Abrir menu principal

Dimensão de uma variedade algébrica

Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde agosto de 2018). Ajude a melhorar este artigo inserindo fontes.

Em matemática, a dimensão de uma variedade algébrica V em geometria algébrica é definida, informalmente falando, como o número de funções racionais independentes que existem em V.

Por exemplo, uma curva algébrica tem por definição dimensão 1. Isto significa que dadas quaisquer duas funções racionais F e G, sobre elas deve-se satisfazer alguma relação polinomial

Isto implica que F e G estão delimitadas a terem valores relacionados (até alguma finita liberdade de escolha): eles não podem ser verdadeiramente independentes.

Definição formalEditar

Para uma variedade algébrica V sobre um campo K, a dimensão de V é o grau de transcendência sobre K da função campo K(V) de todas as funções racionais sobre V, com valores em K.

Para a função campo mesmo ser definida, V aqui deve ser um conjunto algébrico irreduzível; em cujo caso a função campo (para uma variedade afim) é só o corpo de frações do anel de coordenadas de V. Usando equações polinomiais, é fácil definir conjuntos que tem 'dimensão mista': uma união de um curva e um plano no espaço, por exemplo. Estes não são irreduzíveis.

ReferênciasEditar