Abrir menu principal
David Allan
Autorretrato de David Allan, 1770.
Nascimento 13 de fevereiro de 1744
Alloa
Morte 6 de agosto de 1796 (52 anos)
Edimburgo
Nacionalidade Flag of Great Britain (1707–1800).svg Reino da Grã-Bretanha
Ocupação pintor

David Allan (Alloa, 13 de fevereiro de 1744 — Edimburgo, 6 de agosto de 1796) foi um pintor escocês, mais conhecido por seus temas históricos.

BiografiaEditar

Allan nasceu em Alloa na região central da Escócia. Ao sair da academia de pintura Foulis, em Glasgow (1762), após sete anos de estudos, obteve o patrocínio de Lorde Cathcart e de Erskine de Mar, em cuja propriedade ele tinha nascido. Erskine fez o possível para que ele viajasse para Roma (1764), onde permaneceu por vários anos ocupando-se principalmente em copiar os velhos mestres.

Entre os trabalhos originais que então pintou estava a "Origin of Portraiture", atualmente na Galeria Nacional em Edimburgo, representando uma virgem de Corinto desenhando a sombra de seu amado, bem conhecido através da excelente gravura de Domenico Cunego. Isso lhe valeu a medalha de ouro dado pela Academia de São Lucas no ano de 1773 para o melhor exemplar de composição histórica.

Retornando de Roma em 1777, viveu por um tempo em Londres, e ocupou-se com a pintura de retrato. Em 1780 se transferiu para Edimburgo, onde, com a morte de Alexander Runciman em 1786, foi nomeado diretor e mestre da Academia de Artes. Lá pintou e gravou em água-tinta uma variedade de trabalhos, que são os seus mais conhecido, tais como: "Scotch Wedding", "Highland Dance", "Repentance Stool" e "Illustrations of the Gentle Shepherd", sendo notável por seu humor cômico. Às vezes era chamado de "Hogarth escocês".

Seu túmulo pode ser visitado no Old Calton Cemetery, em Edimburgo. A lápide, que apresenta um relevo vertical, foi paga e erguida pela Academia Real Escocesa.

Notas e referências

Ligações externasEditar