Abrir menu principal

Damaskinos Mansour

Damaskinos Mansour
Metropolita de São Paulo e de todo o Brasil

Igreja

Igreja Ortodoxa Antioquina e Arquidiocese Ortodoxa Antioquina de São Paulo e Todo o Brasil.
Hierarquia
Atividade Eclesiástica
Predecessor Ignatios Ferzli
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 1976
Igreja de Santa Sofia, Grécia
por Metropolita Panteleimon Rodopoulos
Ordenação episcopal 1992
Nomeado arquieparca 1997
Nomeado metropolita 1997
Patriarcado
Dados pessoais
Nome secular Samih Mansour
Nascimento Damasco, Síria
25 de fevereiro de 1949 (70 anos)
Nacionalidade Síria e brasileira
Portal:Igreja Ortodoxa
Projeto Cristianismo

Dom Damaskinos (Damasco, 1949),[1] nascido como Samih Mansour,[2] é um bispo ortodoxo brasileiro de origem síria, intitulado o terceiro Metropolita da Arquidiocese Ortodoxa Antioquina de São Paulo e de Todo o Brasil sob a jurisdição da Igreja Ortodoxa Antioquina.

Nascido em Damasco, na Síria, mudou-se ainda criança para o Líbano, onde foi aluno do posteriormente Patriarca Inácio IV de Antioquia e estudou literatura árabe em Beirute e teologia em Balamand. Foi ordenado diácono em 1974 por Elias IV de Antioquia, no dia de sua formatura, tornando-se presbítero no ano seguinte. Posteriormente, estudou música, liturgia, biblioteconomia e arte bizantina e fez seu mestrado em teologia em Tessalônica. Em 1987, foi Vigário Arquiepiscopal na Síria para a Arquidiocese de Acar. Em 1992, foi eleito Bispo de Edessa, título representante do episcopado auxiliar para a Arquidiocese de São Paulo e de Todo o Brasil durante o episcopado de Dom Ignátios Ferzli. Após o falecimento deste, assumiu seu posto em 1997. Sua sede episcopal está na Catedral Metropolitana Ortodoxa.

Dom Damaskinos é conhecido pelo seu diálogo ecumênico, em especial com a Arquidiocese de São Paulo, católica romana, e pelo acolhimento da comunidade sírio-libanesa. Fala fluentemente árabe, português, inglês e grego.

Em 15 de dezembro de 2017, por decreto do governador Geraldo Alckmin, o hierarca foi agraciado com a grã-cruz da Ordem do Ipiranga.[3]

Referências

  1. Antioch Patriarchate
  2. Igreja Ortodoxa Antioquina: Arquidiocese de São Paulo e de Todo o Brasil
  3. «Decreto Nº 63.062, de 15 de dezembro de 2017». Portal da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. Consultado em 12 de março de 2018 
Precedido por
Dom Ignatios Ferzli
 
Metropolita de São Paulo e de todo o Brasil

1997 - atualidade
Sucedido por
incumbente