Abrir menu principal
Este artigo usa a notação algébrica para descrever os movimentos do xadrez.


Defesa Damiano
abcdefgh
8
Chessboard480.svg
a8 preto torre
b8 preto cavalo
c8 preto bispo
d8 preto rainha
e8 preto rei
f8 preto bispo
g8 preto cavalo
h8 preto torre
a7 preto peão
b7 preto peão
c7 preto peão
d7 preto peão
g7 preto peão
h7 preto peão
f6 preto peão
e5 preto peão
e4 branco peão
f3 branco cavalo
a2 branco peão
b2 branco peão
c2 branco peão
d2 branco peão
f2 branco peão
g2 branco peão
h2 branco peão
a1 branco torre
b1 branco cavalo
c1 branco bispo
d1 branco rainha
e1 branco rei
f1 branco bispo
h1 branco torre
8
77
66
55
44
33
22
11
abcdefgh
Movimentos 1.e4 e5 2.Cf3 f6?[1][2][3][4][5]
Sinônimos Gambito Damiano
Nome de origem Associado a Pedro Damiano de Odemira.
ECO C40[2][3][4][5]
Classificação Abertura Aberta
Chessgames Chessgames.com

A Defesa Damiano ou Gambito Damiano (ECO C40) é uma abertura de xadrez do tipo aberta que caracteriza-se pelos movimentos:[2][3]

  1. 1. e4 e5
  2. 2. Cf3 f6?

Esta defesa é uma das aberturas mais antigas, com partidas documentadas que remontam ao século XVI.

Índice

3.d4 e 3.Bc4Editar

O movimento do Preto 2...f6? é frágil e expõe o Rei Preto, enfraquece o flanco de rei, toma o seu cavalo a sua melhor casa. Os movimentos 3.d4 e 3.Bc4 são boas respostas; I.A.Horowitz escreveu que "Simples e potente é 3.Bc4 d6 4.d4 Cc6 5.c3, depois disto as Pretas estão em apuros."[6]

3.Cxe5Editar

De qualquer jeito, é forçado o sacrifício do cavalo 3.Cxe5![7] Prende o cavalo com 3...fxe5? expõe o lado negro a um ataque mortal depois de 4.Dh5+ Re7 (4...g6 perde por 5.Dxe5+, encurrala o rei e a torre) 5.Dxe5+ Rf7 6.Bc4+ d5! (6...Rg6?? 7.Df5+ é devastadora e conduz ao mate em seguida) 7.Bxd5+ Rg6 8.h4 (8.d4? Bd6!) h5 (por 8...h6, veja o diagrama) 9.Bxb7! Bd6 (9...Bxb7 10.Df5+ Rh6 11.d4+ g5 12.Df7! e mate) 10.Da5!, quando a melhor das Pretas é 10...Cc6 11.Bxc6 Tb8, e agora as Brancas combinarão com vários peões a mais. Bruce Pandolfini destaca que esta abertura do Preto foi descrita, às vezes como "Gambito dos cinco peões".[8] Alternativamente, as Brancas podem continuar desenvolvendo suas peças, combinando-se com quatro peões a mais. Em qualquer caso, as Brancas têm uma posição claramente favorável.

Capturar o cavalo é fatal, depois de 3.Cxe5 as Pretas teriam que tentar 3...De7![9] (outro terceiro movimento do Preto, como agora 3...d5, provocam 4. Dh5+! g6 5. Cxg6!) Depois de 4.Cf3 (4.Dh5+? g6 5.Cxg6 Dxe4+ 6.Be2 Dxg6 deixa o negro com peça a mais por dois peões) Dxe4+ 5.[9] Be2, O preto recupera o peão, mas perde tempo e enfraquece o flanco do rei, e perderão mais ainda quando o Branco perseguirem a dama com Cc3, ou 0-0, Te1, e um movimento do bispo em e2. Nick de Firmian em o Moderno Chess Openings analisa 4...d5 5.d3 dxe4 6.dxe4, quando as brancas combinaram com uma pequena vantagem, a Schiffers–Txigorin, St. Petersburg 1897.[10]

O fato que o Preto só pode recuperar o peão com 3...De7! mostra que 2...f6? não defende realmente o peão em absoluto. Inclusive um movimento relativamente inútil como agora 2...a6?! é menos arriscado que 2...f6?. Depois de 2...a6?! 3.Cxe5, o preto pode ainda recuperar o peão com 3...De7 4.d4 d6, sem enfraquecer o flanco do rei ou privar o cavalo da sua melhor casa.

HistóriaEditar

Ironicamente, a abertura recebe o nome do primeiro problemista de xadrez português Pedro Damiano (1480–1544),[11] quem a considerou fraco. Em 1847, Howard Staunton escreveu sobre 2...f6, movimento que aparece na velha obra de Damiano, que exibe várias variantes inteligente. Ruy López de Segura e autores posteriores, denominaram de "Gambito Damiano". O contemporâneo de Staunton George Walker no entanto, mais logicamente, reservou o termo "Gambito Damiano" pelo sacrifício do cavalo que a Branca joga no terceiro movimento: 1.e4 e5 2.[12] Cf3 f6 3.Cxe5.[13] Staunton referia-se a 1.e4 e5 2.Cf3 Cc6, uma defesa altamente respeitada então e agora, como 'defesa Damiano contra a abertura de cavalo de rei'.[14]

A defesa Damiano não ocorre atualmente em partidas de alto nível. O melhor jogador a tentar a defesa Damiano em uma competição séria foi Mikhaïl Txigorin, quem tal como ja mencionado, jogou a linha com 3...De7 numa partida contra Emmanuel Schiffers a Santo Petersburg o 1897. Txigorin perdeu a dama ao décimo movimento (veja o diagrama), mas Schiffers jogou muito mal a partir de então, tanto que Txigorin mais tarde não consegue um mate brilhante forçado e só pôde se salvar quando Schiffers aceitou as tabelas numa posição ganhadora.[15] Robert McGregor jogou a Damiano numa exibição simultânea em 1964 contra Bobby Fischer, e vai testar 3...De7 4.Cf3 d5 5.d3 dxe4 6.dxe4 Dxe4+ 7.Be2 Bf5, e fez tabela, mas Fischer não fez as melhores jogadas.[16]

Referências

  1. «Internet Chess Club». Chess Club Store (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  2. a b c «C40: Damiano's defence». Chess 365. Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  3. a b c «C40: Damiano's defence - 1. e4 e5 2. Nf3 f6 - Chess Opening explorer». Chess 365. Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  4. a b Master, Post (9 de outubro de 2015). «Damiano Defense (C40)». Clean Chess (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  5. a b Fadul, Jose A.; Canlas, Reynaldo Nuelito Q. (27 de abril de 2010). Chess Therapy (2nd Edition) (em inglês). [S.l.]: Lulu.com. ISBN 9780557285785 
  6. I.
  7. Understanding the Chess Openings, Sam Collins, 2005, p. 28.
  8. Bruce Pandolfini, Chess Openings: Traps and Zaps, Simon & Schuster, 1989, p. 92.
  9. a b Pandolfini 1989, p. 91.
  10. Modern Chess Openings, 15a edició, Random House Puzzles & Games, 2008, p. 156.
  11. «Damiano». Alentejo Litoral. Consultado em 30 de abril de 2016 [ligação inativa]
  12. Howard Staunton, The Chess-Player's Handbook, Henry C.
  13. Walker va escriure sobre el sacrifici de cavall, «Això constitueix el gambet Damiano.
  14. Staunton, p. 64.
  15. «The Richter riddle». OPEN CHESS DIARY (cal baixar fins al núm. 222). Consultado em 20 de março de 2006 
  16. Chessstuff.blogspot.com (ed.). «Bobby Fischer and Damiano's Defense». Consultado em 2 de abril de 2009 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
  Livros e manuais no Wikilivros
  Textos originais no Wikisource
  Categoria no Commons


  Este artigo sobre enxadrismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.