Abrir menu principal

Durante Aquele Estranho Chá: Perdidos e Achados

Durante Aquele Estranho Chá: Perdidos e Achados
Autor(es) Lygia Fagundes Telles
Idioma Português
País Brasil
Editora Brasil Companhia das Letras
Lançamento 2002
Páginas 203
Cronologia
Invenção e Memória
Conspiração de Nuvens

Durante Aquele Estranho Chá: Perdidos e Achados é um livro de Lygia Fagundes Telles publicado em 2002.[1] Nele, há textos breves, de origens, naturezas e épocas diversas, compõem um vívido painel de memórias de Lygia, com destaque para seus encontros e diálogos com personalidades literárias como Simone de Beauvoir e Jean-Paul Sartre às visitas a Jorge Amado e Zélia Gattai, da amizade com Hilda Hilst a um estranho diálogo com Jorge Luis Borges, passando por uma entrevista concedida à amiga Clarice Lispector, personalidades as quais, de um modo ou de outro, marcaram a sua formação como escritora.[2]

Referências

  1. «Durante Aquele Estranho Chá - Perdidos e Achados». Default Store View. Consultado em 6 de janeiro de 2018 
  2. «DURANTE AQUELE ESTRANHO CHÁ - - Grupo Companhia das Letras». www.companhiadasletras.com.br. Consultado em 6 de janeiro de 2018 
  Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.