Cruzeiro do Sul (Rio Grande do Sul)

Disambig grey.svg Nota: Para outras cidades com este nome, veja Cruzeiro do Sul.

Cruzeiro do Sul é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul.

Cruzeiro do Sul
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Cruzeiro do Sul
Bandeira
Brasão de armas de Cruzeiro do Sul
Brasão de armas
Hino
Gentílico cruzeirense do sul
Localização
Localização de Cruzeiro do Sul no Rio Grande do Sul
Localização de Cruzeiro do Sul no Rio Grande do Sul
Mapa de Cruzeiro do Sul
Coordenadas 29° 30' 46" S 51° 59' 06" O
País Brasil
Unidade federativa Rio Grande do Sul
Municípios limítrofes Santa Clara do Sul, Estrela, Lajeado, Mato Leitão, Venâncio Aires e Bom Retiro do Sul.
Distância até a capital 122,5 km
História
Fundação 22 de novembro de 1963 (56 anos)
Administração
Prefeito(a) Lairton Hauschild (PSDB, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 155,220 km²
População total (est. IBGE/2019[2]) 12 348 hab.
Densidade 79,6 hab./km²
Clima Subtropical
Altitude 37 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2010) [3] 0,723 alto
 • Posição RS: 225º
PIB (IBGE/2008) [4] R$ 149 627,352 mil
PIB per capita (IBGE/2008[4]) R$ 11 817,97
Sítio http://www.cruzeiro.rs.gov.br/ (Prefeitura)
http://www.camaracruzeiro.rs.gov.br/ (Câmara)

HistóriaEditar

E a grande referência na história do povoamento é o casal João Xavier de Azambuja e Laura Centeno de Avezedo que, em 1855, adquiriu as terras situadas entre os arroios Sampaio e o de Moinhos, denominando a grande área da Fazenda São Gabriel. A sede da Fazenda, com a moradia dos proprietários, situava-se onde hoje é a Prefeitura de Cruzeiro do Sul.

Sequência histórica: - Em 1872, o Tenente Coronel Primórdio Centeno Xavier de Azambuja, um dos filhos do casal proprietário da Fazenda São Gabriel que lutou da Guerra do Paraguai (1864-1870), construiu sua moradia na margem direita do Rio Taquari. No ano seguinte, uma grande enchente inundou sua casa, o que o fez construir a nova residência num lugar mais alto, o que tornou conhecida como "Casa do Morro";

- Em 24 de julho de 1883, Dom Sebastião Dias Laranjeira, bispo do Rio Grande do Sul, autorizou a construção da capela dedicada a São Gabriel Arcanjo, em terreno doado pela Viúva Laura Centeno de Azambuja como agradecimento pelo retorno de seus três filhos da Guerra do Paraguai; Em 1889, o agrimensor Guilherme H. Rochet fez o levantamento do povoado com elaboração da planta dando assim origem ao planejamento urbano;

- Em 12 de outubro de 1892, os descendentes de Laura Centeno de Azambuja doaram uma área de terras para o Município de Lajeado (emancipado no ano anterior) instalar uma praça e logradouro públicos;

- Em 1895, a fábrica "Chocolates Natal" (Haenssgen) iniciou suas atividades;[5]

- Em 18 de abril de 1896, é lançada a pedra fundamental da Igreja Evangélica São Gabriel de Estrela, inaugurada em 20 de setembro de 1896;

- Em 12 de janeiro de 1922, pelo Ato n° 1.006, o Intendente Municipal João Batista de Mello elevou o povoado de São Gabriel de Estrela à condição de 6° Distrito de Lajeado;

- Em 30 de junho de 1939, o Governador do Estado, por meio do decreto n° 7.842, mudou o nome de São Gabriel da Estrela para Cruzeiro do Sul;

- Em 16 de agosto de 1941, é fundada a Sociedade Hospital São Gabriel Arcanjo; - Em Agosto de 1963 relato da propaganda dos emancipacionistas para a criação do município (Foto abaixo).

- Em 22 de novembro de 1963, pela lei 5.097, foi criado o Município de Cruzeiro do Sul, sendo eleito Emilio Treter Sobrinho como primeiro Prefeito, empossado em 22 de março de 1964 constituindo a Primeira administração datada de 22 de março de 1964 até 30 de janeiro de 1969. No dia seguinte à posse, foram nomeados os primeiros secretários, funcionários e professores. Professor Rudi Blásius Assmann foi o secretário da administração e seu braço direito. Para isso, renunciou à vereança. Como no início ainda não estavam definidos as secretarias, integravam o governo várias pessoas para as mais variadas funções administrativas. Entre elas Harri Gehlen, Vergílio Goerck, João Celso Schmitt, Ivo Bottega e Beatriz Junqueira Sulzbach na área da educação. O chefe de obras era Canísio Leoblein. Como Município-Mãe, por alguns anos, alguns funcionários de Lajeado continuaram a dar assessoria administrativa;

- Em 20 de março de 1964 foi empossado os vereadores Mário José Durayski, Adolfo Camilo Leindecker, Arnaldo Reckziegel, Ivo Francisco Reis, José Manuel Ruschel, Alfredo Erny Beppler e Nicolau Arnaldo Zart;

- Em 15 de novembro de 1969, foi fundado o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Cruzeiro do Sul;

- Em 30 de março de 1978, é instalado o Curso de 2° Grau Estadual em Cruzeiro do Sul.


GeografiaEditar

Localiza-se a uma latitude 29º30'46" sul e a uma longitude 51º59'07" oeste, estando a uma altitude de 37 metros. Sua população estimada em 2004 era de 12 189 habitantes.

Faz divisa com os municípios de Lajeado, Estrela, Bom Retiro do Sul, Mato Leitão, Venâncio Aires e Santa Clara do Sul.

Referências

  1. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. «Estimativa populacional de 2019». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 1 de janeiro de 2020 
  3. «Rio Grande do Sul - Cruzeiro do Sul - Índice de Desenvolvimento Humano Municipal». IBGE Cidades. Consultado em 3 de fevereiro de 2017 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. «História». Haenssgen. Consultado em 5 de novembro de 2019 

Ligações externasEditar

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre municípios do estado do Rio Grande do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.