Abrir menu principal

O título de Conde de São Miguel foi criado por Carta Régia de 25 de Junho de 1633 do Rei D. Filipe III de Portugal (IV de Espanha) a favor de Francisco Nuno Álvares Botelho e seus descendentes.

Francisco Nuno Álvares Botelho, 1.º Conde de São Miguel, foi Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Aldeia Galega do Ribatejo (actual Montijo) e benemérito.

Era filho de Nuno Álvares Botelho, Governador da Índia (também ele Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Aldeia Galega do Ribatejo); neto paterno de Diogo Botelho, Governador do Brasil; bisneto de Francisco Botelho, Governador e Capitão de Tânger; trineto de Diogo Botelho, Guarda-Roupa e Camareiro do Infante D. Luís; e tetraneto de Pedro Botelho, Escudeiro, feito Coudel de Besteiros a cavalo em 1472.

Lista de Condes de São MiguelEditar

ReferênciasEditar

  • Nobreza de Portugal e Brasil - Vol. 3 - pp. 339-342