Abrir menu principal

Dick Tracy Returns

filme de 1938 dirigido por William Witney
Dick Tracy Returns
Os Seis Demônios do Crime[1] (PRT)
A Volta de Dick Tracy[1] (BRA)
 Estados Unidos
1938 •  p&b •  15 capítulos/ 254 minutos[2] min 
Direção William Witney
John English[3]
Produção Robert M. Beche
Roteiro Franklin Adreon
Ronald Davidson
Barry Shipman
Sol Shor
Rex Taylor
Chester Gould (personagem)
Elenco Ralph Byrd
Lynne Roberts
Charles Middleton
Jerry Tucker
David Sharpe
Lee Ford
Gênero policial
Música Alberto Colombo (não-creditado)
Cinematografia William Nobles
Direção de arte John Victor Mackay (não-creditado)
Edição Edward Todd
Helen Turner
Companhia(s) produtora(s) Republic Pictures
Distribuição Republic Pictures
Lançamento Estados Unidos 20 de agosto de 1938[2]
Estados Unidos 17 de julho de 1948 (relançamento)[2]
Portugal 26 de julho de 1945
Filipinas 4 de fevereiro de 1952[1]
Idioma inglês
Cronologia
The Fighting Devil Dogs (1938)
Hawk of the Wilderness (1938)
Página no IMDb (em inglês)
Ralph Byrd, ator que interpretou Dick Tracy em vários seriados da Republic.
Charles Middleton, que interpreta o personagem Pa Stark, baseado no criminoso real Ma Barker.

Dick Tracy Returns é um seriado estadunidense de 1938, gênero policial, dirigido por William Witney e John English, em 15 capítulos, estrelado por Ralph Byrd, Lynne Roberts e Charles B. Middleton. O seriado foi produzido e distribuído pela Republic Pictures, veiculando nos cinemas estadunidenses a partir de 20 de agosto de 1938.

Foi o 11º dos 66 seriados produzidos pela Republic Pictures, e foi baseado no personagem Dick Tracy das histórias em quadrinhos, criado por Chester Gould. Apresenta-se como uma sequência do seriado Dick Tracy, seriado produzido pela Republic em 1937, com o mesmo ator, Ralph Byrd, personificando Tracy. Foi bem-sucedido o suficiente para que fossem produzidas mais duas seqüências em forma de seriado, em 1939, Dick Tracy's G-Men, e em 1941, Dick Tracy vs. Crime, Inc., e Byrd tornou-se tão ligado ao personagem que foi o ator de outros filmes subseqüentes sobre Tracy.

Este seriado narra os esforços de Tracy para capturar a gangue de Pa Stark (Charles B. Middleton). Pa Stark foi baseado no criminoso da vida real Ma Barker.[4]

ElencoEditar

ProduçãoEditar

Dick Tracy Returns foi orçado em $156,991, mas teve o custo final de $170,940. Foi o seriado mais caro da Republic em 1938, e o mais caro até The Lone Ranger Rides Again, em 1939.[2] Foi o segundo seriado mais caro dos 4 produzidos sobre Dick Tracy (o mais caro foi o último, Dick Tracy vs. Crime, Inc., que custou $175,919[2]).

Foi filmado entre 10 de junho de 18 de julho de 1938, sob o título provisório de Return of Dick Tracy,[2] e foi a produção nº 791.[2]

Como nos outros três seriados da Republic, Tracy é retratado como um agente do FBI da costa oeste dos Estados Unidos, ao invés do detetive de polícia local de uma grande cidade do centro-oeste dos quadrinhos originais.

Este seriado, como todas as seqüências do original de 1937 sobre Dick Tracy, foi autorizado por uma interpretação do contrato original, que permitiu uma “série ou seriado”. Portanto, Chester Gould não teve seus direitos pagos novamente para a sua produção.[5]

Este foi um dos dois seriados de 15 capítulos da Republic em 1938 (com The Lone Ranger). Os outros dois foram com 12 capítulos.

Efeitos especiaisEditar

Os efeitos especiais foram criados pelos Lydecker brothers.

DublêsEditar

  • Earle D. Bunn
  • Yakima Canutt
  • George DeNormand … Dick Tracy (dublando Ralph Byrd)
  • Duke Green
  • George Magrill
  • Eddie Parker
  • Allen Pomeroy
  • Loren Riebe
  • Ted Wells
  • Bud Wolfe

LançamentoEditar

CinemaEditar

O lançamento oficial de Dick Tracy Returns' é datado de 20 de agosto de 1938, apesar de essa ser a data de disponibilização do sétimo capítulo do seriado.[2]

O seriado foi relançado em 17 de julho de 1948, entre o relançamento de Dangers of the Canadian Mounted e Adventures of Frank and Jesse James.[2]

Recepção críticaEditar

Cline afirma que os seriados de Dick Tracy foram “insuperáveis no campo de ação”, acrescentando que “em qualquer lista de seriados lançados depois de 1930, os quatro seriados de Dick Tracy da Republic destacam-se como clássicos de suspense policial, e serviram de modelo para muitos outros a seguir”.[4]

CapítulosEditar

  1. The Sky Wreckers (29min 51s)
  2. The Runway of Death (16min 34s)
  3. Handcuffed to Doom (16min 20s)
  4. Four Seconds to Live (15min 39s)
  5. Death in the Air (16min 35s)
  6. Stolen Secrets (15min 23s)
  7. Tower of Death (14min 34s)
  8. Cargo of Destruction (16min 12s)
  9. The Clock of Doom (16min 4s)
  10. High Voltage (16min 15s)
  11. The Kidnapped Witness/ The Missing Witness (15min 45s)[6]
  12. The Runaway Torpedo (15min 33s)
  13. Passengers to Doom (16min 19s)
  14. In the Hands of the Enemy (16min 30s)
  15. G-Men's Drag-Net (16min 24s)

Fonte:[2][7]

Ver tambémEditar

Notas e referênciasEditar

  1. a b c A Volta de Dick Tracy no IMDB
  2. a b c d e f g h i j Mathis, Jack. Valley of the Cliffhangers Supplement. [S.l.]: Jack Mathis Advertising. pp. 3, 10, 32–33. ISBN 0-9632878-1-8 
  3. Library of Congress
  4. a b Cline, William C. «2. In Search of Ammunition». In the Nick of Time. [S.l.]: McFarland & Company, Inc. pp. 20–21. ISBN 0-7864-0471-X 
  5. Dick Tracy article at Images Journal, last checked 19/03/07
  6. "The Kidnapped Witness" é defendido como o título do 11º capítulo em In the Nick of Time, de William C. Cline, enquanto "The Missing Witness" é defendido como o título correto por Jack Mathis em Valley of the Cliffhangers Supplement. Em Library of Congress, o nome do capítulo é "The Kidnapped Witness".
  7. Cline, William C. «Filmography». In the Nick of Time. [S.l.]: McFarland & Company, Inc. p. 222. ISBN 0-7864-0471-X 

Ligações externasEditar