Abrir menu principal

Copa das Confederações FIFA de 2013 – Grupo A

O grupo A da Copa das Confederações FIFA de 2013 foi disputado de 15 a 22 de junho de 2013 pelas seleções do Brasil (país-sede), do Japão, do México e da Itália.[1] Os dois primeiros colocados do grupo (Brasil e Itália, respectivamente) avançaram automaticamente às semifinais. A primeira partida ocorreu com o antrifião Brasil enfrentando o Japão.

ParticipantesEditar

Inscrição Seleção Confederação Modo de classificação Aparições Melhor resultado anterior
A1
(cabeça-de-chave)
  Brasil CONMEBOL País-sede da Copa do Mundo FIFA de 2014 Campeã (1997, 2005 e 2009)
A2
  Japão AFC Campeão da Copa da Ásia de 2011 Vice-campeã (2001)
A3
  México CONCACAF Campeão da Copa Ouro da CONCACAF de 2011 Campeão (1999)
A4
  Itália UEFA Vice-campeã da Eurocopa 2012[nota 1] Fase de grupos (2009)

ClassificaçãoEditar

Pos. Seleção Pts J V E D GP GC SG
1   Brasil 9 3 3 0 0 9 2 +7
2   Itália 6 3 2 0 1 8 8 0
3   México 3 3 1 0 2 3 5 –2
4   Japão 0 3 0 0 3 4 9 –5

JogosEditar

Todos os jogos listados estão no horário brasileiro (UTC−3).[2]

Primeira rodadaEditar

Brasil vs. Japão
15 de junho Brasil   3 – 0   Japão Estádio Nacional, Brasília
16:00
Neymar   3'
Paulinho   48'
  90+3'
Relatório Público: 67 423
Árbitro:  POR Pedro Proença
     
 
 
Brasil[3]
     
 
 
Japão[3]
 
BRASIL:
GR 12 Júlio César
LD 2 Daniel Alves
ZA 3 Thiago Silva  
ZA 4 David Luiz
LE 6 Marcelo
MC 17 Luiz Gustavo
MC 18 Paulinho
MC 11 Oscar
AT 19 Hulk   75'
AT 10 Neymar   74'
AT 9 Fred   81'
Substituições:
MC 7 Lucas   74'
MC 8 Hernanes   75'
AT 21   81'
Treinador:
Luiz Felipe Scolari
 
 
JAPÃO:
GR 1 Eiji Kawashima
LD 6 Atsuto Uchida
ZA 22 Maya Yoshida
ZA 15 Yasuyuki Konno
LE 5 Yuto Nagatomo
MC 17 Makoto Hasebe     45+1'
MC 7 Yasuhito Endō   78'
MC 8 Hiroshi Kiyotake   51'
MC 4 Keisuke Honda   88'
AT 10 Shinji Kagawa
AT 9 Shinji Okazaki
Substituições:
AT 18 Ryoichi Maeda   51'
MC 13 Hajime Hosogai   78'
MC 19 Takashi Inui   88'
Treinador:
  Alberto Zaccheroni

Melhor em campo:
Neymar (Brasil)[4]

Bandeirinhas:
  Bertino Miranda
  Tiago Trigo
Quarto árbitro:
  Felix Brych
Quinto árbitro:
  Mark Borsch

México vs. Itália
16 de junho México   1 – 2   Itália Estádio Maracanã, Rio de Janeiro
16:00
Hernández   34' (pen) Relatório Pirlo   27'
Balotelli   78'
Público: 73 123
Árbitro:  CHI Enrique Osses
     
 
 
México[5]
     
 
 
Itália[5]
 
MÉXICO:
GR 12 José de Jesús Corona
LD 22 Gerardo Flores
ZA 2 Javier Rodríguez  
ZA 15 Héctor Moreno   47'
LE 3 Carlos Salcido
MC 17 Jesús Zavala   86'
MC 6 Gerardo Torrado
MC 11 Javier Aquino   53'
MC 10 Giovani dos Santos   58'
AT 18 Andrés Guardado
AT 14 Javier Hernández
Substituições:
ZA 21 Hiram Mier   53'
AT 19 Raúl Jiménez   86'
Treinador:
José Manuel de la Torre
 
 
ITÁLIA:
GR 1 Gianluigi Buffon  
LD 20 Ignazio Abate
ZA 15 Andrea Barzagli   34'
ZA 3 Giorgio Chiellini
LE 5 Mattia De Sciglio
MC 16 Daniele De Rossi   81'
MC 21 Andrea Pirlo
MC 18 Riccardo Montolivo
MC 8 Claudio Marchisio   68'
MC 22 Emanuele Giaccherini   88'
AT 9 Mario Balotelli   79'  86'
Substituições:
MC 17 Alessio Cerci   68'
AT 11 Alberto Gilardino   86'
MC 7 Alberto Aquilani   88'
Treinador:
Cesare Prandelli

Melhor em campo:
Andrea Pirlo (Itália)[6]

Bandeirinhas:
  Sergio Román
  Carlos Astroza
Quarto árbitro:
  Djamel Haimoudi
Quinto árbitro:
  Redouane Achik

Segunda rodadaEditar

Brasil vs. México
19 de junho Brasil   2 – 0   México Estádio Castelão, Fortaleza
16:00
Neymar   9'
  90+3'
Relatório Público: 57 804
Árbitro:  ENG Howard Webb
     
 
 
Brasil[7]
     
 
 
México[7]
 
BRASIL:
GR 12 Júlio César
LD 2 Daniel Alves   76'
ZA 3 Thiago Silva     44'
ZA 4 David Luiz
LE 6 Marcelo
MC 17 Luiz Gustavo
MC 18 Paulinho
MC 11 Oscar   62'
AT 19 Hulk   78'
AT 10 Neymar
AT 9 Fred   82'
Substituições:
MC 8 Hernanes   62'
MC 7 Lucas   78'
AT 21   82'
Treinador:
Luiz Felipe Scolari
 
 
MÉXICO:
GR 12 José de Jesús Corona
DF 21 Hiram Mier
DF 2 Javier Rodríguez     90'
DF 15 Héctor Moreno
DF 20 Jorge Torres   70'
DF 3 Carlos Salcido
DF 22 Gerardo Flores   58'
MC 10 Giovani dos Santos
MC 18 Andrés Guardado   21'
AT 14 Javier Hernández
Substituições:
MF 16 Héctor Herrera   89'  58'
MF 7 Pablo Barrera   70'
FW 19 Raúl Jiménez   88'
Treinador:
José Manuel de la Torre

Melhor em campo:
Neymar (Brasil)[8]

Bandeirinhas:
  Michael Mullarkey
  Darren Cann
Quarto árbitro:
  Enrique Osses
Quinto árbitro:
  Carlos Astroza

Itália vs. Japão
19 de junho Itália   4 – 3   Japão Arena Pernambuco, Recife
19:00
De Rossi   41'
Uchida   50' (g.c.)
Balotelli   52' (pen)
Giovinco   86'
Relatório Honda   21' (pen)
Kagawa   33'
Okazaki   69'
Público: 40 489
Árbitro:  ARG Diego Abal
     
 
 
Itália[9]
     
 
 
Japão[9]
 
ITÁLIA:
GR 1 Gianluigi Buffon     20'
LD 2 Christian Maggio   59'
ZA 15 Andrea Barzagli
ZA 3 Giorgio Chiellini
LE 5 Mattia De Sciglio
MC 21 Andrea Pirlo
MC 18 Riccardo Montolivo
MC 16 Daniele De Rossi   36'
MC 7 Alberto Aquilani   30'
MC 22 Emanuele Giaccherini   68'
AT 9 Mario Balotelli
Substituições:
AT 10 Sebastian Giovinco   30'
ZA 20 Ignazio Abate   59'
MC 8 Claudio Marchisio   68'
Treinador:
Cesare Prandelli
 
 
JAPÃO:
GR 1 Eiji Kawashima
LD 6 Atsuto Uchida   73'
ZA 22 Maya Yoshida
ZA 15 Yasuyuki Konno   90'
LE 5 Yuto Nagatomo
MC 17 Makoto Hasebe     52'  90+2'
MC 7 Yasuhito Endō
MC 9 Shinji Okazaki
MC 4 Keisuke Honda
AT 10 Shinji Kagawa
AT 18 Ryoichi Maeda   79'
Substituições:
ZA 21 Hiroki Sakai   73'
AT 11 Mike Havenaar   79'
MC 14 Kengo Nakamura   90+2'
Treinador:
  Alberto Zaccheroni

Melhor em campo:
Shinji Kagawa (Japão)[10]

Bandeirinhas:
  Hernán Maidana
  Juan Pablo Belatti
Quarto árbitro:
  Joel Aguilar
Quinto árbitro:
  William Torres

Terceira rodadaEditar

Itália vs. Brasil
22 de junho Itália   2 – 4   Brasil Arena Fonte Nova, Salvador
16:00
Giaccherini   51'
Chiellini   71'
Relatório Dante   45+1'
Neymar   55'
Fred   66',   89'
Público: 48 874
Árbitro:  UZB Ravshan Irmatov
     
 
 
Itália[11]
     
 
 
Brasil[11]
 
ITÁLIA:
GR 1 Gianluigi Buffon  
LD 20 Ignazio Abate   30'
ZG 19 Leonardo Bonucci
ZG 3 Giorgio Chiellini
LE 5 Mattia De Sciglio
VL 18 Riccardo Montolivo   26'
VL 7 Alberto Aquilani
RW 6 Antonio Candreva
MA 8 Claudio Marchisio   40'
LW 23 Alessandro Diamanti   72'
CA 9 Mario Balotelli
Substituições:
MA 22 Emanuele Giaccherini   26'
ZG 2 Christian Maggio   30'
AT 14 Stephan El Shaarawy   72'
Treinador:
Cesare Prandelli
 
 
BRASIL:
GR 12 Júlio César
LD 2 Daniel Alves
ZG 3 Thiago Silva  
ZG 4 David Luiz   8'  33'
LE 6 Marcelo
VL 8 Hernanes
VL 17 Luiz Gustavo   44'
RW 19 Hulk   76'
MA 11 Oscar
LW 10 Neymar   28'  69'
CA 9 Fred
Substituições:
ZG 13 Dante   33'
MA 20 Bernard   69'
VL 5 Fernando   76'
Treinador:
Luiz Felipe Scolari

Melhor em campo:
Neymar (Brasil)[12]

Bandeirinhas:
  Abdukhamidullo Rasulov
  Bahadyr Kochkarov
Quarto árbitro:
  Yuichi Nishimura
Quinto árbitro:
  Toru Sagara

Japão vs. México
22 de junho Japão   1 – 2   México Estádio Mineirão, Belo Horizonte
16:00
Okazaki   86' Relatório Hernández   54',   66' Público: 52 690
Árbitro:  GER Felix Brych
     
 
 
Japão[13]
     
 
 
México[13]
 
JAPÃO:
GR 1 Eiji Kawashima
LD 21 Hiroki Sakai   38'  58'
ZG 16 Yuzo Kurihara
ZG 15 Yasuyuki Konno
LE 5 Yuto Nagatomo   77'
VL 13 Hajime Hosogai
VL 7 Yasuhito Endō  
MC 4 Keisuke Honda
RW 9 Shinji Okazaki
LW 10 Shinji Kagawa
CA 18 Ryoichi Maeda   65'
Substituições:
DF 6 Atsuto Uchida   58'
DF 22 Maya Yoshida   65'
MA 14 Kengo Nakamura   77'
Treinador:
  Alberto Zaccheroni
 
 
MÉXICO:
GR 1 Guillermo Ochoa   90+5'
LD 21 Hiram Mier
ZG 4 Diego Reyes
ZG 15 Héctor Moreno
LE 20 Jorge Torres Nilo
VL 6 Gerardo Torrado  
VL 17 Jesús Zavala
MD 10 Giovani dos Santos   78'
ME 18 Andrés Guardado   71'
CA 19 Raúl Jiménez   90'
CA 14 Javier Hernández
Substituições:
DF 3 Carlos Salcido   71'
MC 7 Pablo Barrera   78'
MC 11 Javier Aquino   90'
Manager:
José Manuel de la Torre

Homem do jogo:
Javier Hernández (México)[14]

Bandeirinhas:
  Stefan Lupp
  Mark Borsch
Quarto árbitro:
  Howard Webb
Quinto árbitro:
  Mike Mullarkey

Ver tambémEditar

Notas

  1. Pelo fato da Espanha ser campeã da Eurocopa 2012, a vaga foi passada à Itália, pois a Espanha já havia garantido uma vaga por ter sido a campeã da Copa do Mundo FIFA de 2010.

Referências

  1. «Em sorteio confuso, Brasil cai no grupo de Itália, México e Japão». Lancenet!. 1 de dezembro de 2012. Consultado em 20 de junho de 2013 
  2. «Match Schedule – FIFA Confederations Cup Brazil 2013» (PDF) (em inglês). FIFA. Consultado em 20 de junho de 2013 
  3. a b «Tactical Line-up – Group A – Brazil-Japan» (PDF) (em inglês). FIFA. 15 de junho de 2013. Consultado em 15 de junho de 2013 
  4. «Brazil v Japan – Man of the Match» (em inglês). FIFA. 15 de junho de 2013. Consultado em 20 de junho de 2013 
  5. a b «Tactical Line-up – Group A – Mexico-Italy» (PDF) (em inglês). FIFA. 16 de junho de 2013. Consultado em 16 de junho de 2013 
  6. «Mexico v Italy – Man of the Match» (em inglês). FIFA. 16 de junho de 2013. Consultado em 21 de junho de 2013 
  7. a b «Formação Tática – Group A – Brazil-Mexico» (PDF) (em inglês). FIFA. 19 de junho de 2013. Consultado em 21 de Junho de 2013 
  8. «Brasil v México – Melhor em Campo». FIFA. 19 de junho de 2013. Consultado em 21 de junho de 2013. Arquivado do original em 22 de junho de 2013 
  9. a b «Tactical Line-up – Group B – Italy-Japan» (PDF) (em inglês). FIFA. 19 de junho de 2013. Consultado em 19 de juhno de 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  10. «Italy v Japan – Man of the Match» (em inglês). FIFA. 19 de junho de 2013. Consultado em 19 de junho de 2013 
  11. a b «Tactical Line-up – Group A – Italy-Brazil» (PDF) (em inglês). FIFA. 22 de junho de 2013. Consultado em 22 de junho de 2013 
  12. «Italy v Brazil – Man of the Match» (em inglês). FIFA. 22 de junho de 2013. Consultado em 22 de junho de 2013 
  13. a b «Tactical Line-up – Group A – Japan-Mexico» (PDF) (em inglês). FIFA. 22 de junho de 2013. Consultado em 22 de junho de 2013 
  14. «Japan v Mexico – Man of the Match» (em inglês). FIFA. 22 de junho de 2013. Consultado em 22 de junho de 2013 

Ligações externasEditar