Copa Rio de Profissionais de 2019
XXIII Copa Rio
Rio de Janeiro
Dados
Participantes 25
Organização FERJ
Período 5 de junho28 de agosto
Campeão Município do Rio de Janeiro Bonsucesso
Vice-campeão Município do Rio de Janeiro Portuguesa-RJ
◄◄ Rio de Janeiro 2018 Soccerball.svg 2020 Rio de Janeiro ►►

A Copa Rio de Profissionais de 2019 foi a 24ª edição da Copa Rio, competição organizada pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro. O campeonato foi disputado por vinte e cinco clubes participantes das três primeiras divisões do Campeonato Carioca de Futebol de 2018. O vencedor do torneio terá direito à escolha de uma vaga na Copa do Brasil de 2020 ou no Campeonato Brasileiro da Série D de 2020, ficando o vice-campeão com a vaga restante.[1]

Sistema de disputaEditar

A competição será dividida em seis fases, todas disputadas em caráter eliminatório. Haverá uma fase preliminar disputada entre o vice-campeão e o terceiro colocado da última Série C. O vencedor desta fase avança para a Primeira Fase onde estão as equipes classificadas das séries B1 e B2. Nas Oitavas de Final entram as equipes classificadas da Série A, além dos campeões das séries B1 e B2. As fases serão disputadas em ida e volta com igualdades sendo desempatadas nos pênaltis

O campeão poderá escolher uma vaga na Copa do Brasil de 2020 ou no Campeonato Brasileiro da Série D de 2020.

ParticipantesEditar

Equipe Cidade Em 2018 Estádio Capacidade [2] Títulos Forma de classificação
7 de Abril   Rio de Janeiro 25º Giulite Coutinho 13 544 0 (não possui) 6º colocado da Série B2
America   Rio de Janeiro 0 (não possui) Campeão da Série B1
Americano   Campos dos Goytacazes Campeão Ângelo de Carvalho 900 1 (último em 2018) Vice-campeão da Série B1
Arraial do Cabo [ACB]   Arraial do Cabo 24º Lourival Gomes de Almeida 3 000 0 (não possui) 8º colocado da Série B2
Audax Rio   São João de Meriti Moça Bonita 8 000 1 (último em 2010) 4º colocado da Série B1
Bangu   Rio de Janeiro 14º 0 (não possui) 8º colocado da Série A
Barra Mansa   Barra Mansa não participou Leão do Sul 5 000 0 (não possui) 7º colocado da Série B2
Boavista-RJ   Saquarema não participou Elcyr Resende de Mendonça 6 000 1 (último em 2017) 5º colocado da Série A
Bonsucesso   Rio de Janeiro não participou Leônidas da Silva 2 390 0 (não possui) 5º colocado da Série B1
Cabofriense   Cabo Frio não participou Alair Corrêa (Correão) 4 200 0 (não possui) 7º colocado da Série A
Campo Grande   Rio de Janeiro não participou Ítalo del Cima 18 000 0 (não possui) 3º colocado da Série C
Campos   Campos dos Goytacazes Ângelo de Carvalho 900 0 (não possui) Vice-campeão da Série B2
Friburguense   Nova Friburgo Eduardo Guinle 8 000 0 (não possui) 6º colocado da Série B1
Madureira   Rio de Janeiro 12º Aniceto Moscoso 2 136 1 (último em 2011) 9º colocado da Série A
Mageense   Magé não participou César Paim 1 000 0 (não possui) Campeão da Série C
Maricá   Maricá 17º Alziro de Almeida 900 0 (não possui) 3º colocado da Série B2
Nova Cidade   Nilópolis 19º Joaquim de Almeida Flores 500 0 (não possui) Campeão da Série B2
Pérolas Negras   Paty do Alferes 21º Avelar 300 0 (não possui) 4º colocado da Série B2
Portuguesa-RJ   Rio de Janeiro Luso Brasileiro 20 255 2 (último em 2016) 6º colocado da Série A
Profute Volantes   Itaboraí não participou Niélsen Louzada 6 000 0 (não possui) Vice-campeão da Série C
Queimados   Queimados não participou Joaquim de Almeida Flores 500 0 (não possui) 5º colocado da Série B2
Sampaio Corrêa-RJ   Saquarema não participou Lourival Gomes 1 800 0 (não possui) 3º colocado da Série B1
Serra Macaense   Macaé não participou Moacyrzão 16 000 0 (não possui) 8º colocado da Série B1
Tigres do Brasil   Duque de Caxias não participou Los Larios 6 300 0 (não possui) 7º colocado da Série B1
Volta Redonda   Volta Redonda 15º Raulino de Oliveira 20 255 4 (último em 2007) 10º colocado da Série A

ResultadosEditar

 Ver artigo principal: Resultados da Copa Rio de 2019

Fase preliminarEditar

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito os times classificados.
Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Campo Grande   3–2   Profute Volantes[a] 3–0 0–2

Notas:

  • a ^ O Campo Grande foi eliminado da Copa Rio por escalação irregular de quatro jogadores, apesar de ter vencido pelo placar agregado de 3–2. Com isso, o Profute Volantes se classificou para a fase seguinte.[3][4][5]


Primeira faseEditar

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito os times classificados.
Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Maricá   2–1   Friburguense 1–1 1–0
Barra Mansa   0–6   Bonsucesso 0–3 0–3
7 de Abril   1–7   Tigres do Brasil 1–4 0–3
Arraial do Cabo   2–2 (5–4 p)   Americano 1–0 1–2
Pérolas Negras   1–1 (2–3 p)   Audax Rio 0–0 1–1
Campos   2–1   Serra Macaense 0–0 2–1
Mageense   2–4   Sampaio Corrêa-RJ 1–0 1–4
Profute Volantes   7–3   Queimados 5–1 2–2

Oitavas de finalEditar

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito os times classificados.
Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Maricá   6–0   Bangu 3–0 3–0
Bonsucesso   4–1   Cabofriense 2–1 2–0
Tigres do Brasil   3–1   Volta Redonda 3–0 0–1
Arraial do Cabo   0–4   Boavista-RJ 0–1 0–3
Audax Rio   3–0   Madureira 1–0 2–0
Campos   0–1   Portuguesa-RJ 0–0 0–1
Sampaio Corrêa-RJ   4–4 (3–1 p)   America 2–3 2–1
Profute Volantes   1–2   Nova Cidade 1–0 0–2

Fase finalEditar