Druso César

Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre o filho de Germânico. Para o filho de Tibério, veja Druso Júlio César. Para o irmão mais novo de Tibério, veja Nero Cláudio Druso.

Druso Júlio César (em latim: Drusus Julius Caesar), conhecido apenas como Druso César, era um dos filhos de Germânico com Agripina Maior e irmão do imperador Calígula.

Druso César
César do Império Romano
Consorte Emília Lépida
Dinastia Júlio-claudiana
Nome completo Drusus Julius Caesar
Nascimento c. 7
Morte 33 (26 anos)
Enterro Mausoléu de Augusto
Pai Germânico
Mãe Agripina Maior

HistóriaEditar

Druso se casou com Emília Lépida, filha de Marco Emílio Lépido, seu primo de segundo grau. Tácito relata que, durante o casamento, "ela perseguiu o marido com incessantes acusações". Em 36, ela foi acusada de adultério com um escravo e cometeu o suicídio, "uma vez que não havia dúvidas em relação a sua culpa"[1].

Ele tinha quatro irmãos (Tibério e Caio Júlio, que morreram jovens, Nero César e Calígula) e três irmãs (Agripina Menor, Júlia Drusila e Júlia Lívila).

Os avôs paternos de Druso eram Druso, o Velho, e Antônia Menor, filha de Marco Antônio. Os maternos, Marcos Vipsânio Agripa e Júlia, a Velha, filha de Augusto. Druso foi adotado pelo seu tio-avô paterno Tibério depois que o filho dele, Druso, o Jovem, morreu.

Druso César foi posteriormente acusado de tramar contra o pai adotivo. Ele foi exilado e preso em 30, um ano depois da prisão de sua mãe e de seu irmão, Nero César. "Comendo sua própria cama", segundo Tácito, Druso morreu de fome na prisão em 33[2].

Árvore genealógicaEditar


Referências

  1. Tácito, Anais, 6.40
  2. Tácito, Anais, 6.23
  3. Michael Harlan, Roman Republican Moneyers and their Coins 63 BC - 49 BC, Londra, Seaby, 1995, pag. 3.
  4. Ronald Syme, L'aristocrazia augustea, Rizzoli Libri, Milano, 1993, ISBN 978-8817116077, tavola IV.

Ligações externasEditar