Dídimo de Antioquia

Disambig grey.svg Nota: Para outras pessoas de mesmo nome, veja Dídimo.

Dídimo (em latim: Didymus; em grego: Διδύμος; romaniz.: Didymos) foi um gramático romano do século IV, ativo durante o reinado conjunto dos imperadores Constantino (r. 306–337) e Licínio (r. 308–324). Um egípcio, lecionou em Antioquia, onde foi professor do sofista Libânio na década de 320, e viveu por algum tempo em Constantinopla. Se sabe que faleceu em 357 e que teria tido um filho chamado Retório, que tornar-se-ia pupilo de Libânio.[1]

Dídimo
Morte 357
Nacionalidade
Vexilloid of the Roman Empire.svg
Império Romano
Ocupação Gramático

Referências

  1. Martindale 1971, p. 252.

BibliografiaEditar

  • Martindale, J. R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1971). The prosopography of the later Roman Empire - Vol. I AD 260-395. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press