Abrir menu principal
Edmund Rumpler
Placa memorial em Berlim
Nascimento 4 de janeiro de 1872
Viena
Morte 7 de setembro de 1940 (68 anos)
Züsow
Nacionalidade Áustria Austríaco
Ocupação Projetista de automóveis e aeronaves

Edmund Rumpler (Viena, 4 de janeiro de 1872Züsow, 7 de setembro de 1940) foi um projetista de automóveis e aeronaves austríaco.

Nascido no então Império Austro-Húngaro (atual Áustria),[1] trabalhou a maior parte do tempo na Alemanha.[2] Engenheiro automotivo prático, colaborou com Hans Ledwinka na Nesselsdorfer Wagenbau-Fabriks-Gesellschaft (depois Tatra (automóveis)) no projeto do Nesselsdorf Präsident, em 1897.[1]

Tropfenwagen

Em 1903 saiu da Daimler[1] para tornar-se diretor técnico da Adler (automóveis).[2] Projetou o primeiro motor alemão a agregar numa unidade uma caixa de câmbio na Adler.[1] No ano seguinte patenteou um sistema de suspensão automotiva traseira com eixo pendular,[2] ideia posteriormente adotada por Ferdinand Porsche para o Volkswagen Fusca, bem como por Chevrolet para o Corvair.

Seu interesse voltou-se então para a aviação. Ele deixou a Adler em 1907 e,[1] em 1910, copiando seu conterrâneo Igo Etrich, tornou-se o primeiro fabricante de aeronaves na Alemanha.[2]

Rumpler continuou porém interessado em automóveis, e após a Primeira Guerra Mundial aplicou princípios aerodinâmicos em um automóvel, construindo o Rumpler Tropfenwagen (literalmente "carro gota")[2] em Berlim.[1] Um modelo foi sensação na Internationale Automobil-Ausstellung de 1921 em Berlim.[2] Rumplerproduziu um carro com um surpreendentemente baixo coeficiente de resistência aerodinâmica de somente 0,28 (quando testado em 1979);[2] o Fiat 508 daquele período, em contraste, tinha o coeficiente 0,60.[3]

Sepultura de Edmund Rumpler no Südwestkirchhof Stahnsdorf

O projeto de Rumpler inspirou os carros de corrida da época anterior à Fórmula 1 Benz Tropfenwagen 1923 (que usou o chassis de Rumpler praticamente sem modificação)[1] e o Auto Union (construído com auxílio de engenheiros da Rumpler).[1]

O Tropfenwagen de Rumpler não foi um sucesso comercial, tendo sido montados somente 100 unidades, duas das quais ainda existentes Rumpler retornou à construção de aviões.[4]

Por ser judeu, Rumpler foi preso após a ascensão de Adolf Hitler ao poder em 1933, sendo sua carreira assim arruinada, apesar de ele ter sido solto em seguida. Morreu em 1940, e os nazistas destruíram seus arquivos.[4]

Referências

  1. a b c d e f g h Wise 1974, p.1964
  2. a b c d e f g Lyons 1988, p.73
  3. Setright 1974, p. 38
  4. a b Lyons 1988, p.74

BibliografiaEditar

  • Lyons, Pete. "10 Best Ahead-of-Their-Time Machines". Car and Driver, 1/88, pp. 73–4.
  • Setright, L. J. K. "Aerodynamics: Finding the Right Shape for the Car Body", in Northey, Tom, ed. World of Automobiles (Londres: Orbis, 1974), Vol. 1, p. 38.
  • Wise, David Burgess. "Rumpler: One Aeroplane which Never Flew", in Northey, Tom, ed. World of Automobiles (Londres: Orbis, 1974), Vol. 17, p. 1964.
  Este artigo sobre engenheiro(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.