Crescente

Disambig grey.svg Nota: Para as fases da Lua, veja Fases da Lua. Para outros significados, veja Meia-lua. Para outros significados, veja Crescimento.

Crescente é a forma geométrica produzida quando um círculo é parcialmente obturado por um outro círculo, daí resultando dois arcos, de diferentes raios, que se interceptam em dois pontos.

Dois círculos que constroem da figura geométrica do crescente, destacado na cor cinza.

SimbolismoEditar

O crescente com a estrela, atualmente considerado como um símbolo muçulmano, foi, por muito tempo, utilizado na Ásia Menor e pelos antigos turcos, antes do advento do Islã. Pesquisas arqueológicas mostraram que os goturcos utilizavam o crescente e a estrela como símbolo em suas moedas cerca de 1 500 anos atrás.

O crescente é um dos mais velhos símbolos da Humanidade. Com o sol, aparece na Acádia, por volta de 2300 a.C.. A partir do segundo milênio a.C., era o símbolo da Mesopotâmia e do Crescente Fértil. O crescente era bem conhecido no Oriente Médio e foi levado pelos fenícios, no século VIII, a Cartago, atual Tunísia. No século XII, foi adotado pelos turcos e, desde então, é, frequentemente, acompanhado por uma estrela, conforme referido na sura 53 do Corão. Desde então, tornou-se o principal símbolo do Islã.

A despeito de origens diversas, países islâmicos ou não (como Paquistão, Tunísia, Turquia, Nepal, Singapura), assim como organizações humanitárias (como Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho e Organização para a Cooperação Islâmica), usam esse símbolo em suas bandeiras ou logotipos.

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar