Copa Rio de 2019

Copa Rio de Profissionais de 2019
XXIII Copa Rio
Rio de Janeiro
Dados
Participantes 25
Organização FERJ
Período 5 de junho28 de agosto
Campeão Município do Rio de Janeiro Bonsucesso
Vice-campeão Município do Rio de Janeiro Portuguesa-RJ
◄◄ Rio de Janeiro 2018 Soccerball.svg 2020 Rio de Janeiro ►►

A Copa Rio de Profissionais de 2019 foi a 24ª edição da Copa Rio, competição organizada pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro. O campeonato foi disputado por vinte e cinco clubes participantes das três primeiras divisões do Campeonato Carioca de Futebol de 2018. O vencedor do torneio terá direito à escolha de uma vaga na Copa do Brasil de 2020 ou no Campeonato Brasileiro da Série D de 2020, ficando o vice-campeão com a vaga restante.[1]

Sistema de disputaEditar

A competição será dividida em seis fases, todas disputadas em caráter eliminatório. Haverá uma fase preliminar disputada entre o vice-campeão e o terceiro colocado da última Série C. O vencedor desta fase avança para a Primeira Fase onde estão as equipes classificadas das séries B1 e B2. Nas Oitavas de Final entram as equipes classificadas da Série A, além dos campeões das séries B1 e B2. As fases serão disputadas em ida e volta com igualdades sendo desempatadas nos pênaltis

O campeão poderá escolher uma vaga na Copa do Brasil de 2020 ou no Campeonato Brasileiro da Série D de 2020.

ParticipantesEditar

Equipe Cidade Em 2018 Estádio Capacidade [2] Títulos Forma de classificação
7 de Abril   Rio de Janeiro 25º Giulite Coutinho 13 544 0 (não possui) 6º colocado da Série B2
America   Rio de Janeiro 0 (não possui) Campeão da Série B1
Americano   Campos dos Goytacazes Campeão Ângelo de Carvalho 900 1 (último em 2018) Vice-campeão da Série B1
Arraial do Cabo [ACB]   Arraial do Cabo 24º Lourival Gomes 1 800 0 (não possui) 8º colocado da Série B2
Audax-RJ   São João de Meriti Moça Bonita 9 024 1 (último em 2010) 4º colocado da Série B1
Bangu   Rio de Janeiro 14º 0 (não possui) 8º colocado da Série A
Barra Mansa   Barra Mansa não participou Leão do Sul 2 000 0 (não possui) 7º colocado da Série B2
Boavista-RJ   Saquarema não participou Elcyr Resende 4 315 1 (último em 2017) 5º colocado da Série A
Bonsucesso   Rio de Janeiro não participou Leônidas da Silva 2 390 0 (não possui) 5º colocado da Série B1
Cabofriense   Cabo Frio não participou Correão 2 611 0 (não possui) 7º colocado da Série A
Campo Grande   Rio de Janeiro não participou Ítalo del Cima 18 000 0 (não possui) 3º colocado da Série C
Campos   Campos dos Goytacazes Ângelo de Carvalho 900 0 (não possui) Vice-campeão da Série B2
Friburguense   Nova Friburgo Eduardo Guinle 5 500 0 (não possui) 6º colocado da Série B1
Madureira   Rio de Janeiro 12º Conselheiro Galvão 2 136 1 (último em 2011) 9º colocado da Série A
Mageense   Magé não participou César Paim 1 000 0 (não possui) Campeão da Série C
Maricá   Maricá 17º Alziro de Almeida 900 0 (não possui) 3º colocado da Série B2
Nova Cidade   Nilópolis 19º Joaquim Flores 500 0 (não possui) Campeão da Série B2
Pérolas Negras   Resende 21º Trabalhador 4 600 0 (não possui) 4º colocado da Série B2
Portuguesa-RJ   Rio de Janeiro Moça Bonita 9 024 2 (último em 2016) 6º colocado da Série A
Itaboraí Profute   Itaboraí não participou Louzadão 6 000 0 (não possui) Vice-campeão da Série C
Queimados   Queimados não participou Joaquim Flores 500 0 (não possui) 5º colocado da Série B2
Sampaio Corrêa-RJ   Saquarema não participou Lourival Gomes 1 800 0 (não possui) 3º colocado da Série B1
Serra Macaense   Macaé não participou Moacyrzão 15 000 0 (não possui) 8º colocado da Série B1
Tigres do Brasil   Duque de Caxias não participou Los Larios 6 300 0 (não possui) 7º colocado da Série B1
Volta Redonda   Volta Redonda 15º Raulino de Oliveira 18 230 4 (último em 2007) 10º colocado da Série A

ResultadosEditar

 Ver artigo principal: Resultados da Copa Rio de 2019

Fase preliminarEditar

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito os times classificados.
Equipe 1   Total   Equipe 2   1º jogo   2º jogo
Campo Grande   3–2   Itaboraí Profute[a] 3–0 0–2

Notas:

  • a ^ O Campo Grande foi eliminado da Copa Rio por escalação irregular de quatro jogadores, apesar de ter vencido pelo placar agregado de 3–2. Com isso, o Profute Volantes se classificou para a fase seguinte.[3][4][5]


Primeira faseEditar

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito os times classificados.
Equipe 1   Total   Equipe 2   1º jogo   2º jogo
Maricá   2–1   Friburguense 1–1 1–0
Barra Mansa   0–6   Bonsucesso 0–3 0–3
7 de Abril   1–7   Tigres do Brasil 1–4 0–3
Arraial do Cabo   2–2 (5–4 p)   Americano 1–0 1–2
Pérolas Negras   1–1 (2–3 p)   Audax-RJ 0–0 1–1
Campos   2–1   Serra Macaense 0–0 2–1
Mageense   2–4   Sampaio Corrêa-RJ 1–0 1–4
Itaboraí Profute   7–3   Queimados 5–1 2–2

Oitavas de finalEditar

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito os times classificados.
Equipe 1   Total   Equipe 2   1º jogo   2º jogo
Maricá   6–0   Bangu 3–0 3–0
Bonsucesso   4–1   Cabofriense 2–1 2–0
Tigres do Brasil   3–1   Volta Redonda 3–0 0–1
Arraial do Cabo   0–4   Boavista-RJ 0–1 0–3
Audax-RJ   3–0   Madureira 1–0 2–0
Campos   0–1   Portuguesa-RJ 0–0 0–1
Sampaio Corrêa-RJ   4–4 (3–1 p)   America 2–3 2–1
Itaboraí Profute   1–2   Nova Cidade 1–0 0–2

Fase finalEditar