Duque de Iorque

(Redirecionado de Duque de York)
Coat of Arms of Andrew, Duke of York.svg
Duque de Iorque
Príncipe André do Reino Unido.jpg
Pariato  Inglaterra
Criação Eduardo III de Inglaterra
1385
Ordem Nobreza Titulada
Tipo Hereditário
1.º Titular Edmundo de Langley
Linhagem Casa Plantageneta
Títulos Subsidiários Conde de Inverness
Barão de Killyleagh
Actual Titular Príncipe André

Duque de Iorque é um título de nobreza do Pariato do Reino Unido, sendo usualmente atribuído ao segundo filho do monarca britânico.[1] O título equivalente no Pariato da Escócia é o de Duque de Albany.

A primeira criação do título remonta ao século XIV, quando o rei Eduardo III de Inglaterra distribuiu ducados pelos seus filhos, cabendo o ducado de Iorque a Edmundo de Langley. Os descendentes de Langley fundaram a Casa de Iorque, que disputou o trono de Inglaterra com os Lencastres durante a Guerra das Rosas (14551485). Depois da subida ao trono de Eduardo IV de Inglaterra, o título foi criado mais sete vezes.

Atualmente, Duque de Iorque é o título do príncipe príncipe André, segundo filho da rainha Isabel II do Reino Unido. O atual Duque teve apenas duas filhas, e não casou novamente após o divórcio em 1996.

HistóriaEditar

Na Idade Média, Iorque era a principal cidade no norte da Inglaterra, e a sé do Arcebispado de Iorque desde 735. Sendo Yorkshire o maior condado em área da Inglaterra.

Iorque sobe o nome viking "Jorvik" foi um pequeno reino no início do período Medieval. No intervalo entre a queda do independente Jorvik sob Eric Machado Sangrento, último rei de Jorvik (falecido em 954), e a primeira criação do Ducado de Iorque, houveram alguns condes de Iorque.

O título de Duque de Iorque foi criado primeiramente no Pariato da Inglaterra em 1385 para Edmundo de Langley, o quarto filho vivo de Eduardo III, e importante personagem em Ricardo II de Shakespeare. O seu filho Eduardo, que herdou o título, foi morto na batalha de Azincourt em 1415. O título passou para o sobrinho de Eduardo, Ricardo, o filho de Ricardo de Conisburgh, 3º Conde de Cambridge (que havia sido executado por conspirar contra Henrique V). O jovem Ricardo conseguiu obter a restauração do título, mas quando seu filho mais velho, que o herdou, tornou-se rei em 1461 como Eduardo IV, o título se fundiu com a Coroa.

O título foi novamente criado para Ricardo de Shrewsbury, segundo filho de Eduardo IV. Ricardo foi um dos Príncipes da Torre, e, como morreu sem herdeiros, o título se extinguiu com sua morte.

A terceira criação foi para Henrique Tudor, segundo filho de Henrique VII. Quando seu irmão mais velho, Artur, Príncipe de Gales, morreu em 1502, Henrique tornou-se o herdeiro aparente ao trono. Quando Henrique ascendeu ao trono como Henrique VIII em 1509, os seus títulos foram fundidos com a Coroa.

Na quarta criação para Carlos Stuart, segundo filho de Jaime I. Quando seu irmão mais velho, Henrique Frederico, Príncipe de Gales, morreu em 1612, Carlos tornou-se herdeiro aparente. Ele foi titulado como Príncipe de Gales em 1616 e eventualmente tornou-se Carlos I em 1625, quando o título novamente fundiu-se a coroa.

A quinta criação foi em favor de Jaime Stuart, o segundo filho de Carlos I. Nova Iorque, sua capital Albany, e a cidade de Nova Iorque, hoje nos Estados Unidos, foram nomeadas em homenagem particular ao Duque de Albany e Iorque. Em 1664, Carlos II da Inglaterra concedeu o território entre os rios Delaware e Connecticut ao seu irmão mais novo, Jaime. Seguindo a captura pelos ingleses do anteriormente território holandês de Novos Países Baixos, e o seu principal porto, Nova Amsterdam, foram nomeados como Província e Cidade de Nova Iorque em honra a Jaime. Após a fundação, o Duque deu parte da colônia para os proprietários George Carteret e John Berkeley. Forte Orange, 240 quilômetros ao norte, as margens do rio Hudson, foi renomeado como Albany de acordo com o título escocês de Jaime.[2][3] Quando seu irmão mais velho, rei Carlos II, morreu sem herdeiros, Jaime o sucedeu como Jaime II da Inglaterra e VII da Escócia, e novamente o título foi fundido com a coroa.

Durante o século XVIII o ducado dobrado de Iorque e Albany foi criado algumas vezes no Pariato da Grã-Bretanha. O título foi primeiramente detido pelo Duque Ernesto Augusto de Brunswick-Luneburg, Bispo de Osnabruck, irmão mais novo do rei Jorge I. Morreu sem herdeiros. A segunda criação do ducado foi para o Príncipe Eduardo, irmão mais novo de Jorge III, que também morreu sem herdeiros, nunca tendo se casado. A terceira e última criação do ducado dobrado foi em favor do príncipe Frederico Augusto, segundo filho do rei Jorge III. Ele serviu como comandante em chefe do Exército Britânico por muitos anos, sendo chamado de "Grande velho Duque de Iorque" nas rimas populares. Ele também morreu sem herdeiros.

A sexta criação do Ducado de Iorque (sem estar combinado com Albany) foi para o Jorge de Gales, segundo filho do futuro Eduardo VII. Ele foi titulado Duque de Iorque após a morte do seu irmão mais velho, príncipe Alberto Vitor, Duque de Clarence e Avondale. O título se fundiu com a Coroa quando Jorge sucedeu seu pai como Jorge V.

O título foi criado uma sétima vez, para o príncipe Alberto, segundo filho do rei Jorge V, e irmão mais novo do futuro rei Eduardo VIII. Alberto tornou-se rei inesperadamente quando seu irmão abdicou, e tomou o nome de Jorge VI, o ducado fundiu-se a Coroa.

O título foi criado novamente, pela oitava vez, para o príncipe André, segundo filho da rainha Isabel II. Até 2021, ele teve apenas duas filhas. Sendo assim, se ele não tiver filhos (legítimos) no futuro, o título tornar-se-á extinto com a sua morte.

Exceto a primeira criação, todas as vezes que o Ducado de Iorque foi criado ele possuiu apenas um ocupante, essa pessoa tendo herdado o trono ou morrido sem descendência masculina.

Duques de IorqueEditar

Primeira criação, 1385-1415, 1425-1461Editar

Duque Retrato Nascimento Casamento Morte
Edmundo de Langley,

1º Duque de Iorque 1385–1402

também: Conde de Cambridge (1362)

5 de junho de 1341

Kings Langley

4º filho vivo do Rei Eduardo III e Filipa de Hainault

Isabela de Castela

1372

3 filhos


Joan Holland

Sem filhos

1 de agosto de 1402

Kings Langley

61 anos

Eduardo de Norwich,

2º Duque de Iorque 1402–1415

também: Duque de Aumale (1397–1399), Conde de Cambridge (1362–1414),Conde de Rutland (1390–1402), Conde de Cork (c. 1396)

1373

Norwich

Filho de 1º Duque com sua esposa Isabel de Castela

Filipa de Mohun

Sem filhos

25 de outubro de 1415

Batalha de Azincourt

42 anos

Ricardo de Iorque,

3º Duque de Iorque 1425–1460

também: Senhor Protetor da Inglaterra, Príncipe de Gales e Conde de Chester, Duque da Cornualha (1460); Conde de Ulster (1264), Conde de March (1328), Conde de Cambridge (1414, restaurado em 1426), Senhor feudal de Clare (entre 1066–1075), Barão Mortimer de Wigmore (1331)

21 de setembro de 1411

Sobrinho do 2º Duque e filho de Ricardo de Conisburgh, 3º Conde de Cambridge e Anne de Mortimer

Cecília Neville

1437

13 filhos

30 de dezembro de 1460

Wakefield

49 anos

Eduardo Plantageneta,

4º Duque de Iorque 1460–1461

também: Conde de Ulster (1264), Conde de March (1328), Conde de Cambridge (1414), Senhor feudal de Clare (entre 1066–1075), Barão Mortimer de Wigmore (1331)

28 de abril de 1442

Ruão

Filho do 3º Duque e sua esposa Cecília Neville

Isabel Woodville

1º de maio de 1464

10 filhos

9 de abril de 1483

Westminster

40 anos

Eduardo Plantageneta ascendeu ao trono em 1461 como Eduardo IV, e os seus títulos foram unidos a Coroa.

Segunda criação, 1474Editar

Duque Retrato Nascimento Casamento Morte
Ricardo de Shrewsbury,

1º Duque de Iorque 1474–1483

também: Duque de Norfolk (1477), Conde de Norfolk (1477), Conde de Nottingham (1476), possivelmente Conde de Warenne (1477)

17 de agosto 1473

Shrewsbury

Segundo filho do Rei Eduardo IV e Isabel Woodville

Anne de Mowbray

15 de janeiro de 1478

Sem filhos

Desapareceu na Torre de Londres, com seu irmão mais velho, os "Príncipes da Torre".
Morreu sem descendência legítima, títulos extintos.

Terceira criação, 1494Editar

Duque Retrato Nascimento Casamento Morte
Henrique Tudor

Casa de Tudor

1494–1509

também: Príncipe de Gales (1504), Duque da Cornualha (1337)

28 de junho de 1491

Palácio de Greenwich, Londres

Filho de Henrique VII e Isabel de Iorque

Catarina de Aragão

11 de junho de 1509 – 23 de maio de 1533

(Anulado)

1 filha


Ana Bolena

25 de janeiro de 1533 – 17 de maio de 1536

(Anulado)

1 filha


Joana Seymour

30 de maio de 1536 – 24 de outubro de 1537

1 filho


Ana de Cleves

6 de janeiro de 1540 – 9 de julho de 1940

(Anulado)

Sem filhos


Catarina Howard

28 de julho de 1540 – 23 de novembro de 1541

(Anulado)

Sem filhos


Catarina Parr

12 de julho de 1543

Sem filhos

28 de janeiro de 1547

Palácio Whitehall, Londres

55 anos

Príncipe Henrique sucedeu como Henrique VIII em 1509 após a morte de seu pai, e seus títulos foram fundidos com a Coroa.

Quarta criação, 1605Editar

Duque Retrato Nascimento Casamento Morte
Carlos

Casa de Stuart

1605–1625

também: Duque de Albany (1600);Príncipe de Gales (1616), Duque da Cornualha e Duque de Rothesay (1612)

19 de novembro de 1600

Palácio Dunfermline, Dunfermline

Filho de Jaime I e Ana da Dinamarca

Henriqueta Maria de França

13 de junho de 1625

9 filhos

30 de janeiro de 1649

Palácio de Whitehall, Londres

48 anos

Príncipe Carlos sucedeu como Carlos I in 1625 após a morte de seu pai, seus títulos foram fundidos com a Coroa.

Quinta criação, 1633/1644Editar

Duque Retrato Nascimento Casamento Morte
Jaime

Casa de Stuart

1633/1644–1685

também: Duque de Albany (1660), Conde de Ulster (1659)

14 de outubro de 1633

Palácio de São Jaime, Londres

Filho de Carlos I e Henriqueta Maria

Ana Hyde

3 de setembro de 1660

8 filhos


Maria de Módena

21 de novembro de 1673

7 filhos

16 de setembro de 1701

Castelo de Saint-Germain-en-Laye, Paris

67 anos

Jaime foi chamado Duque de Iorque desde o seu nascimento e oficialmente criado Duque em 1644. Ele sucedeu como Jaime II em 1685 após a morte do seu pai, e seus títulos foram fundidos com a Coroa.

Criação Jacobita, 1725Editar

Duque Retrato Nascimento Casamento Morte
Cardeal Stuart

Casa de Stuart

1725–1788

também: Cardeal da Santa Igreja Católica (1747), Decano do Colégio dos Cardeais (1803)

6 de março de 1725

Palazzo Muti, Roma, Estados Papais

Filho de Jaime Francisco (Pretendente Jacobita) e Maria Clementina Sobieska

______ 13 de julho de 1807

Frascati, Roma

82 anos

O Cardeal Duque de Iorque sucedeu aos tronos da Inglaterra, Irlanda e Escócia como Henrique IX na sucessão Jacobita. Ele nunca foi reconhecido como Duque ou Rei no Pariato Britânico. Ele foi o último membro sobrevivente da Real Casa de Stuart.

Sexta criação, 1892Editar

Duque Retrato Nascimento Casamento Morte
Príncipe Jorge

Casa de Saxe-Coburgo-Gota

1892–1910

também: Conde de Iverness e Barão Killarney (1892); Príncipe de Gales, Duque da Cornualha, e Duque de Rothesay (1901)

3 de junho de 1865

Marlborough House

Filho de Eduardo VII e Alexandra da Dinamarca

Maria de Teck

6 de julho de 1893

6 filhos

20 de janeiro de 1936

Sandringham House, Sandringham

70 anos

Príncipe Jorge sucedeu como Jorge V em 1910 após a morte de seu pai, seus títulos foram fundidos com a coroa.

Sétima criação, 1920Editar

Duque Retrato Nascimento Casamento Morte
Príncipe Alberto

Casa de Windsor

1920–1936

também: Conde de Iverness e Barão Killarney (1920)

14 de dezembro de 1895

Sandringham House,

Sandringham

Filho de Jorge V e Maria de Teck

Isabel Bowes-Lyon

26 de abril de 1923

2 filhas

6 de fevereiro de 1952

Sandringham House, Sandringham

56 anos

Príncipe Albert sucedeu como Jorge VI em 1935 após a abdicação de seu irmão, e os seus títulos foram fundidos a coroa.

Oitava criação, 1986Editar

Duque Retrato Nascimento Casamento Morte
Príncipe André

Casa de Windsor

1986–presente

também: Conde de Inverness e Barão Killyleagh (1986)

19 de fevereiro de 1960

Palácio de Buckingham

Filho de Isabel II e Filipe, Duque de Edimburgo

Sarah Ferguson

23 de julho de 1986 – 30 de maio de 1996

(Divórcio)

2 filhas

Referências

  1. Desconhecido. «The Dukes of the Peerage of the United Kingdom» (em inglês). UK Dukes. Consultado em 23 de fevereiro de 2012. Arquivado do original em 19 de março de 2008 
  2. «New York - MSN Encarta». web.archive.org. 28 de outubro de 2009. Consultado em 11 de abril de 2021 
  3. «James II | Biography, Religion, Accomplishments, Successor, & Facts». Encyclopedia Britannica (em inglês). Consultado em 11 de abril de 2021