Abrir menu principal
Demián Bichir
Nome completo Demián Bichir Nájera
Nascimento 1 de agosto de 1963 (56 anos)
Cidade do México, Distrito Federal
Nacionalidade México Mexicano
Ocupação Ator
Cônjuge Lisset (2001-2003)

Demián Bichir Nájera (Cidade do México, 1 de agosto de 1963) é um ator mexicano de cinema e televisão, membro de uma família de origem libanesa. Ficou conhecido por seus papéis nas novelas Nada personal e La otra mitad del sol, nas séries Weeds e The Bridge e nos filmes A Better Life (onde foi indicado ao Oscar de melhor ator na Edição de 2012), Os Oito Odiados, Alien: Covenant e o mais recente A Freira.

BiografíaEditar

Filho de Alejandro Bichir e Maricruz Nájera, Demián tem dois irmãos também atores Odiseo Bichir e Bruno Bichir. Estudou com seus irmãos na escola Francisco Medina Ascencio, na zona metropolitana do Valle de México.

Sua carreira focada principalmente no cinema e na televisão, começou com pequenos papéis em novelas e também apareceu em alguns filmes como Rojo amanecer, Miroslava e La vida conyugal. Dublou na versão latina alguns personagens, como: o Príncipe Eric em A Pequena Sereia (1989), o protagonista de Aladdin (1992) e Tulio de O Caminho para El Dorado (2000). Depois rodou alguns filmes mexicanos como Cilantro y perejil, Sexo, pudor y lágrimas e Todo el poder. Em 2008 foi chamado por Steven Soderbergh para interpretar a Fidel Castro em Che, el argentino e Che: Guerrilla.

Na TV Azteca participou das telenovelas Nada personal, Demasiado corazón e La otra mitad del sol. Na Bolivia esteve no filme American visa do diretor Juan Carlos Valdivia. Com Argos Producciones realizou a minissérie Zapata: amor en rebeldía, onde interpretou a Emiliano Zapata.

Em 2008 participou da série Weeds, interpretando Esteban, marido de Nancy e pai de seu terceiro filho, Steve. [1][2]

No dia 24 de janeiro de 2012, Bichir conseguiu uma indicação ao Óscar de Melhor Ator por seu papel em A Better Life, onde fez Carlos Galindo, um imigrante mexicano que trabalha nos Estados Unidos e que vive junto com seu filho adolescente. Bichir se converteu no segundo intérprete mexicano a conseguir uma indicação ao Óscar na categoria de Melhor Ator, depois das duas vezes de Anthony Quinn em 1952 e 1956.

Em 2013, Bichir conseguiu o papel de co-protagonista, ao lado de Diane Kruger, na serie norte americana The Bridge.

Quando perguntado sobre sua comida preferida, respondeu: "Un buen pozole con maíz reventado".

Participou do filme Alien: Covenant em 2017. E em 2018 fez parte do elenco do filme A Freira, onde interpretou o Padre Anthony Burke.

FilmografiaEditar

FilmesEditar

TelenovelasEditar

Séries de Televisão / TelefilmesEditar

TeatroEditar

  • 2012: Nadando con tiburones.

Prêmios e IndicaçõesEditar

Prêmio Categoria Recipiente Resultado
Oscar da Academia Melhor Ator A Better Life Indicado
Independent Spirit Award Melhor Ator Principal Indicado
SAG Award Melhor Ator (Principal) no Cinema Indicado
ALMA Award Ator Favorito no Cinema Indicado
Black Reel Award Melhor Ator Indicado

Referências

  1. EFE (24 de janeiro de 2012). «"Demian Bichir dedica indicação ao Oscar aos imigrantes ilegais"». Uol. Consultado em 26 de janeiro de 2012 
  2. EFE (24 de janeiro de 2012). «Demián Bichir, nominado al Oscar como mejor actor». El Universal (em espanhol). Consultado em 28 de janeiro de 2012 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.