Decio Azzolino (1549-1587)

Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre o cardeal do século XVI. Para o seu sobrinho-neto, veja Decio Azzolino (1623-1689).
Decio Azzolino, o Velho
Cardeal da Igreja Católica
Arcipreste da Basílica de Santa Maria Maior
Atividade eclesiástica
Diocese Diocese de Roma
Nomeação 1586
Predecessor Dom Filippo Cardeal Boncompagni
Sucessor Dom Domenico Cardeal Pinelli
Mandato 1586 - 1587
Ordenação e nomeação
Nomeação episcopal 15 de novembro de 1585
Nomeado arcebispo 1586
Cardinalato
Criação 18 de dezembro de 1585
por Papa Sisto V
Ordem Cardeal-presbítero
Título São Mateus em Merulana
Brasão
Coat of arms of Decio Azzolino.svg
Dados pessoais
Nascimento Fermo, Marcas
1 de julho de 1549
Morte Roma
9 de outubro de 1587 (38 anos)
Nacionalidade italiano
dados em catholic-hierarchy.org
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Decio Azzolino ou algumas vezes Decio Azzolini (também chamado Decio Azzolino, o Velho) (nascido em Fermo, Marcas, na Itália, em 1 de julho de 1549 - falecido em Roma, 9 de outubro de 1587) foi um cardeal e bispo italiano. Era o tio-avô do cardeal Decio Azzolini iuniore.[1] Se mudou para Roma e entrou no círculo próximo do cardeal Felice Peretti, o futuro Papa Sisto V, que também era natural de Fermo, e mais tarde tornou-se seu secretário particular.[1] Em 1585, foi nomeado cônego da Basílica de São Pedro e bispo de Cervia.

O Papa Sisto V o elevou a cardeal no consistório de 18 de dezembro de 1585.[1]

Arcipreste da Basílica Liberiana, foi um dos cardeais que participaram na eleição do novo rei da Polônia.[1]

Referências

BibliografiaEditar