Abrir menu principal

Wikipédia β

Copa Libertadores da América de 1969

A Taça Libertadores da América de 1969 foi vencida pelo Estudiantes, da Argentina, que sagrou-se bicampeão derrotando o Nacional, do Uruguai. A Argentina e o Brasil não inscreveram times nessa edição da competição, por discordarem de aspectos do regulamento do torneio. A Taça Brasil, tradicional indicadora dos representantes brasileiros na Libertadores, estava atrasada por problemas com o calendário e a edição de 1968 não acabaria a tempo (só terminaria em 1969, após o início da Libertadores desse ano), e a CBD resolveu indicar pela primeira vez os clubes do Torneio Roberto Gomes Pedrosa. No entanto, os mesmos desistiram.

Taça Libertadores da América de 1969
X Copa Libertadores
Dados
Participantes 17
Organização CONMEBOL
Local de disputa Flags of the Union of South American Nations.gif América do Sul
Período 31 de janeiro22 de maio
Gol(o)s 211
Partidas 74
Média 2,85 gol(o)s por partida
Campeão Argentina Estudiantes (2º título)
Vice-campeão Uruguai Nacional
Melhor marcador ChileCHI Ferrero (Santiago Wanderers) – 9 gols
Melhor ataque (fase inicial) Uruguai Peñarol – 16 gols
Melhor defesa (fase inicial) Uruguai Nacional – 4 gols
Maior goleada
(diferença)
Cerro Porteño Paraguai 6 – 0 Bolívia Litoral
Estádio Defensores del ChacoAssunção
9 de março, Grupo 3
◄◄ Libertadores 1968 Soccerball.svg Libertadores 1970 ►►

Índice

Equipes classificadasEditar

País Equipe Cidade Classificação Títulos Participação
  Argentina
(atual campeão)[nota 1]
Estudiantes La Plata Campeão da Copa Libertadores 1 (1968)
  Bolívia
(2 vagas)
Bolívar La Paz Campeão do Campeonato Boliviano de 1968 0 (não possui)
Litoral Cochabamba Vice-campeão do Campeonato Boliviano de 1968 0 (não possui)
  Chile
(2 vagas)
Santiago Wanderers Santiago Campeão do Campeonato Chileno de 1968 0 (não possui)
Universidad Católica Santiago Vice-campeão do Campeonato Chileno de 1968 0 (não possui)
  Colômbia
(2 vagas)
Unión Magdalena Santa Marta Campeão do Campeonato Colombiano de 1968 0 (não possui)
Deportivo Cali Cali Vice-campeão do Campeonato Colombiano de 1968 0 (não possui)
  Equador
(2 vagas)
Deportivo Quito Quito Campeão do Campeonato Equatoriano de 1968 0 (não possui)
Barcelona Guayaquil Vice-campeão do Campeonato Equatoriano de 1968 0 (não possui)
  Paraguai
(2 vagas)
Olimpia Assunção Campeão do Campeonato Paraguaio de 1968 0 (não possui)
Cerro Porteño Assunção Vice-campeão do Campeonato Paraguaio de 1968 0 (não possui)
  Peru
(2 vagas)
Sporting Cristal Lima Campeão do Campeonato Peruano de 1968 0 (não possui)
Juan Aurich Chiclayo Vice-campeão do Campeonato Peruano de 1968 0 (não possui)
  Uruguai
(2 vagas)
Peñarol Montevidéu Campeão do Campeonato Uruguaio de 1968 3 (1960, 1961, 1966)
Nacional Montevidéu Vice-campeão do Campeonato Uruguaio de 1968 0 (não possui)
  Venezuela
(2 vagas)
Unión Canarias Caracas Campeão do Campeonato Venezuelano de 1968 0 (não possui)
Deportivo Italia Caracas Vice-campeão do Campeonato Venezuelano de 1968 0 (não possui)

Primeira faseEditar

Grupo 1Editar

Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Deportivo Cali 8 6 3 2 1 12 6 +6
  Deportivo Italia 7 6 3 1 2 7 8 -1
  Unión Magdalena 5 6 2 1 3 7 8 -1
  Unión Canarias 4 6 1 2 3 3 7 -4
  DCA DCN DIT UMA
Deportivo Cali 2-0 3-0 3-1
Unión Canarias 1-1 1–1 1-0
Deportivo Italia 2-1 2-0 2-0
Unión Magdalena 2-2 1–0 3-0

Grupo 2Editar

Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Universidad Católica 6 6 3 0 3 12 13 -1
  Santiago Wanderers 6 6 3 0 3 13 10 +3
  Sporting Cristal 6 6 2 2 2 11 11 0
  Juan Aurich 6 6 2 2 2 13 15 -2
  JAU SWA SCR UCA
Juan Aurich 3-1 2-2 2-4
Santiago Wanderers 4-1 2-0 2-3
Sporting Cristal 3-3 2-1 2-0
Universidad Católica 1-2 1–3 3-2
Desempate do grupo
Data Partida Cidade
18/03 Santiago Wanderers   1-1   Sporting Cristal Santiago
18/03 Universidad Católica   4-1   Juan Aurich Santiago
20/03 Juan Aurich   0-1   Santiago Wanderers Lima
20/03 Sporting Cristal   1-2   Universidad Católica Lima

Grupo 3Editar

Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Cerro Porteño 9 6 4 1 1 15 5 +10
  Olimpia 7 6 3 1 2 12 7 +5
  Bolívar 7 6 2 3 1 6 8 -2
  Litoral 1 6 0 1 5 1 14 -13
  BOL CPO LIT OLI
Bolívar 2-1 1-0 1-1
Cerro Porteño 1-1 6-0 4-1
Litoral 1-1 0-1 0-3
Olimpia 4-0 1-2 2-0
Jogo Desempate
Data Partida Cidade
18/03 Olimpia   2-1   Bolívar Avellaneda

Grupo 4Editar

Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Peñarol 9 6 3 3 0 16 8 +8
  Nacional 8 6 2 4 0 10 4 +6
  Deportivo Quito 5 6 1 3 2 4 10 -6
  Barcelona 2 6 0 2 4 3 11 -8
  BSC DQU NAC PEN
Barcelona 0-0 1-1 0-2
Deportivo Quito 1-0 0-0 1–1
Nacional 2-0 4-0 2-2
Peñarol 5-2 5-2 1-1

Segunda faseEditar

Grupo 1Editar

Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Universidad Católica 5 4 2 1 1 7 3 +4
  Cerro Porteño 4 4 1 2 1 1 1 0
  Deportivo Italia 3 4 1 1 2 3 7 -4
  CPO DIT UCA
Cerro Porteño 1-0 0-0
Deportivo Italia 0-0 3-2
Universidad Católica 1-0 4-0

Grupo 2Editar

Equipe Pts J V E D GP GC SG
  Nacional 7 4 3 1 0 10 2 +8
  Deportivo Cali 3 4 1 1 2 9 11 -2
  Santiago Wanderers 2 4 0 2 2 5 11 -6
  DCA NAC SWA
Deportivo Cali 1-5 5-1
Nacional 2-0 2-0
Santiago Wanderers 3-3 1-1

Grupo 3Editar

Time Pts J V E D GP GC SG
  Peñarol 3 2 1 1 0 2 1 +1
  Olimpia 1 2 0 1 1 1 2 -1
Data Partida Cidade
30/03 Peñarol   1-1   Olimpia Montevidéu
07/04 Olimpia   0-1   Peñarol Assunção

Semi-finalEditar

Chave AEditar

Time Pts J V E D GP GC SG
  Nacional 3 3 1 1 1 2 1 +1
  Peñarol 3 3 1 1 1 1 2 -1
Data Partida Cidade
26/04 Nacional   2-0   Peñarol Montevidéu
30/04 Peñarol   1-0   Nacional Montevidéu
Jogo Desempate
04/05 Nacional   0-0   Peñarol Montevidéu

Chave BEditar

Time Pts J V E D GP GC SG
  Estudiantes 4 2 2 0 0 6 2 +4
  Universidad Católica 0 2 0 0 2 2 6 -4
Data Partida Cidade
01/05 Universidad Católica   1-3   Estudiantes Santiago
07/05 Estudiantes   3-1   Universidad Católica La Plata

FinalEditar

 
O clube argentino Estudiantes venceu a Copa Libertadores da América de 1969
Time Pts J V E D GP GC SG
  Estudiantes 4 2 2 0 0 3 0 +3
  Nacional 0 2 0 0 2 0 3 -3
Data Partida Cidade
15/05 Nacional   0-1   Estudiantes Montevidéu
22/05 Estudiantes   2-0   Nacional La Plata
Libertadores 1969
 
ESTUDIANTES
Campeão
(2º título)

Notas

  1. Como campeão da Libertadores anterior, o Estudiantes, foi o único representante argentino na competição, já que a federação de futebol do país não inscreveu clubes para as duas vagas as quais tinha direito.

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.