Disambig grey.svg Nota: Para a revista de geografia franco-brasileira, veja Confins (revista). Para o aeroporto localizado em Confins, veja Aeroporto Internacional de Belo Horizonte-Confins.
Confins
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Confins
Bandeira
Brasão de armas de Confins
Brasão de armas
Hino
Lema Trabalhando por você
Gentílico confinense
Localização
Localização de Confins em Minas Gerais
Localização de Confins em Minas Gerais
Mapa de Confins
Coordenadas 19° 37' 58" S 43° 58' 58" O
País Brasil
Unidade federativa Minas Gerais
Região metropolitana Belo Horizonte
Municípios limítrofes Lagoa Santa (leste e nordeste), Pedro Leopoldo (oeste e noroeste), São José da Lapa e Vespasiano (sul)
Distância até a capital 40 km
História
Fundação 21 de dezembro de 1995
Administração
Prefeito(a) Celso Antônio da Silva (Totô) (PSDB, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [2] 42,008 km²
População total (Censo IBGE/2010[3]) 6 730 hab.
Densidade 160,2 hab./km²
Clima tropical de altitude (Cwa)
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
CEP 33500-000 a 33599-999[1]
Indicadores
IDH (PNUD/2000 [4]) 0,773 alto
PIB (IBGE/2008[5]) R$ 1 057 791,112 mil
PIB per capita (IBGE/2008[5]) R$ 177 303,24
Outras informações
Padroeiro(a) São José[6]
Website www.confins.mg.gov.br (Prefeitura)
www.camaradeconfins.mg.gov.br (Câmara)

Confins é um município brasileiro do estado de Minas Gerais, localizado na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). Sua população em 2020 é estimada em 6.730 habitantes.[3] É onde se encontra a maior parte do terreno do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte-Confins,[7] principal porta de entrada de Minas Gerais por via aérea e ponto de ligação de Belo Horizonte com o Brasil e o mundo. O aeroporto garante ao pequeno município uma sólida arrecadação e uma das maiores rendas per capita do Brasil.[7] É o 5º aeroporto mais movimentado do país e está em operação desde 1984.

Em Confins está localizado também o Aeroporto Industrial de Belo Horizonte, primeiro aeroporto industrial do Brasil.

HistóriaEditar

A história do povoamento recente de Confins remonta ao início do século XIX, quando fazendas foram divididas na região, atraindo mão de obra para o lugar. Antes, o povoado servia de ponto de parada para tropeiros e bandeirantes que por ali passavam.

A cidade recebeu o nome de Confins devido à sua localização extrema, já que se encontrava, à época, nos limites das fazendas instaladas em toda a região.

Confins é referência obrigatória para os estudiosos de Arqueologia, Paleontologia e de formações minerais. Ossadas pré-históricas foram retiradas das grutas de Confins, assim como de Lagoa Santa e Pedro Leopoldo, e fazem parte do acervo do Museu de História Natural da Quinta da Boa Vista, no Rio de Janeiro. Já o Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG, guarda o crânio que ficou conhecido como O Homem de Confins, um exemplar encontrado na Lapa Mortuária em 1935, em missão arqueológica da Academia de Ciências de Minas Gerais, comandada pelo pesquisador Harold Walter, que pesquisou o sítio arqueológico de 1933 a 1936. Essa descoberta foi de extrema importância científica, pois, encontrada junto a um crânio de cavalo e outros animais extintos, foi objeto de discussão em relação à contemporaneidade do Homem de Lagoa Santa e a megafauna extinta, debate que, devido às técnicas de datação da época pouco avançadas, permaneceu sem resolução. Antes disso, em 1926, uma missão do Museu Nacional do Rio de Janeiro, liderada por Padberg-Drenkepol foi a primeira a pesquisar a caverna, desobstruindo sua entrada. Nessa missão, foram encontrados 80 esqueletos e, por acreditarem se tratar de um cemitério indígena, os pesquisadores deram o nome de Lapa Mortuária ao local.

Outro importante sítio paleontológico e arqueológico de Confins é a Gruta do Galinheiro, onde também foram encontrados vestígios pré-históricos.

No centro da cidade fica a Lagoa José Teixeira da Costa, também chamada de Lagoa Central, importante cartão postal do município. Confins também possui outras belas lagoas, como a Lagoa Vargem Bonita, que margeia a Lapa Mortuária, Lagoa de Santo Antônio e a Lagoa dos Mares. Com todo o seu território inserido na APA Carste, Confins é um município de grande riqueza natural, ambiental e histórica.

A festa mais tradicional é o Boi da Manta, que ocorre anualmente cerca de um mês antes do carnaval. É uma festividade folclórica peculiar na cultura do município, em que uma pessoa "vestida" de boi, percorre as ruas da cidade, assustando e divertindo as crianças e foliões ao som da banda que toca marchinhas de carnaval. A brincadeira assemelha-se ao Bumba-meu-boi e outros personagens como molambudos, passistas, dançarinos, pessoas fantasiadas e bonecões participam do desfile e da brincadeira.

ClimaEditar

Confins possui uma média anual de temperatura de 21.1 °C, sendo a máxima anual de 27,1 °C e a mínima anual de 16,7 °C e uma média de precipitação de 1491,3 mm anuais.1

Ver tambémEditar

Referências

  1. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. a b «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC). «Lista por santos padroeiros» (PDF). Descubra Minas. p. 7. Consultado em 14 de setembro de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 14 de setembro de 2017 
  7. a b Freitas, Raquel (22 de novembro de 2013). «Aeroporto é base da economia da pequena cidade de Confins». G1. Consultado em 26 de março de 2018 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Confins