Corte-Real

(Redirecionado de Corte Real)

Côrte-Real, Corte-Real ou Corte Real é um apelido de família da onomástica da língua portuguesa com origem na família Costa, dado que os primeiros Corte Real foram filhos de D. Vasco Anes da Costa[1], que foi um Cavaleiro medieval do Reino de Portugal e homem honrado pela Casa Real na localidade de Tavira. Foi contemporâneo do rei D. João I de Portugal.

Estátua de João Vaz Corte Real que se encontra no Museu de Angra do Heroísmo, Convento de São Francisco, ilha Terceira, Açores

Origens históricasEditar

Este Vasco Anes da Costa foi pai de:

  1. Vasco Anes Corte-Real (I)[2].
  2. Gil Vaz da Costa
  3. Afonso Vaz da Costa

O referido apelido usado por Vasco Anes foi transmitido não só à sua descendência como à do seu irmão Gil Vaz da Costa.

Dos descendentes do primeiro Vasco Anes, que foram capitães-donatários da Ilha Terceira, saíram vários navegadores que participaram nas descobertas marítimas portuguesas, particularmente João Vaz Corte Real, que alcançou a Terra Nova a partir da ilha Terceira, e dois dos seus filhos perderam-se ao tentarem navegar mais além.

Brasão de Armas da família Corte RealEditar

 
Armas de Vasco Anes Corte-Real (II), tal como aparecem no Livro do Armeiro-Mor (1509).

As armas usadas por estes Corte reais são as que o rei D. Afonso V de Portugal concedeu a Vasco Anes[3], que tem o brasão dos Costa como base, mais com o acrescentamento honroso de um chefe de São Jorge. E são compostas por:

De vermelho, seis costas de prata saintes dos flancos do escudo e em duas palas, chefe de prata, uma cruz de vermelho. Timbre: um braço armado de prata e guarnecido de ouro, com uma lança em riste de prata, hasteada de ouro, com uma flâmbula bifurcada de prata e carregada com a cruz do chefe do escudo.

NavegadoresEditar

Outras personalidadesEditar

OutrasEditar

Ao longo dos séculos os Corte-Real foramEditar

Ver tambémEditar

BibliografiaEditar

Referências

  1. Chagas, Ofir (2004). Tavira, Memórias de uma cidade. Tavira: autor 
  2. «Marinha de Portugal». Consultado em 10 de fevereiro de 2010. Arquivado do original em 7 de abril de 2009 
  3. «Armas dos Corte Real (folio 73 verso) - Livro do Armeiro-Mor - Arquivo Nacional da Torre do Tombo - DigitArq». digitarq.arquivos.pt. Consultado em 14 de março de 2019 
  4. «Cópia arquivada». Consultado em 3 de abril de 2013. Arquivado do original em 30 de maio de 2010 
  5. http://www.netsaber.com.br/biografias/ver_biografia_c_4619.html