Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde agosto de 2017). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Donna Summer
Álbum de estúdio de Donna Summer
Lançamento 19 de Julho de 1982
Gravação 1981
Gênero(s) Pop, dance pop, Disco
Formato(s) LP (1982)
Gravadora(s) Warner Bros
Cronologia de Donna Summer
The Wanderer
(1980)
She Works Hard for the Money
(1983)

Donna Summer é o auto-intitulado álbum da cantora norte-americana Donna Summer, lançado em 1982. Tendo deixado a Casablanca Records, que lançou alguns dos maiores e mais populares sucessos da Disco music na década de 1970, Summer havia assinado com a Geffen Records em 1980 e tinha continuado a trabalhar com Giorgio Moroder e Pete Bellotte, com os quais escreveu a grande maioria dos seus hits. No entanto, a Geffen estava descontente com o segundo álbum que ela gravou, e decidiu arquiva-lo. Em vez disso ela trabalhou com o conhecido produtor Quincy Jones e fez este álbum auto-intitulado.

FaixasEditar

Lado 1Editar

  1. "Love Is in Control (Finger on the Trigger)" (Quincy Jones, Merria Ross, Rod Temperton) – 4:18
  2. "Mystery of Love" (John Lang, Bill Meyers, Richard Page) – 4:25
  3. "The Woman in Me" (John Bettis, Michael Clark) – 3:55
  4. "State of Independence" (Jon Anderson, Vangelis) – 5:50

Lado 2Editar

  1. "Livin' in America" (David Foster, Jones, Steve Lukather, Donna Summer, Temperton) – 4:41
  2. "Protection" (Bruce Springsteen) – 3:35
  3. "(If It) Hurts Just a Little" (David Batteau, Dan Sembello, Michael Sembello) – 3:52
  4. "Love Is Just a Breath Away" (Foster, Summer, Temperton) – 3:55
  5. "Lush Life" (Billy Strayhorn) – 6:26
  Este artigo sobre um álbum de Donna Summer é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.