. John Joseph Wright
  77. Hermann Volk
  78. Pio Taofinu'u, S.M.
  79. Octavio Antonio Beras Rojas
  80. Juan Carlos Aramburu
  81. Joseph Marie Trinh-nhu-Khuê
  82. Hyacinthe Thiandoum
  83. Emmanuel Kiwanuka Nsubuga
  84. Lawrence Trevor Picachy, S.J.
  85. Jaime Sin
  86. William Wakefield Baum
  87. Aloísio Leo Arlindo Lorscheider, O.F.M.
  88. Reginald John Delargey
  89. László Lékai
  90. George Basil Hume, O.S.B.
  91. Victor Razafimahatratra, S.J.
  92. František Tomášek
  93. Dominic Ignatius Ekandem
  94. Giovanni Benelli
  95. Joseph Ratzinger
  96. Pericle Felici
  97. Silvio Oddi
  98. Giuseppe Paupini
  99. Mario Nasalli Rocca di Corneliano
  100. Sergio Guerri
  101. Sergio Pignedoli
  102. Umberto Mozzoni
  103. Paul-Pierre Philippe, O.P.
  104. Pietro Palazzini
  105. Opilio Rossi
  106. Giuseppe Maria Sensi
  107. Corrado Bafile
  108. Joseph Schröffer
  109. Eduardo Francisco Pironio
  110. Bernardin Gantin
  111. Mario Luigi Ciappi, O.P.

Acima de 80 anosEditar


 
Brasão pontifício de João Paulo II.
 
Brasão do Camerlengo no Conclave de 1978

Referências

  1. «His Holiness John Paul II : Short Biography». Sala de Imprensa da Santa Sé. 30 de junho de 2005. Consultado em 1 de janeiro de 2009. Cópia arquivada em 9 de fevereiro de 2014 
  2. a b c «His Holiness John Paul II, Biography, Pre-Pontificate». Santa Sé. Consultado em 1 de janeiro de 2008. Cópia arquivada em 14 de março de 2014 
  3. a b c d e «A "Foreign" Pope». Time magazine. 30 de outubro de 1978. Consultado em 1 de janeiro de 2009. Cópia arquivada em 15 de agosto de 2007 
  4. «A "Foreign" Pope». Time magazine. 30 de outubro de 1978. p. 1. Consultado em 1 de janeiro de 2009. Cópia arquivada em 4 de novembro de 2007 
  5. a b c Stourton, Edward (2006). John Paul II: Man of History. London: Hodder & Stoughton. p. 171. ISBN 0340908165 
  6. «New Pope Announced». BBC News. Consultado em 1 de janeiro de 2009. Cópia arquivada em 17 de abril de 2005 
  7. Bottum, Joseph (18 de abril de 2005). «John Paul the Great». Weekly Standard. p. 1–2. Consultado em 1 de janeiro de 2009. Cópia arquivada em 9 de abril de 2005 
  8. «1978 Year in Review: The Election of Pope John Paul II». Upi.com. Consultado em 8 de janeiro de 2012. Cópia arquivada em 28 de março de 2009 
  9. «Events in the Pontificate of John Paul II». 30 de junho de 2005. Consultado em 1 de janeiro de 2009. Cópia arquivada em 17 de maio de 2014