Abrir menu principal

Domícia (gente)

sobrenome
(Redirecionado de Domícios)

A gente Domícia (em latim: gens Domitia; pl.: Domitii) foi uma família plebeia da Roma Antiga. O primeiro desta gente a alcançar alguma proeminência foi Cneu Domício Calvino, cônsul em 332 a.C. Seu filho, Cneu Domício Calvino Máximo, foi cônsul em 283, e o primeiro censor plebeu. Depois disto, a família produziu uma série de importantes generais para o exército romano e, no final da era republicana, os Domícios eram tidos como uma das mais ilustres gentes em Roma.[1][2][3][4]

Índice

PrenomesEditar

O prenome mais associado com os Domícios foi Cneu. Os Domícios Calvinos também utilizaram Marco e os Domícios Enobarbos, Lúcio.[1]

Ramos e cognomesEditar

Durante o período republicanos, havia apenas dois ramos da gente Domícia, os Enobarbos (Ahenobarbi) e os Calvinos (Calvini), e, com exceção de umas poucas pessoas desconhecidas citadas em passagens isoladas de Cícero, não existe nenhum caso conhecido sem um cognome.[1]

"Calvino", o nome da família mais antiga dos Domícios, deriva do adjetivo latino calvus, que significa "calvo" ou "careca". A forma estendida "calvino" pode ser considerada como um diminutivo ou pode ser uma referência ao fato de que o primeiro dos Domícios chamado assim era apenas parcialmente calvo.[1]

Já "Enobarbo" é uma referência aos cabelos ruivos que muitos de seus membros tinham. Para explicar o nome, que significa "barba vermelha" (literalmente "barba bronze"), e para anotar uma antiguidade distante à família, dizia-se na época que os Dióscuros anunciaram a um de seus ancestrais a vitória dos romanos sobre os latinos na Batalha do Lago Regilo (498 a.C.) e, para confirmar a veracidade do que disseram, tocaram os seus cabelos e a barba, que imediatamente ficaram vermelhos.[5][6][7][8]

MembrosEditar

Esta lista inclui prenomes abreviados. Para uma explicação da prática, veja convenção romana de nomes.

Domícios CalvinosEditar

Domícios notáveis
O grande general Cneu Domício Córbulo
O imperador Aureliano

Domícios EnobarbosEditar

 Ver artigo principal: Enobarbos

Árvore genealógicaEditar

OutrosEditar

Referências

  1. a b c d e f Dictionary of Greek and Roman Biography and Mythology, William Smith, Editor.
  2. Cícero, Filípicas ii. 29.
  3. Plínio, o Velho, História Natural vii. 57.
  4. a b Valério Máximo, Nove Livros de Feitos e Dizeres Memoráveis vi. 2. § 8.
  5. Suetônio, Vida dos Doze Césares Nero 1.
  6. Plutarco, Vidas dos Nobres Gregos e Romanos Aemil. 25, Coriolano 3.
  7. Dionísio de Halicarnasso, Romaike Archaiologia vi. 13.
  8. Tertuliano, Apologético 22.
  9. Lívio, Ab Urbe Condita viii. 17.
  10. Lívio, Ab Urbe Condita x. 9, Epitome 13.
  11. Plínio, o Velho, Historia Naturalis xxxiii. 1.
  12. Políbio, The Histories ii. 19, 20.
  13. Apiano, História das Guerras Samnitas 6, Céltica 11.
  14. Floro, Epitome de T. Livio Bellorum Omnium Annorum DCC libri duo i. 13.
  15. Eutrópio, Breviário da História Romana ii. 10.
  16. Fastos Capitolinos.
  17. Frontino, Strategemata iii. 2. § 1.
  18. Lívio, Ab Urbe Condita Epitome 20.
  19. João Zonaras, Epitome Historiarum viii. 19 ff.
  20. Plutarco, Vidas dos Nobres Gregos e Romanos "Sertório" 12.
  21. Lívio, Ab Urbe Condita Epitome 90.
  22. Eutrópio, Breviário da História Romana vi. 1.
  23. Floro, Epitome de T. Livio Bellorum Omnium Annorum DCC libri duo iii. 22.
  24. Paulo Orósio, Historiarum Adversum Paganos Libri VII v. 23.
  25. Lívio, Ab Urbe Condita xxxiii. 42, xxxiv. 42, 43, 53, xxxv. 10, 20-22, 40, xxxvi. 37.
  26. Valério Máximo, Nove Livros de Feitos e Dizeres Memoráveis i. 6. § 5.
  27. Lívio, Ab Urbe Condita xlii. 28, xliv. 18, xlv. 17.
  28. Cícero, Sobre a Natureza dos Deuses ii. 4, De Divinatione ii. 35.
  29. Valério Máximo, Nove Livros de Feitos e Dizeres Memoráveis i. 1. § 3.
  30. Lívio, Ab Urbe Condita Epitome 61, 62.
  31. Floro, Epitome de T. Livio Bellorum Omnium Annorum DCC libri duo iii. 2.
  32. Estrabão, Geografia iv. p. 191.
  33. Cícero, Pro Fonteio 8, 12, Bruto 26, Pro Cluentio 42.
  34. Marco Veleio Patérculo, Compêndio da História Romana ii. 10, 39.
  35. Paulo Orósio, Historiarum Adversum Paganos Libri VII v. 13.
  36. Suetônio, Vida dos Doze Césares Nerva 12.
  37. Ascônio Pediano, in Cornel. p. 81, ed. Orelli.
  38. Lívio, Ab Urbe CondiLta Epitome, 67.
  39. Cícero, Pro Deiotaro 11, Divinatio in Caecilium 20, In Verrem ii. 47, Cornel. 2, Pro Scauro 1, De Oratore iii. 24, Brutus 44.
  40. Valério Máximo, Nove Livros de Feitos e Dizeres Memoráveis vi. 5. § 5, ix. 1. § 4.
  41. Dião Cássio, História romana Fr. 100.
  42. Aulo Gélio, Noites Áticas xv. 11.
  43. Plínio, o Velho, História Natural xviii. 1.
  44. Macróbio, Saturnália ii. 11.
  45. Cícero, In Verrem v. 3.
  46. Valério Máximo, Nove Livros de Feitos e Dizeres Memoráveis vi. 3. § 5.
  47. Apiano, Bellum Civile i. 88.
  48. Marco Veleio Patérculo, Compêndio da História Romana ii. 26.
  49. Paulo Orósio, Historiarum Adversum Paganos Libri VII v. 20.
  50. Lívio, Ab Urbe Condita Epitome 89.
  51. Plutarco, Vidas dos Nobres Gregos e Romanos "Pompeu" 10, 12.
  52. João Zonaras, Epitome Historiarum x. 2.
  53. Paulo Orósio, Historiarum Adversum Paganos Libri VII v. 21.
  54. Dião Cássio, Roman History xxxvii. 46, xxxix, xli.
  55. Plínio, o Velho, História Natural viii. 54.
  56. Horácio, Epístolas i. 19. 47.
  57. Johann Caspar von Orelli, Onomasticon Tullianum.
  58. Suetônio, Vida dos Doze Césares "Nero" 2.
  59. Júlio César, Commentarii de Bello Civili.
  60. Cícero, Epistulae ad Quintum Fratrem ii. 13.
  61. Cícero, Filípicas ii. 11, Brutus 25, Epistulae ad Familiares vi. 22.
  62. Apiano, Bellum Civile v. 55, 63, 65.
  63. Plutarco, Vidas dos Nobres Gregos e Romanos "Antônio" 70, 71.
  64. Dião Cássio, História Romana xlvii. 1.
  65. Marco Veleio Patérculo, Compêndio da História Romana ii. 76, 84.
  66. Suetônio, Sobre os Doze Césares "Nero" 3.
  67. a b Tácito, Anais iv. 44.
  68. Suetônio, Vida dos Doze Césares "Nero" 4.
  69. Dião Cássio, História Romana liv. 59.
  70. a b Marco Veleio Patérculo, Compêndio da História Romana ii. 72.
  71. Suetônio, Vida dos Doze Césares "Nero" 5, 6.
  72. Tácito, Anais iv. 75, vi. 1, 47, xii. 64.
  73. Dião Cássio, Roman History lviii. 17.
  74. Tácito, Anais xiii. 19, 21.
  75. Suetônio, Vida dos Doze Césares "Nero" 34.
  76. Dião Cássio, Roman History lxi. 17
  77. Marco Fábio Quintiliano, Institutos de Oratória vi. 1. § 50, 3. § 74, x. 1. § 24.
  78. Tácito, Anais xi. 37 ff, xii. 64 ff.
  79. Suetônio, Vida dos Doze Césares "Cláudio" 26, "Nero" 7.
  80. Tácito, Anais ii. 77-79.
  81. Tácito, Anais xiv. 40.
  82. Tácito, Anais xvi. 34.
  83. Dião Cássio, Roman History lxvii. 3, lxvi. 3, 15.
  84. Suetônio, Vida dos Doze Césares "Domiciano" 3, 22.
  85. Digesta seu Pandectae 28. tit. 1. s. 27.
  86. Estêvão de Bizâncio, Étnica s.v. Ολυμπη.
  87. Élio Esparciano, Sétimo Severo 8.
  88. Dião Cássio, Roman History lxxviii. 22.

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Domícia (gente)