Discussão:Jair Bolsonaro

Discussões ativas

EstudosEditar

Por que não se diz os seus estudos nesse artigo? Luanamarchioriseg (discussão) 20h14min de 5 de maio de 2020 (UTC)

@Luanamarchioriseg: Que estudos? Favor, elabore melhor seu questionamento. --Bageense(fala) 21h10min de 5 de maio de 2020 (UTC)

PrêmioEditar

Eu posso por nas condecorações o prêmio que debocha o Presidente, dado pela TV France 2 ? Paulo Cesar Freitas Pereira (discussão) 03h06min de 17 de junho de 2020 (UTC)

@Paulo Cesar Freitas Pereira: Já tentaram fazer isso antes, e não deu muito certo.[1] Pessoalmente sou contra a inserção desse prêmio porque não é de fato um prêmio, é mais uma brincadeira. --Bageense(fala) 04h05min de 17 de junho de 2020 (UTC)

Hahahahaha Deixa quieto então, qualquer coisa coloca no artigo de polêmicas dele. Grato ! Paulo Cesar Freitas Pereira (discussão) 04h09min de 17 de junho de 2020 (UTC)

@Paulo Cesar Freitas Pereira: Isso é possível sim. Mas peço que você inicie uma discussão lá. Esta página serve para a discussão sobre este artigo apenas. Saudações. --Bageense(fala) 04h22min de 17 de junho de 2020 (UTC)

Inclusão como sendo o segundo presidente teuto-brasileiro eleito de forma diretaEditar

Por questões de aprofundamento de informações e de conhecimento eu acho extremamente viável incluir no artigo o fato de Jair Bolsonaro ser o segundo presidente teuto-brasileiro eleito de forma direta, o primeiro foi Fernando Collor de Melo cujo é descendente da família alemã Koehler. Robben (discussão) 13h33min de 22 de junho de 2020 (UTC)

@Robben: Acho que em geral nós brasileiros somos tão misturados que não faz sentido importar essa mania norte-americana de hifenizar o nome das pessoas. --Bageense(fala) 18h50min de 22 de junho de 2020 (UTC)
A questão da miscigenação é muito controversa, não existe miscigenação entre caucasianos e caucasianos, assim é tratado nos Estados Unidos e deveria ser tratado no Brasil também, não existe o termo pardo, esse termo é uma invenção para denominar afro-brasileiros e caboclos, uma total desinformação. Robben (discussão) 02h01min de 23 de junho de 2020 (UTC)
Isso é importação indevida de coisa dos Estados Unidos. Nós chamamos as pessoas de pardas, não de "afro-brasileiras". Do mesmo modo, nós não classificamos as pessoas como teuto-brasileiras. Mencionar isso no artigo é totalmente irrelevante. --Bageense(fala) 18h57min de 3 de julho de 2020 (UTC)
Temos que admitir que o Brasil é um caso perdido mesmo, centro mundial da hipocrisia. Robben (discussão) 18h08min de 7 de julho de 2020 (UTC)
@Robben: Na verdade Bolsonaro é o terceiro teuto-brasileiro a ser Presidente da República, o primeiro foi Ernesto Geisel, em 1974.--Fernandokaiserbr (discussão) 15h47min de 3 de julho de 2020 (UTC)
Sim amigo, mas de forma direta ele é o segundo, abraços. Robben (discussão) 18h10min de 7 de julho de 2020 (UTC)

ControvérsiasEditar

Acho que devíamos acrescentar no tópico de "Controvérsias" o caso queiroz e envolvimento com milícias, ou num tópico a parte ou dentro do tópico acusações de corrupção.Obrigado pela atenção!Igor gustavo contin (discussão) 12h56min de 8 de julho de 2020 (UTC)


Porque adicionaram essa reportagem no meu texto,sendo que ela tem nada a ver ?https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2020/06/24/o-que-se-sabe-do-caso-queiroz.htm.Reportagem que tem coesão com que eu falei

Erro de citaçãoEditar

Existe algum erro de citação no artigo que faz com que fique com falha a exibição do bloco de referências. Existem 373 referências ou mais no artigo, mas no bloco de referências só aparecem 47 numeradas e outras somente marcadas. É necessário corrigir esse erro no código Wiki, mas o mesmo encontra-se protegido. @79a, Yanguas, Eric Duff e Ovelhamauro:, algum de vocês saberia consertar ou poderia pedir para alguém que conheça do assunto consertar essa falha? Att. Jorge Lucas D M 18h36min de 19 de julho de 2020 (UTC)

@Jorgelucas260: feito, acredito ter resolvido o problema --Bageense(fala) 19h25min de 19 de julho de 2020 (UTC)
@Jorgelucas260, Yanguas, Eric Duff e Ovelhamauro: Obrigada Bageense, sua edição parece ter resolvido o problema e não vi nenhum "efeito colateral"! -- Sete de Nove msg 11h54min de 20 de julho de 2020 (UTC)
@Jorgelucas260: Ainda bem que o Bageense resolveu, eu também não posso editar,não sou Autorrevisor, rsrsr. Obrigado por me "pingar" Ovelhamauro (diga) 21h44min de 20 de julho de 2020 (UTC)

Sobre o partido politico do presidenteEditar

No artigo Aliança pelo Brasil consta o seguinte; Citação: A Aliança pelo Brasil (ALIANÇA) é uma organização política brasileira que PRETENDE se transformar em partido político. Ou seja se ainda não é reconhecido como um partido um partido politico, todavia não seria viável o termo (sem partido)? --ℭ𝔞𝔯𝔩𝔬𝔰 𝔇𝔞𝔫𝔫𝔦𝔢𝔩𝔩 (discussão) 16h44min de 26 de agosto de 2020 (UTC)

@Carlos Danniell: Será que poderia apontar onde no texto consta que ele é do partido Aliança? Olhei na infobox e aparece "Sem partido". Obrigada, Isabelle 🔔 16h51min de 26 de agosto de 2020 (UTC)
@Isabelle Belato: Corretamente, na infobox consta sem partido. Neste caso o erro é da própria google que ao usar ao wiki como referência em pesquisa sobre Jair. M. Bolsonaro informa (a esquerda) o partido Aliança pelo Brasil, mas ao abrir o artigo encontra-se (sem partido), Agradeço por sua resposta. Boas contribuições --ℭ𝔞𝔯𝔩𝔬𝔰 𝔇𝔞𝔫𝔫𝔦𝔢𝔩𝔩 (discussão) 17h14min de 26 de agosto de 2020 (UTC)
Pode ser que o Google esteja usando uma versão em cache onde aparecia como do partido, ou está complementando com informações de outros locais. O melhor a se fazer, é utilizar a ferramenta de feedback deles e apontar o erro. Abraços, Isabelle 🔔 17h21min de 26 de agosto de 2020 (UTC)

Sugestão de alteraçãoEditar

O artigo menciona "No final de seu último ano de academia, integrou a Brigada de Infantaria Paraquedista, onde se especializou em paraquedismo." penso que o mais correto seria "Em 1977, em seu último ano da AMAN se voluntariou para participar do Curso Básico Paraquedista. Em função de um problema odontológico quase foi desclassificado da seleção. Conseguiu se submeter à uma obturação de emergêncial com ajuda financeira de alguns cadetes sendo assim matriculado no Centro de Instrução Paraquedista General Penha Brasil onde concluiu com sucesso.

Referencia

"1977, quando no quarto e último ano da Aman ele se matriculou no curso de formação de paraquedistas. O começo da empreitada teve reviravoltas que colocaram à prova a obstinação do então cadete Bolsonaro na juventude de seus 22 anos. Ele foi reprovado no exame médico e teve de agir para reverter o resultado. Um coronel dentista proibiu o seu ingreso na turma por causa de uma cárie no pré-molar. Inconformado, Bolsonaro pegou dinheiro emprestado com os colegas e no dia seguinte viajou até a cidade de Resende (RJ), onde se submeteu a uma obturação de emergência.


" Fonte <https://valor.globo.com/eu-e/noticia/2019/09/12/a-exemplo-de-bolsonaro-membros-do-primeiro-escalao-tambem-sao-paraquedistas.ghtml>


--Dentorno76 (discussão) 22h40min de 6 de setembro de 2020 (UTC)

Gostaria de que colocassem nas manifestações as de 1º de maio de 2021 - https://www.cnnbrasil.com.br/politica/2021/05/01/capitais-registram-manifestacoes-a-favor-de-bolsonaro-no-dia-do-trabalho
Porquê tem um link especial das manifestações do "movimento ele não"? Não faz sentido esse ódio todo. imagina se colocassem algo do tipo: Luladrão. Renancardenuto (discussão) 18h32min de 11 de maio de 2021 (UTC)

Título de "sua excelência".Editar

Meus(as) amigos(as), vocês não acham que seria suscetível essa pequena alteração no nome/título da infocaixa, adicionando "Sua Excelência", conforme está na versão em inglês do artigo?

Vi também que o artigo, Margareth Thatcher, em português, há o tratamento no título da infocaixa.

Obrigado pela atenção. Gabriel Von Tallechnunng 07h56min de 22 de setembro de 2020 (UTC)

Caro Gabriel Von Tallechnunng, conforme Predefinição:Info/Político é apenas o nome.--PauloMSimoes (discussão) 20h53min de 22 de setembro de 2020 (UTC)

Então por quê o artigo de Benito Mussolino está? Gabriel Von Tallechnunng 10h31min de 25 de setembro de 2020 (UTC)

@Gabriel Von Tallechnunng: Um erro não justifica outro. Removi.--PauloMSimoes (discussão) 07h43min de 12 de outubro de 2020 (UTC)

Sim. O Certo seria "O excelentíssimo 38⁰ Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro. Seilon dos Reis Alves (discussão) 23h17min de 27 de março de 2021 (UTC)

OABEditar

Prezados, senti falta de informações sobre a posição de Bolsonaro acerca do Exame da OAB. Bolsonaro é contra a prova, posição notória e antiga dele. Acredito que mereça uma menção no artigo. Todavia, não possuo o status de autorrevisor, e não posso editá-lo. Escrevi um pequeno texto que acredito que aborda a questão de forma objetiva. Peço encarecidamente que alguém insira o trecho abaixo no verbete - acredito que ficaria melhor posicionado em "Outros posicionamentos". Agradeço imensamente!

Jair Bolsonaro é contra o Exame da Ordem dos Advogados do Brasil, prova necessária para que bacharéis em Direito possam exercer a advocacia. Em 2007, quando era deputado federal, propôs o o Projeto de Lei nº 2.426/07, a fim de que fosse extinto o exame.[1] A proposta legislativa se encontra a espera de apreciação pelas comissões temáticas da Câmara dos Deputados.[2] No final de 2018, quando já eleito para a Presidência, Bolsonaro deu declaração afirmando que a obrigatoriedade do exame transforma bacharéis em "boys de luxo de escritório de advocacia".[3] A OAB emitiu nota na qual afirmou que a prova é "um importante meio para aferir a qualidade do ensino do Direito", e que é uma prática comum em diversos países.[1] Em 2020, Bolsonaro acusou o exame de ser "caça-níquel",[4] e que, se dependesse dele, "a carteirinha da OAB não seria exigida para advogar".[5]
  1. a b «Bolsonaro encabeça luta contra exame de Ordem há mais de 10 anos». Migalhas. 26 de novembro de 2018. Consultado em 20 de outubro de 2020 
  2. «PL 2426/2007». Câmara dos Deputados 
  3. Soares, Ingrid (25 de novembro de 2018). «OAB se pronuncia após críticas de Bolsonaro ao Exame da Ordem». Correio Braziliense. Consultado em 20 de outubro de 2020 
  4. «Bolsonaro diz ser contra exame da OAB para advogados: 'Caça-níquel'». UOL. 29 de maio de 2020. Consultado em 20 de outubro de 2020 
  5. «Bolsonaro critica mais uma vez carteira da OAB». Migalhas. 20 de outubro de 2020. Consultado em 20 de outubro de 2020 

Jurisdictio (discussão) 17h12min de 20 de outubro de 2020 (UTC)

@Jurisdictio: Como ninguém fez isso, pode incluir agora que é autorrevisor. BrunoG. 11-11 (DctribAElogsBMF) 23h54min de 17 de novembro de 2020 (UTC)
@Jurisdictio: Nossa, que barbaridade, ninguém está vigiando esta página de discussão? Enfim, como disse o Bruno, agora você mesmo pode editar a página e inserir o conteúdo. Eu ia fazer isso agora, mas decidi deixar isso para você, pois você é o autor. Sugiro que você crie uma seção nova para esse posicionamento, pois há conteúdo suficiente para justificar uma seção própria (sugiro que ela fique logo acima da "outros posicionamentos") --Bageense(fala) 02h08min de 18 de novembro de 2020 (UTC)
@BrunoG. 11-11:, @Bageense:, inseri o trecho. Como o Bageense sugeriu, criei uma nova seção, mas abordando o tema de uma forma mais abrangente - conselhos profissionais. Infelizmente não encontrei nenhuma declaração em específico do Bolsonaro contra os conselhos profissionais (ele gosta de bater só na OAB mesmo), mas acredito que o texto sobre a PEC 108/19 pode vir junto com o resto, por, digamos, "afinidade temática". Abraços! Jurisdictio (discussão) 19h51min de 18 de novembro de 2020 (UTC)

ReligiãoEditar

Discordo que Bolsonaro seja católico, como diz no artigo. O mesmo sempre disse que era cristão, no entanto, sempre esteve ao lado de pastores, como o Pastor Everaldo e o líder da Universal, Edir Macedo. Como diz em vários artigos, Bolsonaro seria evangélico.comentário não assinado de TokiyoBR (discussão • contrib) (data/hora não informada)

O certo seria considerá-lo como sendo católico não praticante Seilon dos Reis Alves (discussão) 23h14min de 27 de março de 2021 (UTC)

Jair Messias Bolsonaro não é católico! Não segue a conduta e a fé católica e não participa de nenhuma comunidade, muito menos respeita os sacramentos. Além de participar muito mais ativamente de Comunidades Protestantes evangélicas e se aliar a pessoas como Edir Macedo, e os líderes da Universal. Piltz81 (discussão) 01h09min de 2 de julho de 2021 (UTC)

Erro de dataEditar

Na seção 4.10 (Imprensa) foi dito que a ameaça ao jornalista do Grupo Globo ocorreu em 23 de agosto de 2019, sendo que ocorreu em 23 de agosto de 2020. Enzo Montoni Macêdo (discussão) 19h46min de 22 de outubro de 2020 (UTC)

@Enzo Montoni Macêdo:   Feito, corrigido --Bageense(fala) 02h01min de 18 de novembro de 2020 (UTC)

EC103/2019Editar

Alterou a Constituição Federal para incluir a Reforma da Previdência. É notório o artigo 149 parágrafos 1A e 1B dessa EC que permite aos Estados e Municípios a cobrança de aposentados e pensionistas que ganham acima de um salário mínimo até o teto em caso de declaração de déficit atuarial.comentário não assinado de Rivkah Alvares (discussão • contrib) 00h47min de 9 de novembro de 2020‎ (UTC)

Confronto com a Maria do RosárioEditar

A parte que Bolsonaro diz que não estupraria Maria do Rosário porque ela não mereceria, está meio parcial. É claro que foi uma frase muito infeliz, mas poderia explicar que o confronto se deu após Maria do Rosário ter dito que Champinha, o menor estuprador, era apenas uma criança para ser preso. Fato esse que tirou Bolsonaro dos trilhos.

Valderifs (discussão) 11h41min de 6 de dezembro de 2020 (UTC)

@Valderifs: O que a Maria do Rosário disse não foi um xingamento. --Bageense(fala) 17h33min de 6 de dezembro de 2020 (UTC)
@Valderifs e Bageense: tentei melhorar o contexto e substituí uma fonte inativa.--PauloMSimoes (discussão) 21h41min de 6 de dezembro de 2020 (UTC)

RevisãoEditar

Hoje, 22 de dezembro UTC, revisei uma frase absurdamente atribuída a Bolsonaro tirada totalmente do contexto da fonte, sobre vacina transformar pessoas em crocodilos. Acho necessário rever todo esse artigo quanto a esse tipo de problema. Há um ideologismo exacerbado aqui e isso prejudica o verbete. É necessário identificar quem faz esse tipo de edição.--PauloMSimoes (discussão) 01h38min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)

@PauloMSimoes: Ihhhh @André Koehne:, vai ter discussão. Eu falei, não falei? A frase era imprópria. Hehe. Mas que se inicie a discussão. Chamo também @Luizpuodzius e GhostP.: (PS: Eu discordo da inserção do conteúdo, como já deve ter ficado claro pelo fato de eu o ter revertido.)--Bageense(fala) 02h03min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
PauloMSimoes, o Bageense já havia me falado que existem dois outros artigos acerca das coisas que o governante brasileiro solta, uma delas envolvendo o período de governo (sorry por não trazer o link, só me lembro que tem "controvérsias" no título); o ideal será transferir esse conteúdo para lá, já que este aqui não vai comportar as coisas que, creio por estratégia política, ele vai soltando a fim de, justamente, criar controvérsias... O que não podemos é nós, wikipedistas da velha guarda, perdermos tanto tempo com essa criatura! he, he... Fica, então, a sugestão que pesquei do "criatura de Bagé"! he, he... Abraços, André Koehne (discussão) 02h12min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
Na minha opinião, a inserção sem o devido contexto foi tão grotesca que não pode ter sido involuntária. É necessário monitorar com mais detalhes quem faz essas inclusões com cunho ideológico, e todos sabem que é.--PauloMSimoes (discussão) 02h19min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
PauloMSimoes, por gentileza, nos explique melhor o que seria "inclusão com cunho ideológico" se o que se informou foi, justamente, uma declaração emitida pelo biografado? Há ideologia informar que o cidadão fez uma declaração que realmente fez? Estou confuso, agora... André Koehne (discussão) 11h45min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
PS: apenas relembrando um caso recente: foi "ideologia" informar as declarações estúpidas da Dilma Rousseff? "Estocar vento", chamar nativos de Roraima de "roraimados" e quejandas? Não vi os artigos, mas se você (ou qualquer outro editor) remover isso aqui, sugiro a revisão total de tudo que foi inserido alhures! (apenas lembrando: informação não tem ideologia). Abraço, André Koehne (discussão) 11h50min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
PS2:...já a remoção de informação, me perdoe dizer, isso sim parece ter "cunho ideológico"! André Koehne (discussão) 11h53min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)

Também acho que há uma "ideologia exacerbada" que prejudica o artigo. No caso, a favor do biografado, pois o conteúdo é absolutamente ausente em relatar suas ações como presidente da República. Os mortos na pandemia. Os ataques às instituições (a tentativa de fechar o STF...). Érico (disc.) 11h55min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)

Tenho vigiado essa página já faz algum tempo, e tem muita coisa de "cunho ideológico" nela, por que, se coloca alguma coisa, é ideologia de um lado, se tira, é ideologia do outro lado! Sds -- Sete de Nove msg 11h59min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
Essa Sete de Nove só sabe "vigiar", excluir e bloquear os outros sem dizer o porquê. Renancardenuto (discussão) 18h34min de 11 de maio de 2021 (UTC)

@André Koehne: quando edito não sou de um lado nem do outro. Gosto de imparcialidade nos artigos. Evidentemente todos aqui podem ter suas posições políticas, mas isso não pode ficar registrado em suas edições e devem ser imparciais e honestos nas edições. O editor que inseriu a frase "Em dezembro, Bolsonaro afirmou que a vacina COVID pode transformar pessoas em jacarés" nesta edição 60056814], a extraiu totalmente do contexto. Mesmo a quem tem um inglês básico (e sei que ele tem muito mais que o inglês básico), saberia ao ler as fontes, que Bolsonaro usou de uma figura de linguagem, exagerando no resultado para evidenciar a falta de responsabilidade das desenvolvedoras de vacinas com o resultado e as consequências, por serem pesquisas feitas sem o devido tempo para avaliações. Não precisa ser muito inteligente para entender isso. O editor (que deveria se manifestar aqui, pois foi chamado) demonstra em quase todas as suas edições, ter um viés ideológico de esquerda. Suas edições neste verbete em particular, visam única e exclusivamente atacar a biografia, por vezes com fatos não citados nas fontes, e peço que ele venha aqui desmentir cada uma das edições que listo a seguir. Aqui 53949775] coloca uns absurdos em uma seção "Prêmios e honrarias", com claro sarcasmo. Nesta 56197731] remove uma informação referenciada e adiciona uma informação "pela metade" omitindo os devidos esclarecimentos da fonte (porque o Adélio foi absolvido). Nesta 59917672] tenta inserir na seção "Condecorações" um prêmio que todos sabem ser de cunho humorístico, mais uma vez, com clara atitude de sarcasmo. Deve ter mais lá para trás, mas não vou gastar meu tempo nisso. Só peço que se vigie as edições deste editor para evitar a piora da qualidade deste verbete, pois em geral, pelo que constato aqui, sua preocupação é usar de "meias verdades" para deturpar o texto.--PauloMSimoes (discussão) 13h37min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)

Sim, Paulo, mas a questão é que, no geral, o artigo não pende para a parcialidade contrária ao biografado, mas a seu favor. Os casos que citou, que envolvem apenas um editor, devem, caso queira, ser discutidos em local próprio: DBs, pedidos de intervenção administrativa, etc. Érico (disc.) 13h41min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
@Érico: se discute aqui uma edição controversa, cujos argumentos que coloquei envolvem o seu autor. Por isso trouxe mais alguns exemplos. Minha intenção, além de justificar meus atos, questionados pelo Koehne, é alertar para que se fique mais vigilante quanto às edições problemáticas do editor em foco. Os problemas de parcialidade de ambos os lados devem ser resolvidos caso a caso por quem edita mais este verbete, com uma revisão minuciosa, verificando se os textos refletem o que está nas fontes e se elas são fiáveis.--PauloMSimoes (discussão) 13h53min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
Tem muita fonte que nem se sabe da onde tiraram, pelo que andei lendo. Acho que sacaneiam demais nessa página. Renancardenuto (discussão) 18h35min de 11 de maio de 2021 (UTC)
Concordo. Renancardenuto (discussão) 18h34min de 11 de maio de 2021 (UTC)

Discordo de todos. Os artigos não são campos de batalha. Não se deve ficar medindo para que lado a parcialidade está. Mas, como regra geral, as biografias devem ser mais favoráveis do que contrárias aos biografados. Senão a Wikipédia se torna um pelourinho.

Mas voltando ao foco da discussão: proponho mover esse e outros conteúdos para controvérsias envolvendo Jair Bolsonaro e/ou controvérsias envolvendo o governo Jair Bolsonaro, que são justamente artigos-depósito para picuinhas de menor importância como essa questão do crocodilo. Vale lembrar que este artigo ultrapassou há muito o limite de bytes. --Bageense(fala) 18h04min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)

"Mas, como regra geral, as biografias devem ser mais favoráveis do que contrárias aos biografados." O que?? Não devem ser nem favoráveis e nem contrárias. Devem retratar fatos, que envolvem críticas. E discordo de mover o conteúdo: a seção controvérsias daqui já é resumida, dado o histórico do sujeito. Suprimir o que está aqui para incluir em outro artigo é parcialidade. Érico (disc.) 19h28min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)

@Bageense: Não abri esta discussão para saber sobre o que deve ir para outros artigos ou não e discutir isso vai desvirtuar o propósito da discussão. Confesso que fiquei estarrecido com aquela frase colocada no artigo, tirada completamente do contexto. E me atento a alguns detalhes, por exemplo, ser referenciada por fontes em inglês, sendo que existem com certeza dezenas de fontes em português. Não escrevemos um texto para nós mesmos lermos e interpretarmos, mas para milhões de pessoas, que nem sempre sabem ler em inglês. Foi uma edição desonesta e tendenciosa, com a intenção de enganar o leitor. O que estou pleiteando não se trata de fazer do artigo "um campo de batalha". Estamos aqui discutindo a qualidade de um verbete muito relevante para a Wikipédia, e esse tipo de coisa não se pode deixar passar.--PauloMSimoes (discussão) 19h34min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)

PauloMSimoes, essa discussão ficou muito estranha. Em "Condecorações" não caberia informar o recebimento do prêmio IgNobel - mas essa é sim informação relevante. Mesmo sendo humorístico, consta das páginas de vários biografados, por quê neste caso não? E, por outro lado, uma seção de "condecorações" apenas? Ou seja, o título restringe ao que os políticos mais gostam de fazer: se condecorar! Ou seja, só pode caber ali algo encomiástico! Acredito que poderíamos, aqui, adotar um parâmetro "novo" (não é, já sugeri isso, anos atrás, durante período eleitoral) que seria a inserção de conteúdo somente depois de X dias de ocorrido. Nossas informações devem ser "atemporais", mesmo quando algo ocorra no "calor do momento", mas não somos um jornal, com a obrigação de atualização a cada momento ou cada factoide... Por exemplo: menção ao prêmio IgNobel! Isso ficará para a eternidade no currículo do cidadão, pode apostar! Jacaré, não... Pode ir para o artigo sugerido pelo Bageense, até porque isso já estava a ser debatido antes de vossa intervenção. Quando digo factoide para disfarçar a desgraça feita noutro lado, esta ref citada deixa bastante claro: o Brasil é o segundo maior assassino por Covid no mundo. E, justamente quando chega a possibilidade de uma alternativa de combate à doença, o mandatário "brinca" com a ignorância (própria? Alheia? dos Wikipedistas?) dizendo que se alguém tomar e crescer bigodes em mulher ou homem ficar com voz afeminada, não será de responsabilidade da desenvolvedora da vacina... Ou seja, Paulo, com toda licença poética que se possa ter, isso passou longe daquilo que você falou: Citação: Paulo escreveu: « usou de uma figura de linguagem, exagerando no resultado para evidenciar a falta de responsabilidade das desenvolvedoras de vacinas» - isso é você dourando a pílula, não? Tenho amigos que morreram com essa doença! Já chorei horrores aqui porque vi amigos perderem entes queridos... E você fala em "figura de linguagem"? Não creio estar lendo isso, realmente! O sujeito falou, sim, em jacaré. Falou em mulher com bigode. Falou que homem terá voz afeminada. Isto é fazer política, rasteira, contra a vacina! Um escândalo, partindo - repito - do governante do país que só não mata mais que os EUA. E estamos longe de ter a segunda população do planeta... Portanto, por mais que você queira vigiemos sei lá quem, estou ficando convencido de que você também não tem muito discernimento sobre o que está a se passar... Lamento dizer isso, mas só pode ser piada você dizer que o sujeito usou "figura de linguagem"! Não foi, não é e nunca será... E as referências estão lá... Enfim, só fui ler essas "notícias" agora, e estou realmente abismado com a falta de sensibilidade do governante com essa pilhéria... Mas também estou abismado com essa tentativa estranha (para não dizer algo pior) de "justificar" o que ele disse! Me perdoe, mas você não pode estar falando sério... André Koehne (discussão) 20h49min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)

@André Koehne: Não se discute a falta de sensibilidade do Bolsonaro, mas sim o contexto da frase. Eu coloquei as citações fieis que estão nas fontes em inglês. Lendo as citações, procure analisar o que escrevi sobre "tirar uma frase do contexto". Escrever "Bolsonaro afirmou que a vacina transforma as pessoas em jacarés" é muito diferente de escrever "Bolsonaro afirmou que se a vacina da Pfizer transformar as pessoas em jacarés, a empresa não poderá ser responsabilizada". E foi isso que ele quis transmitir no discurso, pelo fato de que a farmacêutica colocou como cláusula no contrato de venda que não se responsabilizaria pelos efeitos colaterais. O problema dele é não saber se expressar de forma politicamente correta, e não se pode usar isso para enganar o leitor. Se o editor consegue te enganar, desculpe a franqueza, mas isso é com você (o pior cego é aquele que...) Não vou mais ficar aqui me repetindo. Creio que estou me fazendo entender. Quanto ao prêmio no IgNobel, é um evento anual de caráter humorístico. Não se atribui isso como uma "condecoração" séria, para que seja incluída na seção. Esse prêmio já é citado no texto, na seção sobre a postura diante da pandemia. Você está defendendo as edições controversas, mas eu não concordo com elas, por mais retórica que coloque aqui. --PauloMSimoes (discussão) 21h13min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
PauloMSimoes, estive analisando apenas a edição que, repetindo, deve sim ser retirada deste artigo para figurar em outro (que bom o IgNóbil esteja lá, ele é relevante sim). Mas já que você não quer seja retirada a edição, vamos analisar o caso: ela poderia ser removida não por nenhum dos motivos que indicou, mas é praticamente VDA do título da primeira referência por ele usada (ou seja, a tradução dele). Mas isso seria o oposto de "enganar o leitor", não? Creio portanto não seja disso que se trata: ele (o editor), como quem fez o título do NY Post, quis dar o "tom" como "controvérsia" (eufemismo! Os títulos das seções parecem hilários de tão "cor-de-rosa" me parecem! he, he...) e usou de "figura de linguagem" para tal... Não... Vê como o argumento soa falso quando usado "do outro lado"? (eu vejo!) E o que você chama de "não saber se expressar de forma politicamente correta" - de novo, me perdoe - é mentira. Sabe como sei? Porque já temos estudos sobre isso... Quer um link? Aqui está. É estratégia política. E tem nome: Escola perenialista. Portanto, vamos devagar com o andor aqui, pois a cada postagem sua sentimos que usa bons motivos para "dourar a pílula" - e saindo mesmo da imparcialidade que o caso requer... André Koehne (discussão) 21h38min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
@André Koehne: tudo o que penso já escrevi com todos os detalhes e não vou ficar mais me repetindo. Desculpe.--PauloMSimoes (discussão) 21h45min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
Sem problemas, PauloMSimoes... O que já escreveu mostrou-nos que você não tem, infelizmente, imparcialidade suficiente para esse tema em particular... Sorry. André Koehne (discussão) 22h17min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
Make simple, @André Koehne: Se está tão convicto, vá lá no artigo e desfaça minhas últimas edições.--PauloMSimoes (discussão) 22h35min de 22 de dezembro de 2020 (UTC)
PauloMSimoes, a intenção de se debater algo não é essa. A solução foi apresentada, bastante simples: mover o conteúdo para outro artigo. Você argumentou que precisa de acréscimos, acho justo. Fiz duas reversões já por aqui - e sei bem o que dizem nossas regras a respeito: então, declino o "convite" de incorrer na terceira reversão... Mas vou sugerir ao "outro editor" que mova o conteúdo para as Controvérsias do governo. Lá o conteúdo, sem eufemismos, estará melhor albergado. Deixemos esse aqui para expressões como "Condecorações", "não saber se expressar politicamente correto" (tenho quase certeza de já haver lido isso em alguma peça de propaganda!) e vou deixar aqui esse registro para - se não a sua consciência - ao menos para a minha, de que fiz o que pude para compreender o que está se passando no artigo, hoje. E "imparcialidade" não me parece ser o que está a ocorrer. André Koehne (discussão) 00h01min de 23 de dezembro de 2020 (UTC)
Na minha opinao, alguem deveria falar para o Bolsonaro parar de falar merda. Ele criou essa nossa "controvérsia" e as "controvérsias" nos meios de comunicacao. Enquanto houve o titulo "controvérsias" e ponho "controvérsias" la. Quero ver voces terem coragem de remover os besterois de todos os outros presidentes e politicos "controvérsos". O Andre esta certo. Dr. LooFale comigo 00h55min de 23 de dezembro de 2020 (UTC)
@Luizpuodzius:Bem pontuado: "na sua opinião". Só que estamos editando uma enciclopédia, e devemos fazer isso com responsabilidade, esquecendo as nossas convicções. Que fique bem claro que não estou me posicionando de qualquer lado. Prova disso é que o texto sobre o IgNobel fui eu que coloquei, por achar relevante (não para colocar em "Condecorações", obviamente, como quis fazer). Figuras notórias polêmicas tem um monte, em qualquer área. Isso não é exclusividade do Bolsonaro. Claro que você pode colocar o que achar relevante na seção "Controvérsias". O que não pode é distorcer os fatos da forma grosseira como fez.--PauloMSimoes (discussão) 01h25min de 23 de dezembro de 2020 (UTC)
A afirmacao: " distorcer os fatos da forma grosseira como fez." e' falsa. Mostra onde fiz isso, por favor? Dr. LooFale comigo 17h23min de 30 de dezembro de 2020 (UTC)

Bom, vou fazer um balanço do que li e entendi até o momento. O Paulo argumenta, e tenta dizer algo claro, embora não ache a forma mais apropriada de se expressar. O André pega o que o Paulo diz ao pé da letra e rebate a afirmação literal, sem buscar captar o espírito do que se estava tentando dizer. Nessa porfia, estou do lado do Paulo.

André, você disse na minha PDU que um grande número de fontes é bom, mas engraçado você não as ter sequer olhado. De fato, o Luiz distorceu o que o Bolsonaro realmente disse, e o grande número de fontes parece que tinha o propósito de deixar clara a veracidade da afirmação com a intenção de que ninguém fosse questioná-la. Como o Paulo disse, este verbete é importante e aqui não há espaço para essas inserções de conteúdos sarcásticas, como essa do crocodilo e a do prêmio IgNobel como condecoração. --Bageense(fala) 05h15min de 23 de dezembro de 2020 (UTC)

A afirmacao: "o Luiz distorceu o que o Bolsonaro realmente disse" e' falsa. Onde foi que eu fiz isso? Da para apontar esse canto escuro? Dr. LooFale comigo 17h25min de 30 de dezembro de 2020 (UTC)
@Luizpuodzius: O Paulo apontou, não eu. --Bageense(fala) 17h40min de 30 de dezembro de 2020 (UTC)
Concordo. Mas voce disse: "De fato, o Luiz distorceu o que o Bolsonaro realmente disse, e o grande número de fontes parece que tinha o propósito de deixar clara a veracidade da afirmação com a intenção de que ninguém fosse questioná-la." O Paulo disse e voce notou que "de fato", eu escrivi o fato distorcido "com a intenção de que ninguém fosse questioná-lo". A pergunta ainda pede resposta ou um pedido de desculpa. Aponte onde eu fiz o que voce, de fato, concorda com o Paulo. Dr. LooFale comigo 18h01min de 30 de dezembro de 2020 (UTC)


@Luizpuodzius: com tanto a fazer, fico p_uto em ter que dar explicações a quem finge não entender, mas vamos lá... Eu assumo e reitero tudo o que escrevi. Nesta edição 60056814] o senhor escreveu Citação: Em dezembro, Bolsonaro afirmou que a vacina COVID pode transformar pessoas em jacarés ou mulheres barbadas. Isso dá a entender a qualquer leitor mais incauto, que ele afirmou literalmente que a vacina poderia transformar um humano em um bicho. Se tivesse agido com honestidade e fidelidade às fontes, teria complementado a informação, a colocando dentro do devido contexto. Há uma enorme diferença no sentido de "afirmou que a vacina COVID pode transformar pessoas em jacarés" e a interpretação da fonte à sua declaração, que foi "...[a vacina] poderia transformar alguém em um jacaré e eles [a Pfizer] não seriam responsáveis." O senhor sabe muito bem que a frase foi dita porque a farmacêutica inclui entre as clásulas do contrato de fornecimento, que não se responsabiliza por danos colaterais, e foi a isso que o Bozo se referiu (e ele está certo nisso, entre tantas bobagens que fala). O senhor simplesmente omitiu o contexto em que foi feita a declaração, com claro intuito de enganar o leitor, pois sabe que uma enorme parcela dos leitores sequer consulta as fontes e se consulta, não sabe ler inglês. Propositalmente colocou só fontes em inglês para dificultar a verificação. O discurso foi feito na Bahia e com certeza não seria difícil encontrar muitas fontes no nosso idioma. Como são enviesadas suas edições não só neste verbete (edições que já listei acima), mas também em outros cujos temas estão ligados a ideologias de direita política, recomendo que suas edições sejam acompanhadas mais minuciosamente pelos colegas.--PauloMSimoes (discussão) 18h17min de 30 de dezembro de 2020 (UTC)

  • @PauloMSimoes: É ridículo ficar "p_uto em ter que dar explicações", quando acusa um editor de "distorcer os fatos da forma grosseira", e especialmente quando diz: "assumo e reitero tudo o que escrevi". Sim eu escrevi "Citação: Em dezembro, Bolsonaro afirmou que a vacina COVID pode transformar pessoas em jacarés ou mulheres barbadas." Eu reescrevi - traduzindo literalmente o título do artigo "Brazilian President Bolsonaro claims COVID vaccine could turn people into alligators" escrito por Paula Froelish New York Post. Se voce tem que ficar p utinho, fique p uto com quem escreveu o artigo, não com o editor que traduziu a notícia. Fique p utinho tambem com a jornalista Aila Slisco que escreveu: "Brazilian President Jair Bolsonaro has reportedly warned that the new Pfizer/BioNTech coronavirus vaccine could turn people into "crocodiles" " na Newsweek. Qualquer idiota que souber ler ingles sabera que nada foi distorcido. O ato de desvirtuar o significado do que foi escrito em inglês não aconteceu. Bem como não alterarei a forma e posição normal de as palavras tradizidas (com exceção de crocodilo por jacaré). Prova que eu distorci o que o Bolsonaro realmente disse ou peça perdão por levatar calunia.
  • Sobre a afirmacao: "O senhor simplesmente omitiu o contexto em que foi feita a declaração", eu lhe pergunto: Quem decidiu que devo escrever todos os detalhes escritos nas fontes? Por que você não adiciona algo que te deixaria feliz no artigo? Por que eu tenho que adivinhar o que você quer que seja incluido? Ninguém te proíbe de editar o artigo. Eu te não mandei escrever as omissões que você decidiu não incluir em sua edição. Eu poderia apontar nos artigos da antiga Roma os fatos que você omitiu que eu acho que ser importante e faltou em suas edições. É ridículo querer que eu adivinhe e escreva o que sua senhoria deseja que seja escrito no artigo. Pare de ser preguiçoso e acrescente o que você acredita estar faltando. Você é muito cara de pau. Vai, coloca o foi omitido e pare de fazer falsas acusações. Muito cara-de-pauzismos querer que eu escreva o que voce gosta.
  • Sobre "uma enorme parcela dos leitores sequer consulta as fontes". Isso não é problema meu. Va educar o leitor! Vai arrumar fontes de portugues. Ti-vira, meu!
Sobre "O discurso foi feito na Bahia e com certeza não seria difícil encontrar muitas fontes no nosso idioma." Você deve parar de presumir. Não moro no Brasil nem em Portugal. Meu teclado não tem acentos de teclado, agudos ou circunflexo. Minha pesquisa no google sempre me direciona para sites que falam inglês. Se for fácil de encontrar fontes no nosso idioma, pare de ser preguiçoso. Vai buscar! Coloque lá! Pare de me encher o ssaco porque você não quer fazer o trabalho. Eu fiz minha parte. Se o meu trabalho não foi feito do jeito que você ama, GO FIX IT! não diga para fazer o trabalho que voce rejeita fazer. Dr. LooFale comigo 00h04min de 4 de janeiro de 2021 (UTC)

@Luizpuodzius: pouco me importa em que país você mora. Nossa Wikipédia é a portuguesa. Quanto à sua edição tendenciosa, que "pinçou" o título da fonte, sem se preocupar com o contexto, continuo com a mesma opinião. E não vou entrar neste embate, que já vai para a seara pessoal, no limiar das ofensas. Não é o propósito desta página.--PauloMSimoes (discussão) 01h48min de 4 de janeiro de 2021 (UTC)

@PauloMSimoes:. Tendência, inclinação, predisposição, ou idéia preconcebida aparece em todo lugar na Wikipedia. Os defensores do Trump também tentam nos dizer que ele nunca quis dizer "x" o que ele realmente queria dizer, quando ele disse "x", era "y". Os tradutores das autoridades fascistas e racistas adoram fazer isso: traduzir e interpretar o que foi dito. Eu copie e colei o que a fonte publicou e você estava (e ainda está) livre para olhar a fonte e adicionar qualquer coisa que você pensou que estava faltando. NADA FOI ADULTERADO, por isso, a minha edição não foi tendenciosa. Não distorcer os fatos da forma grosseira e sobre sua teimosia de continuar "...com a mesma opinião" como em suas palavras foi dito: Bem pontuado: "na sua opinião", mas ainda, as regras da Wiki não lhe dê permissão para caluniar outro editor porque não deseja inserir as informações que você acredita estarem faltando. Esperando um pedido de desculpas. Dr. LooFale comigo 04h15min de 11 de janeiro de 2021 (UTC)

O artigo é parcialEditar

O artigo é parcial pela ausência de conteúdo sobre seu governo. Não há nenhuma menção à decisão abortada de enviar tropas para promover um golpe de Estado e fechar o STF, ou mesmo detalhamento sobre sua resposta à pandemia, considerada uma das piores do mundo, ou até sobre as intermináveis nomeações de militares sem competência. A título de exemplo, o artigo de Donald Trump aborda detalhadamente sua resposta à pandemia (en:Donald Trump#COVID-19_pandemic). Ao invés dessas informações indispensáveis, há excesso de citações sobre suas intermináveis polêmicas, que poderiam ser reduzidas e substituídas àquilo que mais importa, isto é, suas políticas públicas, ou ausência delas. Érico (disc.) 02h23min de 20 de janeiro de 2021 (UTC)

E nada sobre as polêmicas diplomáticas... Érico (disc.) 02h30min de 20 de janeiro de 2021 (UTC)
Aí, que susto! Pensei que ia dizer que o artigo é parcial por ter muita polêmica. Eu estou ciente dos outros escândalos do presidente, mas evito colocar logo, pq o risco de alguém vir cobrar BPV é alto. Então, espero elas se desenvolverem. O problema é que passam meses e eu tenho que lembrar depois de pesquisar, o que nem sempre acontece...Theys Y☺rk (discussão) 02h43min de 20 de janeiro de 2021 (UTC)
O artigo não é parcial; é grande. Não tem que ter nada sobre o governo além de um resumo do resumo da sinopse do resumo. Para o governo temos Governo Jair Bolsonaro e Controvérsias envolvendo o governo Jair Bolsonaro. Ontem mesmo estive com os dedos coçando para dividir, mas não quis meter a mão nas sagradas controvérsias. ("Aí, que susto! Pensei que ia dizer que o artigo é parcial por ter muita polêmica." Isso mostra bem o medo de que mexam lá) --Bageense(fala) 05h41min de 20 de janeiro de 2021 (UTC)
Mas isso (o artigo ser grande) não é justificativa para deixar de foras os pontos que o Érico, ainda que seja o resumo do resumo.Theys Y☺rk (discussão) 20h03min de 20 de janeiro de 2021 (UTC)
Mas mesmo que o conteúdo seja sintetizado ao máximo, ainda não caberia tudo. Para isso é que foi criado um artigo próprio para as "caneladas": Controvérsias envolvendo Jair Bolsonaro. Mas do jeito que está o artigo não pode ficar. --Bageense(fala) 21h19min de 21 de janeiro de 2021 (UTC)
Remover totalmente, não. É necessário sintetizar as principais polêmicas anteriores à presidência e manter maiores explicações no artigo já existente. Outros trechos poderiam ser inseridos na seção sobre seu governo, como por exemplo o que fala do prêmio de pessoa do ano pela Organized Crime and Corruption Reporting Project. Érico (disc.) 22h01min de 21 de janeiro de 2021 (UTC)

@Érico: Na minha humilde opinião, você deveria remover a marcação. Como o artigo é majoritariamente contra o Bolsonaro, mesmo nas seções que não a Controvérsias, quem vê a marcação vai pensar que está parcial contra ele, e não a favor. Ou seja, vão pensar: a Wikipédia deveria ser mais de direita para ser mais neutra. Isso prejudica a imagem do projeto, creio eu. E segundo, eu não sei o que você quer com essa marcação, que parece mais ser motivo para protesto do que uma necessidade de manutenção real no verbete. --Bageense(fala) 06h57min de 26 de janeiro de 2021 (UTC)

"artigo é majoritariamente contra o Bolsonaro". Não é verdade. O artigo aborda as controvérsias dele e, se são negativas, não é por nossa culpa. E não vou remover a marcação, pois o artigo é escancaradamente parcial. E, sim, Bageense, estou aqui há 11 anos e tenho a necessidade de fazer "protestos" usando tags nos artigos. Por favor, sejamos sérios. Érico (disc.) 11h11min de 26 de janeiro de 2021 (UTC)

concordo com oque foi dito por Érico, o artigo não é parcial contra o presidente, já que está apenas abordando suas controvérsias, mas concordo com Érico que falta muitas controvérsias e que sim, deveria realmente ser diminuído a quantidade de citações sobre suas intermináveis polemicas por ser considerado um dos piores presidentes do brasil por muitas pessoas, além disso falta oque o Érico disse sobre a abordagem do uso militar para um golpe e as polemicas diplomáticas, as polêmicas sobre sua administração durante a pandemia e suas nomeações de militares para cargos. ItsYaBoiJosh (discussão) 16h35min de 1 de fevereiro de 2021 (UTC)

@Érico, Theys York, Bageense, ItsYaBoiJosh e Luizpuodzius: Olá. Fiz uma revisão geral no artigo. Adicionei os principais temas relacionados ao seu governo (pandemia, meio ambiente, tentativa de golpe e de invasão do STF, etc) e movi boa parte do conteúdo sobre as polêmicas do biografado para o verbete Controvérsias envolvendo Jair Bolsonaro (que também foi reformulado). Com isso solicito a remoção da tag {{parcial}} do topo da página. Cumprimentos. Chronus (discussão) 23h50min de 28 de fevereiro de 2021 (UTC)

@Chronus: Gostei muito de sua reformulação; meus cumprimentos! O artigo está muito mais tragável agora, e todo o conteúdo tem sua razão de ser. Não há mais aquela enxurrada de controvérsias isoladas, que terminam em si mesmas. Era isso que eu pretendia fazer antes quando disse abaixo que "em breve este artigo será reformulado praticamente por completo" (o que foi um blefe, mas que exprimia meu desejo).
Quanto à marcação de parcial: sou totalmente contra ela. Tecnicamente os problemas apontados pelo Érico continuam: não há menção à tentativa de invadir o STF, por exemplo. Portanto, a marcação deveria continuar lá. Mas não somos obrigados a manter a maração porque alguém quer. Se a maioria for contra, vamos remover. Como disse, eu sou contra. --Bageense(fala) 01h12min de 1 de março de 2021 (UTC)
@Bageense: Obrigado. Mas a tentativa de invadir o STF está lá sim! Leia o artigo! Chronus (discussão) 03h27min de 1 de março de 2021 (UTC)
Eu havia dado um Ctrl + F e pesquisado apenas "STF", por isso não encontrei. Enfim, removi a marcação. Eu já tinha objeções a ela (cf. discussão acima), e agora que os problemas estão sanados, ela não tem mais razão de ser. Sdç, e boas edições. --Bageense(fala) 18h25min de 1 de março de 2021 (UTC)

Para mim está bom. Saudações.Theys Y☺rk (discussão) 09h35min de 1 de março de 2021 (UTC)

As modificações realizadas por Chronus vão de encontro com o que também imaginava ser necessário para sanar os problemas indicados. Quanto ao comentário acima, de que "se a maioria for contra, vamos remover", esbarra no fato que os conflitos editores são resolvidos por consenso. Logo, o bom argumento supera o fato de se estar na minoria, o que não era o caso nesta discussão. Érico (disc.) 20h55min de 1 de março de 2021 (UTC)

adição sobre o leite condensado e o novo ataque a imprensaEditar

recentemente, vossa exelencia foi acusado por causa da grande quantidade de compras de chiclete, leite condensado e desodorante, e após ser questionado sobre isso, ofendeu jornalistas dizendo que "e pra enfiar no (aquele lugar)" e diversos outros xingamentos, e após disso voltou a atacar a imprensa com mais xingamentos direcionados à jornalistas. ItsYaBoiJosh (discussão) 16h39min de 1 de fevereiro de 2021 (UTC)

@ItsYaBoiJosh: Essas controvérsias estão aniquilando a seriedade deste projeto. Se colocarem o leite condensado no artigo vai ser o fim da picada.
Um dos maiores problemas da Wikipédia é ela ser boa em registrar acontecimentos, mas ruim em interpretá-los, em explicar o que eles significam. Neste momento, o artigo joga um monte de informações que não somam, não agregam nada. Todas as controvérsias deveriam ser removidas e em seu lugar colocada uma explicação sobre as bobagens do nosso presidente. Só ficar entulhando o artigo de coisas não adianta. --Bageense(fala) 06h29min de 2 de fevereiro de 2021 (UTC)
Não, não estão. Quem cria as controvérsias é o biografado, não a Wikipédia. Nosso dever é reproduzir aquelas que ganharam relevância. O que você propõe é, "bem, como é um moço muito controverso, vamos eliminar algumas", o que é um absurdo. Érico (disc.) 12h14min de 2 de fevereiro de 2021 (UTC)
Tudo errado. O nosso dever é escrever um verbete sobre um assunto ou uma pessoa, e não fazer um registro de tudo o que acontece. Uma controvérsia deve ficar apenas se ela gerar consequências significativas, como o impedimento do presidente. Agora, a maioria do que está lá são coisas que terminam em si mesmas. Em breve este artigo será reformulado praticamente por completo. --Bageense(fala) 19h16min de 2 de fevereiro de 2021 (UTC)
"Tudo errado". E no fim concordou com tudo que eu disse hahaha Não é legal discordar só porque sim. Enfim, mais seriedade. Érico (disc.) 14h47min de 3 de fevereiro de 2021 (UTC)
@Érico: Como concordei? Você colocou uma marcação de parcial porque o artigo não tinha controvérsias o suficiente, é contra a radical redução do tamanho do artigo... --Bageense(fala) 18h28min de 3 de fevereiro de 2021 (UTC)
Controvérsias, não. Políticas públicas: tentativa de golpe, 225 mil mortos, política externa, desmatamento, nomeações de militares, etc. Érico (disc.) 18h30min de 3 de fevereiro de 2021 (UTC)
@Bageense: Citação: Bageense escreveu: «Em breve este artigo será reformulado praticamente por completo.» Por você? Chronus (discussão) 19h18min de 2 de fevereiro de 2021 (UTC)
«nosso dever é escrever um verbete sobre um assunto ou uma pessoa»
E nesse caso, as polêmicas não dizem nada sobre a pessoa? A consequência de uma ação não deve ser critério para decidir se algo deve ou não entrar no artigo.-BrunoG. 11-11 (DctribElogsB) 19h55min de 2 de fevereiro de 2021 (UTC)
Acuma? "polêmicas não dizem nada sobre a pessoa?" Presidentes que criam polêmicas criam o assunto sobre essa pessoa. Aqueles que vivem traduzindo o que realmente o presidende queria realmente dizer quando disse puta que o pariu para sanitizar e respeitar os olhos do leitor , em verdade, resrespeitam a verdade sobre a personalidade da pessoa biografada. Para resolver esse problema, os editores deveriam implorar para o senhor presidente do Brasil tentar ter uma atitude presidencial ou calar a boca. Dr. LooFale comigo 21h18min de 2 de fevereiro de 2021 (UTC)

Eu ia adicionar o caso do leite condensado pois um deputado falou que a abrir uma cpi para investigar. Mas um membro do governo falou que os dados do Portal da Transparência forem divulgad9s de forma equivocada. Então, deixei para lá. Ps: não lembro mais dos nomes dos links, mais acho que vou colocá-las aqui na seção discussão, pois é fácil se perder nessas "linhas de notícias" que o governo constrói.Theys Y☺rk (discussão) 19h35min de 2 de fevereiro de 2021 (UTC)

Faltando importante hiperligaçãoEditar

Bom dia, percebo que falta nesse artigo alguma hiperligação com aquela função ver o artigo principal remetendo à página do Governo Bolsonaro. Eu colocaria, mas por algum motivo não estou conseguindo editar esse artigo. Obrigado. Att., Przelijpdahl (discussão) 18h13min de 18 de março de 2021 (UTC)

Na subseção Presidência da República (2019–presente) há a hiperligação referida.-Elvedi (D ctrib) 18h47min de 18 de março de 2021 (UTC)

Foto oficial.Editar

Sugiro alterar a foto do Presidente pata a sua foto oficial. Seilon dos Reis Alves (discussão) 23h37min de 27 de março de 2021 (UTC)

@Seilon dos Reis Alves: Veja a nota 1, que diz "A fotografia oficial não pode ser utilizada neste artigo, pois a Presidência da República não permite seu uso sob os termos da licença Creative Commons adotada pela Wikipédia". Lechatjaune msg 23h45min de 27 de março de 2021 (UTC)
@Seilon dos Reis Alves: Mas nem uma nota no artigo explicando o porquê da ausência da foto oficial adianta? As pessoas vão continuar a perguntar isso desde quando? Esse assunto não vai morrer nunca? Se querem a foto oficial, vão reclamar na página oficial do Palácio de Planalto, que mudou o licenciamento das imagens. Chronus (discussão) 23h52min de 27 de março de 2021 (UTC)

Erro de legenda de imagemEditar

Na legenda da primeira imagem do tópico "Vida Pessoal", se diz que Bolsonaro está ao lado de seus filhos, o "senador Eduardo" e o "deputado federal Flávio". No entanto, Flávio é senador e Eduardo é deputado federal. Felipe Franceschet (discussão) 18h10min de 30 de março de 2021 (UTC)

@Felipe Franceschet: Problema resolvido por outro editor. Foi o Chronus que colocou a legenda e a imagem... uma imagem que eu pessoalmente acho inútil, pois na vida pessoal faz mais sentido mostrar as crianças quando pequenas, não adultas. Enfim, good catch. --Bageense(fala) 18h26min de 30 de março de 2021 (UTC)

CPI da PandemiaEditar

Olá amigos wikipedistas, não tenho permissão para editar a pagina sobre Bolsonaro, mas está faltando uma informação recente, na parte onde fala sobre as ações de bolsonaro envolvendo a pandeima de COVID-19, falta o novo capítulo onde o Senado instaurou no mês de abril uma CPI para investigar o governo federal e o presidente por crimes contra a saude publica! Algum amigo poderia adicionar mais este capitulo da história? Irei enviar sites que podem conter informações para facilitar as edições [1][2][3]


Otávio Astor Vaz Costa (discussão) 00h08min de 16 de abril de 2021 (UTC)

@Otávio Astor Vaz Costa: De fato. Mas acontece que falta muita coisa, e o artigo vai inevitavelmente ficar gigante se colocarmos tudo. De todo modo, informo-o da existência do artigo CPI da COVID-19. Talvez você queira editar lá e, quem sabe, inserir essas fontes. --Bageense(fala) 05h56min de 16 de abril de 2021 (UTC)
  Feito! Chronus (discussão) 04h48min de 18 de maio de 2021 (UTC)

Referências

Remoção de alguns fatos baseados em noticiasEditar

Proponho a remoção ou edição parcial de fatos apresentados por reportagens da Folha de S. Paulo, Estadão, e suas correlatas além do grupo Globo. Essa proposição dá-se considerando que a Wikipédia é voltada a ser uma Enciclopédia, baseada em informações sérias, e matérias de veículos de imprensa notórios por serem contra o Governo atual não contribui para a seriedade da página. Sugiro que as afirmações sejam substituídas por citações que deixem mais claro a origem da informação, associando a informação à fonte em vez de dar a entender que a mesma é verdadeira ou confiável. Fernando.darci (discussão) 17h05min de 27 de maio de 2021 (UTC)

Falso. Os veículos que citou são reputados, sendo amplamente reconhecidos como os maiores jornais do Brasil. Ocorre que tais jornais divulgam fatos que não agradam o governo, assim como seus apoiadores, o que contudo não vai mudar a forma como a Wikipédia encara essas informações. Érico (disc.) 17h13min de 27 de maio de 2021 (UTC)
@Fernando.darci:   Discordo absolutamente dessa proposta absurda. Todos os jornais citados são fontes fiáveis e independentes, além de serem símbolos históricos da imprensa brasileira. O fato de estarem estarem divulgando fatos sobre o governo apenas evidencia que tais veículos de comunicação estão fazendo o seu trabalho. Chronus (discussão) 06h51min de 31 de maio de 2021 (UTC)
Absolutamente contra; o que vem sendo visto ultimamente em várias páginas são tentativas vagas dos adeptos do governo, que visam desvirtuar reputadas fontes de notícias simplesmente por publicarem informações contrárias ao gosto do governo, resultando na coarctação de fontes. Edmond Dantès d'un message? 00h52min de 3 de junho de 2021 (UTC)
  Discordo As fontes citadas estão de acordo com WP:FC e WP:FI. A menos que tenham fontes acadêmicas disponíveis para substituir ou que contradigam a informação contida, estas fontes presentes devem permanecer. Fernando.darci, apenas por curiosidade, quais seriam as fontes consideradas reputadas em sua opninião? Tithoniadiversifolia (discussão) 01h17min de 3 de junho de 2021 (UTC)

Pesquisa inédita em Jair BolsonaroEditar

O texto seguinte foi movido de: Usuário Discussão:Chronus#Pesquisa inédita em Jair Bolsonaro

Chronus, onde viu versão estável em um texto adicionado hoje pelo Érico? Não vou entrar em GE com você. Se acha que está certo, fica assim então. São teorias que tem defensores dos dois lados. O Bolsonaro é orientado pelo gabinete das sombras composto entre outros, pelo médico Paolo Zanotto. Se editores opinam, sem considerar o que está nas fontes, isso é parcialidade.PauloMSimoes (discussão) 01h18min de 20 de junho de 2021 (UTC)

O texto acima foi movido de: Usuário Discussão:Chronus#Pesquisa inédita em Jair Bolsonaro

@PauloMSimoes:   Discordo. Não há "opinião" nenhuma aqui e não são "teorias que tem defensores dos dois lado". O que é existe é uma posição científica e uma pseudocientífica (mentirosa), sendo que a afirmação de que a posição do Bolsonaro não corresponde com a realidade está em consonância com a fonte apresentada. No mais, peço que controle-se antes de fazer novas acusações infundadas de "parcialidade" e "pesquisa inédita". Cumprimentos cordiais. Chronus (discussão) 01h27min de 20 de junho de 2021 (UTC)

Adicionei outra referência, apesar de não achar necessário. Não dá para aceitar a assertiva de que, como uma estratégia de saúde pública, é mais efetivo contrair o vírus do que a vacinação. Em suma, é a defesa da imunidade de rebanho via infecção, cujos efeitos já conhecemos. Érico (disc.) 01h32min de 20 de junho de 2021 (UTC)

@Érico: o último parágrafo da fonte que adicionou mostra que é necessário ser imparcial no texto, atribuindo a contestação Citação: A possibilidade de alcançar imunidade coletiva por vias naturais...foi colocada em dúvida por um estudo de pesquisadores brasileiros publicado na revista Science. Não vejo problema em seguirmos as fontes.PauloMSimoes (discussão) 01h59min de 20 de junho de 2021 (UTC)
Trata-se de uma mera imparcialidade jornalística. Eles sim têm de ficar sempre meio em cima do muro. Nós não, nós podemos e devemos ser assertivos quando necessário, pois o estilo enciclopédico é diferente. Por isso concordo com "o que não é verdade", embora talvez não pelos mesmos motivos que os colegas. --Bageense(fala) 06h19min de 20 de junho de 2021 (UTC)
Na verdade, é pelo mesmo motivo sim: a imunidade de rebanho significa deixar quase todo mundo pegar a doença e morrer às pencas. Por isso "não é verdade". Mas minha resposta acima enfatizava mais o estilo de redação. --Bageense(fala) 06h26min de 20 de junho de 2021 (UTC)
@PauloMSimoes: E em seguir WP:PESO, você vê problemas? Chronus (discussão) 16h23min de 20 de junho de 2021 (UTC)
@Chronus: onde há "peso" neste caso ? Não se está a dar espaço exagerado a essa teoria no verbete. O que penso é que ela é defendida por alguns (e não só o Bolsonaro, que é um boçal que repete o que esses lhe orientam) e a Wikipédia não deve ser editada com visões parciais. Não importa onde essa teoria é aplicada, mas sim que não é consensual, e isso deve ser descrito no texto, até porquê se confirma nas fontes que a comunidade científica não "refuta por refutar", mas traz evidências com estudos acadêmicos. Porque nós temos que emitir opinião com parcialidade ?--PauloMSimoes (discussão) 18h39min de 20 de junho de 2021 (UTC)
Mas nós não estamos dando nenhuma "opinião com parcialidade" aqui. O que você sugere seria o mesmo que dar peso a delírios "terraplanistas" em um verbete sobre a curvatura da terra. Não precisamos "atribuir a especialistas" coisas que são verdades universais. Não há nenhuma questão acadêmica em "debate" ou "disputa" aqui, entende? Como uma enciclopédia nós devemos dar enfoque no que a ciência diz. Apenas. Chronus (discussão) 22h56min de 20 de junho de 2021 (UTC)
@Chronus: então deve proceder a uma limpeza aqui alegando que se está dando peso indevido a uma teoria inverossímil e a "Wikipédia deve apresentar apenas o que tem comprovação científica". Sério isso? Em qualquer artigo, utilizar a frase "o que não é verdade", sem atribuição e desconsiderando o que pensam outras partes, é parcialidade. Ambas as fontes no texto atribuem a afirmação, e caso não tenha lido, uma delas menciona um estudo publicado na Science. Nada mais estaríamos fazendo do que seguir as fontes.--PauloMSimoes (discussão) 00h34min de 21 de junho de 2021 (UTC)
@PauloMSimoes: Sim, é sério. A propósito, se quiser fazer a limpeza que sugeriu, vá em frente! No mais, me poupe de suas interpretações pessoais (e criativas) das regras da comunidade. Chronus (discussão) 02h38min de 21 de junho de 2021 (UTC)

  Discordo, pois vale o que é aceito pela hegemonia da comunidade científica. Caso contrário, seria WP:PESO. Se procurar direitinho tem artigo pra defender qualquer coisa, até que a terra é plana. Portanto, posições anticientificas, em desacordo com a OMS e comunidade científica, não devem ser reproduzidas pela Wikipédia. É assim que vejo, boas edições.Tithoniadiversifolia (discussão) 13h49min de 20 de junho de 2021 (UTC)

Qual o problema em atribuir o "não é verdade" aos infectologistas e especialistas em saúde pública? Por mais que seja real tal afirmação (de "não ser verdade"), apenas colocar a frase sem nenhuma atribuição beira (isso se não chega) a ser parcialidade (sem neutralidade), como se fosse uma avaliação da própria Wikipédia, o que "não é verdade". Entendemos que seja quase risível alguém afirmar tal coisa (de que "contrair o vírus era mais efetivo que a própria vacina"); porém, não é a Wikipédia que está dando sua "opinião" de que isso não é verdade, mas sim pessoas que realmente entendem e que se dedicaram a estudar sobre o assunto. Na verdade, é por isso mesmo que é importante destacar as opiniões que esses profissionais têm a respeito, mesmo que possa parecer óbvio.--Agent010 Yes? 01h21min de 21 de junho de 2021 (UTC)

@Agent010: Qual é a dificuldade em entender que "opinião" não é um termo que se aplica a essa discussão. O que existe é ciência e pseudociência. E não há "parcialidade" em uma enciclopédia afirmar fatos científicos como verdade. Chronus (discussão) 02h40min de 21 de junho de 2021 (UTC)
O princípio de imparcialidade sustenta a neutralidade do conteúdo; contudo, o mesmo não pode ser usado de forma distorcida para contrariar uma informação amplamente respaldada. Aliás, PauloMSimoes, vejo um perigoso precedente: equilibrar o peso de qualquer opinião, se for assim podemos eliminar WP:FC. Edmond Dantès d'un message? 03h10min de 21 de junho de 2021 (UTC)

  Concordo sobre o atentado contra o princípio da imparcialidade. O parágrafo como um todo está até nos padrões, a única ressalva foi a frase "o que não é verdade", sendo verdade ou mentira não cabe a uma enciclopédia julgar. Uma sugestão seria substituir a frase "o que não é verdade" para algo do tipo: "e.g. A OMS emitiu um parecer dizendo que a imunidade de rebanho não é desejável por tal motivo"... Enfim, uma enciclopédia deve ser bem embasada em registrar/aglomerar conteúdos (verificáveis) e jamais deve conter a opinião de um editor. Portanto a frase está ferindo o princípio sem sombra de dúvidas. DeusPatriaRei (discussão) 03h24min de 24 de junho de 2021 (UTC)

@DeusPatriaRei: Consenso científico não é "opinião de um editor", faça-me o favor. Acredito que é o que está havendo aqui é uma interpretação equivocada das regras do projeto. Chronus (discussão) 02h14min de 24 de junho de 2021 (UTC)
@Chronus: Pois bem, então como eu sugeri, deve ser colocado a opinião do consenso científico, citar que se trata de um consenso e colocar as devidas referências. DeusPatriaRei (discussão) 03h21min de 24 de junho de 2021 (UTC)
"Opinião" do consenso científico? Isso é sério? E as devidas referências já foram apresentadas. Chronus (discussão) 03h29min de 24 de junho de 2021 (UTC)
DeusPatriaRei O consenso científico não é uma opinião. A afirmativa que foi feita que o é. Colocar referências é sempre importante, de fato. Caso seja contestada falta de referência, posso eu mesmo as colocar facilmente (documentos da OMS, por exemplo). Novamente trago WP:PESO. Se algo é um consenso científico, este ponto é o referencial principal. Tithoniadiversifolia (discussão) 03h33min de 24 de junho de 2021 (UTC)
@Tithoniadiversifolia Exato. A minha sugestão seria substituir a frase "o que não é verdade" para algo do tipo: "e.g. A OMS emitiu um parecer dizendo que a imunidade de rebanho não é desejável por tal motivo"... DeusPatriaRei (discussão) 04h25min de 24 de junho de 2021 (UTC)
DeusPatriaRei, não foi nesse sentido de referência que eu quis dizer. Me referi a adicionar outra referência externa (se necessário), e não a colocar no próprio texto (o que considero desnecessário). Tithoniadiversifolia (discussão) 04h31min de 24 de junho de 2021 (UTC)
@Tithoniadiversifolia Acabei de fazer a alteração, me diga o que achou. DeusPatriaRei (discussão) 04h42min de 24 de junho de 2021 (UTC)
Pensando bem, para ficar imparcial mesmo teria que citar os cientistas que apoiam e os que recusam essa ideia... Até porque em um caso novo como esse é dificílimo haver consensos bem firmados, mesmo a eficácia dos medicamentos e a eficácia das mais diversas marcas de vacina não são um consenso bem estabelecido (vide o caso da coronavac que até o ano passado possuía +90% de eficácia "comprovada", e neste ano descobriram que é de apenas 50%).
Reitero minha perspectiva, a Wikipedia, como uma enciclopédia, não deve tomar posições ou fazer premissas, vamos nos restringir a reportar os fatos e citá-los (dando os devidos créditos a quem integra o fato, neste caso, trata-se de variadas opiniões de especialistas). +Razão e -Emoção ao redigirem. DeusPatriaRei (discussão) 05h03min de 24 de junho de 2021 (UTC)

───────────────────────── @DeusPatriaRei: Citação: DeusPatriaRei escreveu: «Pensando bem, para ficar imparcial mesmo teria que citar os cientistas que apoiam e os que recusam essa ideia» Sugiro que você compreenda o significado do conceito de consenso científico antes de se achar apto a opinar sobre o assunto. Não existem cientistas sérios que defendem não tomar vacinas em prol da "imunidade de rebanho", assim como não há "variadas opiniões de especialistas" sobre esse tema. E é justamente por estarmos em uma enciclopédia que devemos prezar pelos posicionamentos da comunidade científica e não por mentiras pseudocientíficas. No mais, o Érico reverteu adequadamente a sua edição indevida nesse verbete. Chronus (discussão) 13h00min de 24 de junho de 2021 (UTC)

@Chronus Prezado, cientista sério não é apenas aquele que a maioria concorda, mas sim todo aquele que utiliza o método científico. e.g Qual diferença há entre dois cientistas, um que defende o tratamento precoce e outro que diz que o tratamento é uma "farsa"? Assim como há médicos que receitam certos medicamentos para certos casos e médicos que receitam outros para o mesmo caso. Além disso, só pelo fato de acreditar que existe consenso científico em um caso tão recente, já mostra que a preocupação real não é com a ciência em si. Enfim, mesmo partindo da sua premissa a frase não está de acordo com o princípio da imparcialidade. Se acharem o princípio inadequado, o removam de uma vez.
Confira abaixo:
" Os artigos da Wikipédia devem representar as diferentes visões sobre um assunto, incluindo-as e definindo claramente onde há conflitos e quais são os lados da disputa. Isto significa que:
  • Os fatos devem ser apresentados como tais;
  • Nenhum artigo pode conter referências a opiniões sem que primeiro sejam apresentados argumentos incontestáveis;
  • As opiniões devem ser apresentadas como tal, ou seja, uma opinião deve ser classificada como opinião e deve ser atribuída;
  • Nos temas controversos, sempre que possível, devem ser apresentados os pontos de vista de todos os campos em disputa." DeusPatriaRei (discussão) 17h19min de 24 de junho de 2021 (UTC)
A diferença é simples: um é charlatão e o outro, não. Conforme comentei, a Wikipédia não se contorna ao negacionismo nem se deixa levar por falsas controvérsias. Portanto, a atual versão do artigo está de acordo com WP:PDI. Érico (disc.) 17h24min de 24 de junho de 2021 (UTC)
Caro, @Érico. A Wikipédia não deve se contornar a nada e nem se deixar levar por nada mesmo. Por isso, temos que retratar a informação como ela é. As próprias referências dizem que é o posicionamento de especialistas sobre o assunto. Qual o problema de colocar isso no artigo? DeusPatriaRei (discussão) 17h26min de 24 de junho de 2021 (UTC)
@Érico Trecho retirado de WP:PESO: "A política afirma que não devemos tomar uma posição sobre estas questões, como escritores de uma enciclopédia, mas isso não nos impedirá de descrever visões majoritárias como tal; de explicar de forma justa os fortes argumentos contra a teoria pseudocientífica; de descrever a forte repugnância moral que muitas pessoas sentem frente a visões moralmente repugnantes; e assim por diante." Portanto, descreva que se trata da visão majoritária. Abraços! DeusPatriaRei (discussão) 17h30min de 24 de junho de 2021 (UTC)
Não entendo a razão de citar políticas que dispõem o oposto do que você defende. Não sou eu quem determinou o que é ou não negacionismo em relação a COVID-19. Érico (disc.) 17h40min de 24 de junho de 2021 (UTC)
Citação: Érico escreveu: «Não sou eu quem determinou o que é ou não negacionismo em relação a COVID-19.» Por isso mesmo deve ser explicitado no artigo, ao invés de colocar apenas "o que não é verdade". DeusPatriaRei (discussão) 19h30min de 24 de junho de 2021 (UTC)
A imunidade de rebanho via infecção já foi mais do que refutada pelos especialistas sérios. Quem mais deveria dizer o que é ou não verdade? Um advogado? Um banqueiro? Eu? Você? Não... Érico (disc.) 19h34min de 24 de junho de 2021 (UTC)
Exatamente, meu caro. Deve ser escrito que foi refutado pelos especialistas sérios e de preferência citá-los para dar o devido crédito. Perceba que nossas posições quanto a isso não são antagônicas. DeusPatriaRei (discussão) 19h53min de 24 de junho de 2021 (UTC)
Citação: Chronus escreveu: «E é justamente por estarmos em uma enciclopédia que devemos prezar pelos posicionamentos da comunidade científica e não por mentiras pseudocientíficas». Sim, deve prezar pelos posicionamentos da comunidade científica sem deixar de lado os posicionamentos negacionistas. Afinal, é uma enciclopédia. DeusPatriaRei (discussão) 17h24min de 24 de junho de 2021 (UTC)
O negacionismo em questão já tem seu lugar no verbete Negacionismo da COVID-19. Tithoniadiversifolia (discussão) 21h26min de 24 de junho de 2021 (UTC)

WebsiteEditar

Não existe o website: www.bolsonaro.com É um erro que deve ser corrigido. Piltz81 (discussão) 01h12min de 2 de julho de 2021 (UTC)

@Piltz81:   Feito, obrigado pelo aviso. --Bageense(fala) 14h59min de 2 de julho de 2021 (UTC)
Regressar à página "Jair Bolsonaro".