Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Deanna Troi.

Drusilla Donna Hinckley Stacey Troy, mais conhecida como Donna Troy é um personagem fictício, uma super-heroína no Universo DC, irmã mais nova de Diana, a Mulher-Maravilha. Criada por Bov Haney e Bruno Premiani, estreou na revista Brave and the Bold #60 em julho de 1965. Considerada uma das personagens mais amadas e de complexidade multiversal, como Moça Maravilha, ela foi uma das fundadoras dos Novos Titãs. Com os anos, sua história de origem mudou diversas vezes, e ela enfrentou o mal sob diferentes identidades. Sua habilidade de lembrar-se das diferentes versões de si mesma estabeleceu-a como uma ligação viva com o Multiverso. Ela atuou como Mulher-Maravilha durante o ano de desaparecimento de sua irmã Diana após a Crise Infinita.[1][2] e quando a irmã ficou grávida de seus filhos

Donna Troy
Codinomes conhecidos Moça Maravilha
Tróia
Darkstar
Deusa da Lua
Mulher-Maravilha, Drusilla
Outro(s) nome(s) Drusilla Donna Hinckley Stacey Troy
Ocupação Fotógrafa e aventureira
Afiliações Novos Titãs
Darkstars
Liga da Justiça
Família Era Prata: Núbia (irmã)
Princesa Diana / Mulher-Maravilha (irmã)
Steve Trevor (cunhado)
Rainha Hipólyta (mãe)

Era Moderna:Princesa Diana / Mulher-Maravilha II (irmã)
Rainha Hipólyta / Mulher-Maravilha I (mãe)
Terry Long (ex-marido; falecido)
Carl Stacy (pai adotivo)
Fay Stacy (mãe adotiva)
Jerry Stacy (irmão adotivo)
Cindy Stacy (irmã adotiva)
Robert Long / Lorde Caos (filho, falecido)
Darkstar (filho, O Reino do Amanhã)

Terra Natal Queens
Estado atual Viva
Criado por Bob Haney
Bruno Premiani
Primeira aparição The Brave and the Bold Vol. 1 #60 (1965)
Causa da última aparição Depois que o Superboy quebrou a barreira interdimensional trouxe de volta à vida muita gente como Jason Todd, Elasti-Girl e Donna Troy.
Editora(s) DC Comics
Base de operações Themyscira
Nova York

HistóriaEditar

Misticamente criada a partir de um fragmento da alma da Mulher-Maravilha, a garota conhecida simplesmente como Donna Troy foi resgatada de um edifício em chamas por Reia, Rainha dos deuses Titãs Mitológicos, e levada a Nova Cronos. Os deuses deram a ela o nome Troy, garantindo-lhe, e a outras onze crianças órfãs de diversas partes do cosmo, superpoderes e vasto conhecimento, acreditando na profecia de que uma destas onze “sementes” os salvaria um dia de uma grande ameaça que causaria sua extinção.[3]


De volta à Terra, com 13 anos e sem memórias de Nova Cronos, Donna encontrou inspiração na Mulher-Maravilha da Segunda Guerra Mundial (Rainha Hipólita de Themiscyra, durante uma viagem temporal) e foi a primeira heroína a adotar o nome de Moça Maravilha.[3]

 
Cosplay na Dragon Con 2013

Junto com Robin, Kid Flash e Aqualad, Donna sugeriu o nome de "Turma Titã" para o grupo formado por eles. Viveram várias aventuras até a equipe se dissolver.[3] Tempos depois veio a se juntar ao grupo formado por Ravena, para derrotar Trigon. Desde então, Donna passou por várias situações, tanto como heroína, quanto como civil. Conheceu os pais adotivos com a ajuda de Robin, casou-se com Terrance Long, engravidou, deu à luz Robert Long e liderou o grupo em algumas situações. Enfrentou a contraparte futurística de seu filho junto aos Titãs, renunciou aos seus poderes, descobriu tudo sobre sua criação e sobre Anjo-Negro, tornou-se uma Darkstar, se envolveu em um romance com Kyle Rayner, o Lanterna Verde[3] e, mais tarde, com Roy Harper, o Arsenal, recuperou seus poderes e memória com a ajuda de Kid Flash e Mulher-Maravilha. Tempos depois, junto a Arsenal, Asa Noturna, Tempest e Flash, Donna reorganizou os Titãs e mais tarde, aparentemente perdeu a vida, nas mãos de um robô renegado do Superman.[3]

Recentemente, entretanto, os Titãs e os Renegados descobriram que sua amiga estava vivendo entre os Deuses Titãs, como Deusa da Lua e esposa de Coeus. Os deuses a reconheceram como a salvadora e a confundiram com falsas memórias de sua vida prévia, temendo que ela voltasse sua atenção à humanidade e abandonasse a liderança para um Novo Universo. Donna resistiu ao controle e retornou com seus amigos à Terra, onde recrutou heróis para a formação de um grupo para enfrentar uma Crise que ameaçou toda a humanidade.

Após um ano dos eventos de Crise Infinita, Donna assumiu o manto de Mulher-Maravilha por um arco, e depois Diana retomou seu papel.[3]

Durante o Ponto de Ignição, Donna desapareceu junto com o Garth e recentemente, ela voltou, mas já não era mais a mesma heroina forte e gentil como costumava ser, ela tinha sido uma adversária difícil para a Mulher-Maravilha, mas aos poucos, ela foi recuperando a sua bondade e recentemente se une ao Grayson e ao Garth no evento "Caça aos Titãs" Ela logo se une ao Roy Harper, o Arsenal e ex-parceiro de Jason Todd o Capuz Vermelho.

Após o evento Renascimento, Donna junto com o Dick (que volta a ser o Asa Noturna), Garth (Tempest), Roy (Arsenal) e Lilith (A Sina) se reencontram com o Wally West original, e eles ajudam o Wally a encontrar a sua origem.

Poderes e equipamentosEditar

Como uma réplica de Diana, Donna possui a maioria de seus poderes. Em vários momentos, ela perdeu e ganhou seus poderes, até habilidades únicas para ela.

Possuindo a capacidade de vôo, super velocidade, reflexos, agilidade, durabilidade e resistência, tendo um alto nível de força, sendo ela capaz de rivalizar com seres altamente poderosos do Universo DC, se comparando a própria Diana.[4] Além disso, seu organismo tem um fator de cura acelerado, possibilitando que se recupere rapidamente dos mais variados ferimentos. Ela também é totalmente bem treinada como guerreira das Amazonas, se destacando em muitas técnicas de combate, desarmadas e com armas.

Além de extremamente poderosa, ela possui um arsenal de armas potencialmente úteis, sendo esse:

Laço da persuasão

Pode ser utilizado para deter inimigos, atacar à longa distância, mas sua principal função é o efeito mágico que exerce sobre a vítima laçada. Seu poder não extrai necessariamente a verdade, mas força o alvo a obedecer as ordens de quem utiliza o laço. Para isso funcionar, no entanto, o portador precisa ter uma força de vontade superior à do adversário.

Laço da verdade

As habilidades do laço permitem ao usuário extrair a verdade de quem estiver envolvido, sendo esse seu poder mais conhecido. O Laço da Verdade é capaz de se estender a um limite desconhecido, permitindo à Moça Maravilha combater a longos alcances. Ao capturar um alvo, o item em questão exerce uma força absurda, suficiente para deter seres extremamente poderosos. 

Braceltes da submissão

Par de braceletes metálicos comuns entre as amazonas. Com essas proteções, Donna é capaz de desviar projéteis disparados por armas de fogo, lasers e vários outros tipos de golpes.

Em outras mídiasEditar

A primeira aparição da personagem em animação foi no segmento "Teen Titans" na série da Filmation The Superman/Aquaman Hour of Adventure (1967), o grupo era formado por Ricardito, Kid Flash e Aqualad.

Donna Troy aparece em Young Justice, com Grey DeLisle reprisando o seu papel. Ela estréia na terceira temporada da série como embaixadora de Themyscira na ONU. E continuamente fazendo secundárias participações em alguns outros episódios.

A primeira versão da Donna Troy com uma atriz de verdade é apresentada na série Titans da Netflix, ela é uma uma jovem que perdeu os pais em um incêndio. Sozinha no mundo, ela é resgatada pela Mulher-Maravilha, que a leva para Themyscira, o lar das Amazonas. Lá, a garota é criada como uma das guerreiras e logo passa a combater o crime ao lado da heroína. Troy acompanhava Diana até mesmo nas reuniões da Liga da Justiça, onde conheceu Dick Grayson, o Robin, que acabou se tornando seu melhor amigo. Porém, os caminhos da dupla se desencontraram após ela abandonar a carreira heróica, que só retomou após cruzar o caminho de Grayson, que formava sua nova equipe.[5]

Jogos

Donna Troy aparece em DC Universe Online, dublada por Deena Hyatt. E também é uma personagem jogável em Super-Vilões da Lego DC, dublada por Julie Nathanson.

Ver tambémEditar

Referências

  1. Traduzido por Callari, Alexandre. «Histórias clássicas de Donna Troy». Eaglemoss. Coleção Super-Herói - DC Comics (20): 10-12 
  2. «10 curiosidades que você precisa saber sobre a Donna Troy». Combo Pop. 6 de agosto de 2018. Consultado em 7 de novembro de 2019 
  3. a b c d e f Traduzido por Callari, Alexandre. «A ascensão de Donna Troy». Eaglemoss. Coleção Super-Herói - DC Comics (20): 3-9 
  4. «Conheça Donna Troy, a Garota-Maravilha dos Jovens Titãs». Aficionados. Consultado em 31 de janeiro de 2020 
  5. Avila, Gabriel (16 de janeiro de 2020). «Quem é quem em Titãs». Omelete. Consultado em 31 de janeiro de 2020 
  A Wikipédia tem o portal:
  Este artigo sobre um(a) personagem de Banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.